Короткий рассказ
5
482 ПРОСМОТРОВ
Завершено
reading time
AA Поделиться

Doce vingança

“ Estou cansado ”

Eram esses e outros pensamentos parecidos que vinham rondando a mente de Itachi a algum tempo.

Seu corpo não se mexia mais, estava inerte sobre aquela cama de lençóis brancos, suas pálpebras pareciam pesar cada vez mais, respirar parecia cada vez mais uma tarefa árdua — por isso agora ele usava um aparelho específico para tal tarefa.

Ele não se mexia mais, porém, era como se houvesse corrido uma maratona inteira. Todo seu corpo doía, e seu pulmão parecia que iria explodir a qualquer momento como uma bomba em contagem regressiva.

Sentia sono, mas não se atrevia a dormir, tinha medo de fechar os olhos e nunca mais os abrir.

Itachi tinha medo de morrer. Mesmo que já soubesse desde sempre que esse momento era inevitável na sua vida, não havia tratamento definitivo para sua doença.

Não era só o medo da morte eminente que corria pelas suas veias, era também a preocupação com o irmão mais novo. O que seria de Sasuke sem ele? Como ele se sustentaria? Seu irmão ainda era apenas uma criança.

Queria viver mais, mais por Sasuke. Havia feito tantas maldades, matado tanta gente por uma justiça ridícula, havia manchado o nome de sua família. Ele havia matado seus próprios pais por motivos em que ele — até então — julgava bons e certos. Porém, toda uma vida passada no subúrbio, aos poucos, o fez mudar a forma como via as coisas.

Foi a partir daí que começou a temer por seu irmão. Não queria que ele se envolvesse nesse mundo sujo, não queria que ele sujasse suas mãos. Queria que Sasuke fizesse uma boa faculdade e se formasse em algo que gostasse. Queria vê - lo se casar, e quem sabe, fazer dele tio.

Ah, tudo isso agora era somente desejos para o futuro de Sasuke — que ele nunca saberia se se realizariam . Itachi esperava que se um dia o irmão que tanto o idolatrava chegasse a descobrir tudo o que ele fez, o perdoasse.

Ele não teria tempo para pedir perdão ao caçula, seu tempo se limitava a algumas horas. Horas essas que ele passaria ali — morreria ali —, no escuro de um quarto de hospital.

Pela pequena janela aberta que havia ali, o Uchiha podia notar que algumas gotas discretas caíam do lado de fora. Seus olhos negros como a noite lá fora vagueavam pelos cantos escuros do quarto, em busca de algo que o fizesse esquecer a angústia que era saber que iria morrer a qualquer momento.

Passos pelo corredor ecoavam no ambiente antes silencioso, eles pararam em frente a porta de seu quarto. Estranhou, pois já eram altas horas da madrugada e normalmente enfermeiras e médicos o viam ver somente na parte da manhã — só para checar se ainda estava vivo, sabia disso.

A maçaneta da porta girou, revelando um homem de jaleco branco com uma máscara que tampava parcialmente seu rosto, os cabelos brancos penteados de forma comportada.

Itachi sorriu, bem, ao menos tentou. Pelo visto não seria sua doença a lhe matar.

O homem fechou a porta, enfiando a mão no bolso do jaleco e tirando de lá uma arma e um silenciador.

Enquanto ia se aproximando da cama, colocava o silenciador na arma sem tirar os olhos do homem sobre a cama.

O homem tinha um semblante sério, mas que logo foi quebrado por um sorriso de escárnio. Itachi não precisava ver através da máscara ou coisa do tipo para saber que ele sorria, as maçãs de seu rosto deixavam claro isso. “ Nunca pensei que você chegaria a isso, Itachi Uchiha” A voz saiu carregada de deboche e zombaria.

“ Pois é Kakashi, ninguém espera terminar assim” Sua resposta foi vaga, a voz abafada pelo aparelho em seu rosto. “ Imagino que não veio aqui me dar os pêsames, não é mesmo?”

“ Não” Kakashi carregou a arma, ele usava luvas brancas, Itachi não pode deixar de reparar nisso. “ Você sabe bem de o porque eu estar aqui. Eu não vou deixar que uma doença qualquer mate você. Eu esperei anos para explodir seus miolos, Itachi”

“ Pelo que vejo, nem mesmo na hora da minha morte você não irá me perdoar, não é?”

“ Nunca, nunca te perdoarei por ter matado Obito e Rin, nunca….” As palavras de Kakashi eram cheias de mágoa e tristeza.

Kakashi Hatake foi uma das vítimas do Uchiha. Ah, se ele pudesse voltar no passado e refazer tudo. Se ele pudesse mudar o fato de ter matado aqueles dois jovens que eram tão especiais para Hatake. Ele faria tudo tão diferente….

“ Arrependimentos, Itachi?” Inquiriu o Hatake enquanto colocava o cano frio da arma sobre a testa de Itachi, que sentiu todo seu corpo vibrar com aquilo.

“ Muitos, muitos….”

Um barulho extremamente baixo, Kakashi havia disparado. Havia sangue em seu rosto — nada demais para ele — e nas paredes. Itachi Uchiha estava, enfim, morto. Morto por suas próprias mãos.

Não podia negar, sentia - se feliz por enfim ter conseguido realizar aquilo que tanto fantasiou em seus sonhos mais perversos. Já fazia anos que nutria esse rancor, esse ódio, pelo Uchiha.

Ele tinha outros planos para sua vingança pessoal. Iria matar Sasuke, mostrar a Itachi como era sofrer com a perda de alguém a quem amamos. Porém, ele ainda tinha um coração — e esse maldito — acabou sentindo certa dó do garoto. Talvez seja porque ele o lembrasse de Óbito.

Kakashi sabia que não importasse quem ele matasse, ou quantos, aquela dor da perda sempre estaria ali. Os pesadelos de ter sido fraco, de não ter protegido seus amigos, de vê los sendo mortos e torturados na sua frente….. Eles nunca parariam.

Ele nunca conseguiria apagar essa parte do seu passado.

Limpou o rosto sujo de sangue com a palma da mão, saindo logo em seguida tranquilamente. Já era tão normal para ele matar, que agia como se fosse algo natural. E não era, sabia.

Mas o que poderia fazer? Já era muito tarde para tentar mudar. Era tarde demais para ele, assim como foi para Itachi.

Já na recepção, encontrou um jovem de cabelos pretos e olhos escuros, reconheceu - o imediatamente, era Sasuke. Ele provavelmente veio ver o irmão. Era triste até, o garoto com certeza iria acabar traumatizando - se ao entrar no quarto e ver o irmão com o crânio detonado.

Suspirou, passou pela recepção ignorando o jovem e se dirigindo ao seu impala.

Quem sabe, futuramente, não seria Sasuke a apontar uma arma para sua cabeça e matá - lo.

Ah, Kakashi mal podia esperar por isso.

4 июня 2020 г. 0:03:03 0 Отчет Добавить Подписаться
5
Конец

Об авторе

awnthony ⠀⠀⠀⠀⠀⠀𝙋𝙇𝙐𝙎 𝙐𝙇𝙏𝙍𝘼! -'ღ'- ⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Прокомментируйте

Отправить!
Нет комментариев. Будьте первым!
~