kanaey kanaey

Quando Douma lembrava-se daquela mulher, sua boca chegava a salivar com a recordação do maravilhoso gosto da carne macia dela.


Fanfiction Anime/Mangá Para maiores de 21 anos apenas (adultos).

#canibalismo #morte #Spoiler-mangá #Kotoha #Douma
Conto
0
499 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Kotoha

Ela gostava de me trazer flores sempre que voltava de um passeio pela aldeia. Eu lhe dava um sorriso forçado como agradecimento mesmo sabendo que tudo aquilo era bajulação. Tinha um inocente sorriso nos lábios sempre que eu a via pelos corredores, brincando com a sua cria, provavelmente feliz por estar longe das pessoas que a machucavam. Era muito bonita e eu adorava ouvi-la cantar.

Deseja apenas uma vida tranquila, seus olhos transmitiam isso, era uma ambição tão simples e tão complexa para aquela pobre mulher. Era muito provável que ela tenha achado que encontrou isso sob meus cuidados, e o teria, se não fosse por ser da espécie que era — humana.

Se a fraca Kotoha não tivesse seguido seus instintos, pensado mais, conversado decentemente comigo, eu teria a deixado mais tempo ao meu lado e não me incomodaria de deixar que sua cria crescesse sob meu teto.

Mas ela não quis saber, apenas fugiu de mim ao me ver fazendo algo tão natural que era me alimentar. Talvez minhas necessidades excêntricas tenham sido demais para a coitada. Comer humanos não era muito comum para a espécie dela, afinal.

Todavia, não minto quando digo que tudo estaria diferente se essa mulher tivesse ficado quieta. Hoje ela ainda poderia estar viva, talvez com uma parte do corpo faltando aqui ou ali — já que, bem, não era como se eu nunca tivesse olhado para ela com desejo de provar sua carne macia.

Era uma pena que Kotoha não tenha considerado isso, nem ao menos um segundo sequer, e por isso eu tive que devorá-la inteira, sem nem poder deixar algum resto para mais tarde.

As raras vezes em que caminho pelas ruas da aldeia, dando aos cidadãos o luxo da minha ilustre presença, vejo alguns canteiros com as mais diversas flores e me lembro dessa mulher.

As lembranças são frias, o passado não tinha graça para alguém como eu que arrecadou um muito extenso.

A única coisa vívida em minha memória e que é capaz de fazer eu sentir algo verdadeiro é a lembrança do gosto de Kotoha em minha boca, que até me faz salivar de fome.

E então, nessas raras vezes, eu tenho que retornar ao meu santuário para degustar de mais um aperitivo, na expectativa de que seja tão gostoso quanto Kotoha já foi.

N/A:
Betagem por Moon do Myeon Design<3
Link do blog:
http://myeondesign.blogspot.com/

6 de Junho de 2020 às 17:59 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Fim

Conheça o autor

kanaey ⠀⠀⠀⠀⠀⠀𝙋𝙇𝙐𝙎 𝙐𝙇𝙏𝙍𝘼! -'ღ'- ⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Mais histórias

Iniciativa Fanficadores - descrição do projeto Iniciativa Fanficado...
O alvorecer do amor O alvorecer do amor
Axis Mundi Axis Mundi