Savage Seguir história

ya-young1554031536 Ya Young

Selvagem, selvagem Quando você me toca, você me leva para o céu Quando você me segura, meu corpo é uma arma Se você acha que pode me salvar, me derrubar e me domar Aqui está sua chance de fazer algum dano, selvagem... Algo que surgiu com essa musica Savage - Bahari.


Fanfiction Anime/Mangá Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#KimetsuNoYaiba #Tanjiro #Inosuke #InoTan #KnY
Conto
0
872 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

First Kiss

" Você me chamou de selvagem, mas o selvagem sempre foi você... "


Tanjiro não acreditava no que acontecia estava aos beijos com Inosuke a mais de uma hora e o garoto a sua frente só melhora-vá naquilo. Mesmo o gosto de sangue não diminuía a vontade de continuar aquele beijo.

Sentia Inosuke forçando seu peso contra seu corpo, soltou o ar que segurava em seus pulmões, e sentiu eles saírem queimando, já tinha perdido a concentração total da sua respiração e notara que Inosuke também.

Seus olhos se iluminaram com os pequenos reflexos da lua, dando-lhes um tom mais vermelho, quase como se fosse um Oni, prestes a devorar um humano e certa forma Tanjiro era esse Oni; forçou toda sua musculatura mudando a posição naquele minusculo comodo.

Não lembrava a hora em que Inosuke entrou, afobado ainda perplexo depois de ver os pilares do amor e da serpente se beijando, e contar isso ao Tanjiro que concluía sua conversa com Nezuko ainda adormecida na cama, Inosuke se aproximou, e logo tomou os lábios do garoto em um beijo, Os corpos foram ao chão com o afobamento de Inosuke.

Inosuke sentiu que sua força não seria pário para o de Tanjiro e se deixou dominar; O beijo foi ficando intenso, feroz…

Inosuke povs

— Gonpachiro Kamaboko. - Tanjiro calou Inosuke com um beijo.

O corpo de Tanjiro sobre o seu lhe trazia novas sensações, sensações que ele começava a gostar e querer mais, puxou os pequenos fios de cabelos da nuca do garoto acima de si, fixando seus olhos no agora vermelho-escuro.

O friccionar das ereções o fez soutar um som diferente dos que já conhecia, o fazendo fechar os olhos em total descontrole de si, parecia tentar entender onde aquilo podia o levar, ou se aquilo era algo bom. Esperou que Tanjiro disse- se algo mais só tinha silencio.

Abriu os olhos, assim vendo o corpo semi nu a sua frente, via os tecidos do uniforme do mais novo deslizando pela pele branca, de novo os olhos do mais novo estavam em um tom vermelho, pode ouvir a respiração concentrada de Tanjiro, e isso lhe causou um arrepio.

O mais novo inclinou a cabeça para o lado, sorrindo vitorioso com tudo aquilo, pegou a mão de Inosuke e levou aos lábios mordendo com força. Realmente Tanjiro parecia um Oni, puxou com brutalidade o corpo do mais velho, mordendo seu pescoço, enquanto tentava abrir a roupa do Inosuke.

O polegar foi direto ao mamilo do mais velho friccionando aquela região, o aperto veio depois fazendo-o gemer mais uma vez. A falta paciência e de prática levou os dois a uma afobação sem limites.

Só quando Inosuke apertou suas unhas em sua pele foi que Tanjiro recobrou a paciência, estocando mais devagar no corpo do outro e abraçando como podia o mais velho, os quadris se chocando o som de gemidos e pele se encontrando, foi interrompida por um grito de prazer vindo de ambos os corpos quando o ápice chegou, Tanjiro sentiu o líquido pegajoso entre seu corpo e o de Inosuke.

Ao olhar para o mais velho ele não acreditava no que via, bem a sua frente estava um Inosuke corado, tentando esconder o próprio rosto, com o abdômen sujo de sêmen, se afastou para admirar melhor aquela obra, pode ver seu sêmen escorrendo junto a um pouco de sangue.

Mas rápido que seu pensamento abraçou o ser a sua frente dando-lhe conforto e calma, tentando se controlar para não começar tudo novamente.

23 de Setembro de 2019 às 14:52 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~