Vítreo - Prestes a Despedaçar Seguir história

rscarter_ R.S. Carter

Belle Arneud só queria provar para aquelas pessoas o quanto ela era capaz e que não era apenas uma sombra. Mas ficar presa no topo das montanhas ao sul da cidade no meio de uma nevasca com um homem de olhar penetrante e longos cabelos loiros, não era parte do plano. Antoine Chermont cometeu um grande erro 7 anos atrás. Por isso viveu isolado nas montanhas pelos últimos dois anos, mas a chegada daquela bela garota, muda sua percepção da vida por completo. Uma pena que... Tudo está prestes a despedaçar.


Romance Contemporâneo Todo o público.

#montanhas #segredos #amor #erótica #original #França #releitura #RSCarter #drama #258
5
540 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Sábados
tempo de leitura
AA Compartilhar

Se eu não fosse feita de carne e ossos, seria feita de vidro

Se eu não fosse feita de carne e ossos, seria feita de vidro: Transparente, gélida e facilmente quebrável.

Talvez fosse a minha sina ter a alma maculada. Ser quebrada e sombria por dentro. Talvez a garota feliz que nasceu com um bom coração tenha sido assassinada em Paris junto com os pais numa noite gélida.

Eu estava caminhando na rua. Meu pai segurava minha mão esquerda, minha mãe a direita. Ele olhou para ela que sorriu para ele. Eu era só uma menininha usando um vestidinho azul, voltando do teatro. Passando por um beco, de volta para casa.

Foi difícil enxergar a luz quando a morte encarnada apareceu. Meu papai pôs-se à frente de mim e mamãe, na tentativa falha de nos proteger.

— Feche os olhos, querida. - Minha mãe sussurrou em meu ouvido

Eu queria obedecê-la, eu tentei obedecê-la, mas parecia impossível. Uma força maior que eu, me proibia de fechar os olhos. Me obrigava a ver o que estava por vir.

E, numa fração de segundos, havia sangue por todo lado.

O sangue dos meus pais.

Não consegui me mexer, não consegui parar de encarar a cena.

Meus pais estavam mortos.

A morte se aproximou de mamãe, arrancou o colar dourado que adornava seu pescoço, e desapareceu.

Eu recitei uma oração baixinho, pois sabia o que estava por vir... Eu também seria executada, junto aos meus pais.

Eu esperei que a morte voltasse para me levar quando tudo ficou completamente escuro, e eu fiquei completamente sozinha. Mas foi muito pior quando percebi...

A morte não iria voltar para me buscar.

Não naquela noite.

10 de Maio de 2019 às 21:24 0 Denunciar Insira 121
Leia o próximo capítulo Foi só um pesadelo, Belle.

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 1 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!