Please, Ben! Seguir história

batwondy BatWondy BWW

Depois de ver o próprio filme de Batman VS Superman, ler uns comentários, de ver umas imagens, Gal Gadot decide pedir algo que tem desejado há algum tempo a Ben Affleck.


Fanfiction Celebridades Para maiores de 18 apenas.

#Origem-da-Justiça #Batman-VS-Superman #Liga-da-Justiça #Justice-League #Ben-Affleck #Gal-Gadot #Diana-Prince #Bruce-Wayne #Wonder-Woman #Mulher-Maravilha #batman
Conto
0
566 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Please, Ben!

P.O.V. - Gal

-Por favor Ben! - pedi eu.

-O guião já está pronto, não o vamos mudar por um capricho teu.

-Capricho!?

-Então …um desejo?

-Quase isso!

-Que seja.

-Eu acho mesmo que ia melhorar imenso o filme, principalmente depois do que fizemos no primeiro filme.

Estou neste momento, sozinha numa sala com o Ben, ambos sentados num sofá, para lhe pedir para porem “Batwonder” no próximo filme. E ele não me parece nada aberto a novas ideias.

-E o que foi que fizemos no primeiro filme?

-Demos indícios de que eles poderiam vir a formar um casal.

-E como acrescentar isso pode vir a melhorar o filme?

-Se não colocarmos vamos desapontar vários fãs.

-Eu duvido que haja fãs que queiram que nós formemos casais no filme, devem preferir um pouco mais de ação.

-Achas que não? Queres que te mostre?

Peguei no meu telemóvel, fui ao Google, abri um separador que “guardei” de propósito para este momento e mostrei-lhe.

-Eles querem-nos juntos? - perguntou ele atónico, depois de analisar algumas das fotos e comentários que tinha visto.

-Querem romance entre a Mulher Maravilha e o Batman e não são os únicos, eu também. É um shipp que adoro há já algum tempo.

-Um quê?

-Shipp.

-E isso é?

-Em que século vives, Ben? Shippar trata-se do ato de torcer pelo relacionamento amoroso de alguém, normalmente personagens de filmes, séries, entre outros. E Batwonder é o nome que deram à Diana e ao Bruce juntos. Entendes?

-Um pouco. Mas duvido que vá funcionar.

-E porque não?

-Tem de parecer real e credível.

-Funcionou no primeiro.

-Pois… aquela cena… mas queres o quê, exatamente?

-Não quero que seja só uma suposição de que algo pode haver entre eles, quero que seja real.

-Mas tem de parecer real.

-Já disseste isso. Se é esse o teu problema, podemos treinar para parecer mais realistas.

-O quê?

Levantei-me do sofá e aproximei-me dele. Fiz com que ele se deitasse no sofá e sentei-me em cima dele, com uma perna de cada lado.

-Gal…

-Hum…quero algo hot ou insinuoso… - disse eu, aproximando o meu rosto do dele.

-Gal…

-… uma troca de beijos entre eles… - continuei eu, passando uma mão pelo seu rosto.

-Gal…

-… e algo um pouco mais romântico - completei eu, aproximando os nossos lábios.

-Já agora, fazemos um filme só deles.

-E porque não? Certamente iria dar muito mais resultado do que um da Harley e do Joker já que o relacionamento deles está longe de ser bem visto.

Senti a respiração dele ficar irregular e os seus músculos contraírem ao meu toque.

-Tu… tu estás bem, Gal?

-Ótima! - disse eu, selando finalmente os nossos lábios,

O Ben pareceu resistente ao início, mas depois colocou as mãos na minha cintura e pediu passagem com a língua, cedi-lhe e, enquanto as nossas línguas dançavam, ouvi um gemido da parte dele. Afastei-me um pouco quando faltou o ar.

-Gal… tu não estás casada?

-Sim, mas também sou atriz, faço o que for preciso e o que me pedirem. Se a Diana e o Bruce tiverem de fazer o mesmo, não me importo, de todo! E, se é realismo que queres, é realismo que vais ter.

Voltei a beijá-lo e o Ben inverteu as posições.

-Bem… se é assim que queres - disse o Ben, enquanto me despia.

Mal me encontrou despida, ele beijou-me e uma das suas mãos foi para um dos meus seios, estimulando o mesmo.

-Tens um corpo perfeito, o Yaron tem muita sorte por te ter! - disse ele, voltando a beijar-me.

A outra mão dele foi para a minha intimidade, estimulando-me com três dedos. Quando cheguei ao orgasmo, o Ben tirou os dedos de dentro de mim, afastou-se um pouco e levou as mãos à barra da sua T-shirt justa, que permitia que os seus músculos definidos fossem notados.

-Eu faço isso, Ben.

Aproximei-me dele e comecei a despi-lo. Quando ele ficou nu, colocou um preservativo e pôs-se em cima de mim.

-Posso? - perguntou ele, beijando-me logo de seguida.

-Claro!

O Ben penetrou-me, começando logo com os movimentos, olhou-me nos olhos e sorriu, beijando-me, enquanto aumentava a intensidade dos movimentos. Ele chegou ao orgasmo e eu inverti as posições, cavalgando no pénis, já ereto, dele. Chegamos depois os dois ao orgasmo e eu saí de cima dele. O Ben tirou o preservativo e eu deite-me no seu peito.

-Gostei bastante! - disse o Ben abraçando-me.

Quando recuperamos as forças, vestimo-nos e sentamo-nos no sofá, eu no colo dele, de lado.

-E quanto ao filme? - perguntei eu, enquanto o Ben me compunha o cabelo.

-Vou falar com o resto do pessoal, para acrescentarmos cenas nossas… quer dizer, da Diana e do Bruce…

-Obrigada!

-…se não te importares de passar por cá de vez em quando.

Não consegui evitar e ri, beijei-o e ele sorriu.

-Mas que fique entre nós.

-Claro, princesa!

*****************************

As gravações do filme terminaram e eu estou agora sentada num muro que usamos nas gravações, ainda com a armadura de Mulher Maravilha vestida. Durante o tempo em que estávamos a gravar, no fim de cada sessão, eu e o Ben passávamos pelo seu camarim para nos divertirmos um pouco. E sinceramente, começo a gostar dele. O Ben é tão…cativante.

-Olá, Diana! - disse o Ben, ainda vestido de Batman, sentando-se ao meu lado.

Olhei à nossa volta e não vi ninguém.

-Olá, Bruce!

-Sabes que mais…- disse ele algum tempo depois-…até que gostei do resultado das tuas ideias, ficou bastante bom.

-Até?

-Adorei, tens jeitinho para isto.

-Obrigada!

-Gostei de teres colocado em primeiro plano a Diana e o Bruce, no outro quase que só houve Clark e Louis.

-Sim, foi essencialmente com eles.

O Ben passou a mão pela minha coxa exposta pela armadura, olhou-me nos olhos e sorriu.

-E agora? - perguntou-me ele - Quando nos vamos voltar a ver?

-A ver ver, ou só ver?

-Ver ver.

-Se calhar… no próximo filme! - disse eu esboçando um pequeno sorriso.

-Vou ter saudades, principalmente do teu corpo colado no meu.

-Não duvido!

-Ei!

-Estou a brincar, também vou ter saudades, muitas mesmo.

-Um último beijo?

Eu sorri, coloquei-me no colo dele, entrelaçando as pernas no seu tronco. As minhas mãos passaram pelos seus ombros, parando na sua nuca, coberta pela armadura.

-Só queres um beijo? Tens a certeza?

-Bem…

-Se tirasses a armadura era muito mais fácil.

-Só para o beijo dá perfeitamente, a minha boca está exposta.

-Não é a mesma coisa.

Ele sorriu e inclinou-se para me beijar, abri a boca para o receber e a sua língua invadiu a minha boca. As nossas línguas dançavam e só nos separamos quando nos faltou o ar.

-Bem… - disse eu, saindo do colo dele, ficando de pé no chão -…tenho de ir.

O Ben colocou-se à minha frente, pegou na minha mão e levou-a aos lábios, dando um rápido beijo nas costas da mesma.

-Até à próxima… minha princesa amazona.

-Até à próxima… - disse eu, dando-lhe um beijo na bochecha -…meu cavaleiro das trevas.

Fim!

27 de Fevereiro de 2020 às 12:24 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~