pisno Victória Pisno

Lara Jean e Peter compartilhavam uma vida que beirava a perfeição, apesar de algumas divergências tudo andava como um conto de fadas. Apenas uma coisa poderia acabar com aquela felicidade plena: A faculdade. Depois de passar a sua vida planejando ir para a UVA, LJ se encontra sem saída ao ir para a UNC sem o poder de escolha, e ainda ser separada de ser namorado por uma distância incabível para dois jovens apaixonados. Lara Jean encontra a brilhante opção de pedir transferência para sua sonhada UVA, com a mudança drástica de rotina, ela precisa tomar uma decisão importante, continuar como está ou mudar totalmente sua vida outra vez.


Fanfiction Livros Todo o público.

#kitty #mcclaren #john-ambrose #universidade #peter-kavinsky #lara-jean #para-todos-os-garotos-que--ja-amei
0
1.1mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todas as Sextas-feiras
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo

Chegou a minha vez

Não acredito que finalmente chegou a minha vez de partir, não vou para tão longe como Margot, porém não vou mais estar perto de casa, isso de certo modo me assusta um pouco.

Espero realmente me adaptar a minha nova realidade, sei que depois dessa viagem tudo vai mudar de verdade, não vai ser só um pressentimento como antes.

--Vamos filha, vou te ajudar a arrumar as malas no carro.

Nesse momento estava refletindo, o porquê de eu ter decidido ir dirigindo para a faculdade, e o pior, sozinha.

Peter não pode vir comigo, ele teve que começar os treinos de lacrosse na UVA um pouco antes do período das aulas começarem, eu entendo os motivos dele mas apesar disso eu estava prestes a ficar horas em um carro sozinha dirigindo, não vou negar que meu receio está um tanto quanto transbordando.

--Lara Jean, você está me ouvindo?-- Kitty estava balançando os braços a poucos centímetros de meu rosto por um tempo não percebido por mim, mas por quase deferir um tapa em meu belo rosto conseguiu minha atenção.

--Perdão Kitty, o que estava dizendo?

Percebi pela sua expressão que ela não tinha ficado nem um pouco satisfeita.

--Lara Jean, preste mais atenção. Como eu estava dizendo... Agora que você vai embora também, não tem ninguém para me impedir de que eu fique com o quarto de Margot, e além disso, eu pedi para ela no Skype e ela me disse que eu posso sim ficar com o quarto.

Sorriu de modo vitorioso, mas sua satisfação não durou muito e deu lugar para uma expressão de tédio, quando viu que James corria em direção a antiga casa de Trina.

--De novo?

Ela foi batendo os pés no chão buscar o cachorro fugitivo.

--Tudo bem filha, você tem certeza que não quer esperar até amanhã?

--Sim pai, quero chegar cedo para poder organizar todo o necessário, não quero atrasar tudo antes mesmo de começar.

--Tudo bem

Ele me deu um abraço bem apertado.

-- Como você cresceu minha filha.

Ele me afastou para poder olhar em meus olhos.

--Tenho tanto orgulho de você Lara Jean.

Seus olhos estavam cheios de lágrimas, mas ele fazia de tudo para que nem uma gota caísse de seus olhos.

--Muito obrigada papai!

Dei mais um abraço nele.

-- Agora preciso ir, antes que fique tarde.

--Tchau Lara Jean.

Veio Kitty me abraçar correndo após ter colocado James para dentro de casa novamente.

--Vamos todos sentir muitas saudades.

Ela estava quase chorando, isso me deu um aperto no coração.

Nesse ultimo tempo sem a Margot, acabamos nos aproximando bastante, tenho certeza que farei tanta falta a ela, quanto ela a mim.

--Bom, vou indo.

Me soltei do abraço e fui em direção ao carro, entrei no mesmo, coloquei o cinto e dei a partida.

--Você consegue Lara Jean! -- sussurrei para mim mesma, tentando arranjar pelo menos um pingo de coragem.

Quando senti o carro em movimento, tive a sensação de que esse pingo de coragem estava cada vez mais próximo.

Minha confiança em relação a dirigir tem aumentado a cada dia, e hoje já não me sinto tão insegura, a insegurança está lá, porém lá no fundo, se eu me esforçar um pouco nem percebo a sua existência...

Depois de algum tempo de viagem, resolvi parar em algum restaurante para comer alguma coisa, e coincidentemente no meu GPS tinha um dali um quilômetro...

(...)

Depois de quase três horas dirigindo, cheguei finalmente ao meu destino, estou completamente exausta, tudo que quero neste momento é um longo banho e descanso.

Mas nem tudo é um mar de rosas, preciso organizar todos os meus horários, meu dormitório e todas as outras coisas da universidade.
Para a minha sorte tudo ocorreu mais rápido do que eu esperava, quando me dei conta já tinha resolvido todo o necessário , e estava a caminho do meu quarto.

Aqui era tudo tão lindo, os prédios todos de tijolos amarelados, e os dormitórios eram uma gracinha.
Eu realmente fiquei impressionada pelo tamanho do lugar, por mais que não seja a primeira vez que visitei o local, sou incapaz de não ficar maravilhada com essa universidade.

Descobri que irei dividir o quarto com uma menina na qual não descobri o nome ainda, porém vou descobrir em breve, mas antes vou descansar um pouco...

2 de Maio de 2020 às 01:15 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo Capítulo 1

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 2 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Mais histórias

Cintilante Cintilante
Art Deco Art Deco
Jardim de borboletas Jardim de borboletas