Tempestade Seguir história

gabriel-regis- Gabriel Regis

''Dentro de mim há uma tempestade severa e o meu coração palpita como se quisesse gritar''.


Poesia Todo o público.
Conto
1
2388 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Tempestade

Dentro de mim há uma tempestade severa

e o meu coração palpita como se quisesse gritar.

Meus ouvidos sangram pois o barulho da minha mente é insuportável

e essa dualidade faz o meu corpo definhar.

Estou tão longe de casa

e meus olhos estão vendados;

Eu não consigo enxergar a saída.

As sombras tem me acalmado,

junto com as drogas que acalmam minhas crises.

Que meu colapso seja em silêncio, pois como

um vulcão que explode por dentro,

ninguém verá meu magma.

24 de Janeiro de 2019 às 09:14 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Gabriel Regis https://www.recantodasletras.com.br/autor_textos.php?id=206184

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~