Como eu morro? Seguir história

S
Sabrina Teixeira


Logan 1995, a pacata cidade litorânea estava prestes a presenciar sua maior história criminal de todos os tempos, atraindo atenção dá mídia e a comoção de todo país e de uma nação.


Crime Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#ação #morte #ficçao #segredos #239 #familia #378 #sequestro #crime
1
817 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Sábados
tempo de leitura
AA Compartilhar

Introdução

No ano de 1995 a família Stifler se mudo para Logan, uma cidadezinha litorânea no sul dos EUA. Harry Stifler era engenheiro, seu sonho sempre foi mudar para Logan, e estava realizando o mesmo após a empresa que trabalhava ter se mudado para a cidade. Sua família possuía mais membros do que as famílias locais, talvez devido ao fato de serem de um lugar onde as pessoas tinham mais filhos? Em Logan as pessoas tinham no máximo dois filhos, mas os Stifler eram em seis, e não se importavam nenhum pouco em ter quatro filhos, pelo contrário, os amava muito.

O mais velho dos filhos era Joshua, ele tinha vinte anos e estava prestes a entrar na universidade, queria cursar psicologia, era seu sonho desde muito novo; os do meio eram Azaléa e Christopher, os gêmeos tinham quinze anos e estavam no ensino médio, eram os prodígios dá família e por último, Karin, a menininha de dez anos era a mais nova dentre todos, era a mais mimada dá família, mesmo com a pouca idade, já sabia fazer coisas que normalmente apenas as crianças mais velhas faziam. Aimée era a mãe, uma mulher com seus quarenta e dois anos, tinha cabelos ruivos e olhos verdes, a mulher trabalhava como cabeleireira antes de se mudar para Logan, ela era formada em pedagogia, mas nunca foi uma área que a interessou de verdade, Harry ao contrário dá mulher, tinha cabelos castanhos e olhos na mesma cor, era um homem de postura séria e raramente o viam sorrir. Joshua tinha cabelos castanhos como o pai e olhos verdes como a mãe, era alto e tinha o corpo definido devido ao box – era lutador na época de escola – o moreno estava prestes a iniciar seus estudos, Logan parecia a cidade perfeita diante dos olhos do pai e ele não queria acabar com as esperanças de dias melhores do pai; Azaléa e Christopher eram os do meio, ambos ruivos como a mãe, Cris tinha os olhos verdes e Azzy havia nascido com heterocromia, possuía um dos olhos verdes enquanto o outro era castanho. Os gêmeos eram considerados os prodígios dá família, Christopher tocava diversos instrumentos musicais desde muito novo e Azaléa era o prodígio das telas, pintava desde muito nova e amava o que fazia, dentre a arte e música, os meninos eram muito bons de mira, antes moravam em uma casa com um quintal grande, sempre brincaram de tiro ao alvo e arco e flecha – mas em Logan, não podiam brincar como em sua antiga cidade. Karin era a mais nova e consequentemente, a mais protegida dá família, a menina tinha os cabelos castanhos e os olhos verdes, mesmo pequena sabia fazer diversas coisas, cozinhava tão bem quanto a mãe, adorava música e cantava muito bem, era raro encontrar a menina em algum cômodo dá casa em silêncio.


Mas falando sobre Logan, era uma cidade pequena do litoral, daquelas em que todos se conhecem e dificilmente você passa despercebido. Por mais que Logan fosse menor que a antiga cidade dos Stifler, era um lugar mais seguro, as crianças teriam mais liberdade e poderiam recomeçar a vida sem os erros do passado. Haviam comprado uma casa a alguns quilômetros dá praia, era um tanto quanto grande; possuía quatro quartos no andar de cima, três banheiros, um escritório, a sala, a cozinha no térreo e o porão. A divisão dos quartos a princípio deveria ser Josh em um quarto, Cristopher em outro e as meninas juntas, mas acabou que os gêmeos ficaram juntos, deixando Karin sozinha em um quarto. Eram tão acostumados a ficar juntos que dividir um quarto não era um problema para ambos.


Tudo parecia perfeito na vida dos Stifler, mas a verdade é que a vinda para Logan iria se tornar o maior pesadelo dá família em breve.

2 de Janeiro de 2020 às 18:40 0 Denunciar Insira 1
Leia o próximo capítulo Bem vindo a Logan

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 2 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!