Modo 2- Voodoo e bruxarias Seguir história

pedrota107319401574183963 Pedro Tavares

Uma história baseada na série de jogos Five Nights at Freddy's, porém com outro protagonista e antagonista. Personagens dos capítulos como: Dr.Facilier, Mr.Hippo não são de minha autoria, para mais informações pesquise sobre os personagens e seus autores. Esses capítulos não tem intenção de ganho de lucro nem de fama, apenas de compartilhamento de histórias para se juntar as diversas histórias na ficção.


Ficção científica Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#fnaf
0
358 VISUALIZAÇÕES
Em progresso
tempo de leitura
AA Compartilhar

Você usa o Voodoo?

Em Nova Orleans não é muito de se esperar pântanos, crocodilos, lendas e praticantes de Voodoo, mas o que esse homem fez foi de enraivar os mais calmos dos homens.


20/03/1972, três horas da manhã:


Quem diria que a religião católica estava certa, esse horário realmente é para demônios, demônios como esses que tiraram a vida do meu pai. O ser humano é estranho, todos somos, assim como o fato de você só começa a dar valor a uma coisa quando perde. Foi mal amigo, sei que poderia ter reagido eu tinha poder para isso mas fiquei com medo dele não gostar, acho que era isso que ele queria... Mas eu não!Eu vou encontrar esses jumentos novamente vou mostrar para eles o que é sentir medo.



07/04/1972, meio dia:


Finalmente está pronto, meu bazar de Vodoo vai fazer ganho fácil para mim, mais uma coisa que e incomoda é a Croco’s aqui do lado, muita gritaria, e isso atrapalha a conversa com Meus Amigos. Bones disse pra eu me acalmar, não sei o porquê de tanta calma em uma só sombra, pelo que eu me lembre quando eu criei ela foi para me alegrar, não me dizer o que fazer, sei que ela é criação dos Meus Amigos mas acho que ela deveria ser mais a minha sombra do que a minha consciência, eu sei me virar sozinho.



17/04/1972, ????:


Eles não me deixam dormir seus uivos e sussurros me causam dor, mesmo tentando de tudo, de remédios a ficar batendo minha cabeça na parede nada funciona, eu posso até desmaiar mas seus pesadelos me acordam. Eles sussurram que algo está vandalizando o lar deles e precisam reagir, mas sem poder isso não irá funcionar, estão pedindo almas, almas humanas, me ofereceram dinheiro, magia e FAMA.... Bom, não sei o que irão fazer com as almas mas para mim oque tem grana fácil deixa comigo.



20/04/1972, duas horas da tarde:


Esqueci de escrever no meu diário ontem e anteontem mas isso não faz diferença afinal que lê isso é o Bones e eu. Bom, dia 18 eu encontrei três clientes interessados em uma sessão em grupo, queriam medir um tal de Ki neles, eram asiáticos mas falavam bem o inglês. Pedir para eles se sentarem, eu ia preparar o chá de repurificarão que meu pai ensinou, mas como são Japas resolvi guardar isso para gente da minha terra. Meus Amigos estão falando: “Agora! Agora!”. Eu fiz o que eles estavam me dizendo, fiz passo a passo e eles nem perceberam que eu estava enganando eles, quando se deram conta eu só abrir a mascara do amuleto e seus corpos murcharam feito uma flor de lírio no verão, foi até engraçado. Usei os corpos deles como decorações, alguns eu retirei a cabeça e fiz uma cabeça encolhida de brinde, quando perguntavam eu dizia que era de plástico. Dia 19 foi um dia chato, quase não teve nenhum movimento na loja, além do Bones e suas pegadinhas.


21/04/1972, cinco horas da manhã:


Estou desde ontem sem dormir, estão provocando alucinações quando ainda estou acordado, quando vou ao banheiro vejo meus olhos sangrando e minha costela exposta, porém quando eu pisquei o meu reflexo havia voltado ao normal, Meus Amigos uma vez disseram que podiam ter uma premonição de quem iria vim a morrer e a causa da morte da pessoa, depois que eu me lembrei daquilo eu fiquei com medo de voltar ao banheiro. Vou tentar dormir, de novo.


22/04/1972, não quero falar as horas:


Estou com muita dor de cabeça, se eu não fizer oque mandarem talvez eu possa ficar louco, vou dar uma pausa no diário até tudo voltar ao normal...



20 de Novembro de 2019 às 01:21 0 Denunciar Insira 0
Leia o próximo capítulo Um dia de um condenado

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 3 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas