(2018) Fim Seguir história

inkosazana Inko Sazana

[...] Em meu interior ainda vivia uma esperança, ainda desejava arriscar, mas Amber não parecia disposta ao fazer o mesmo, e era minha obrigação respeitar sua decisão e aceitar o fim.[...]


Fanfiction Jogos Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#yuri #Ambre #crackship #amor-doce #AD #Priya #Ambre-Priya
Conto
1
4748 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Capitulo único

Era tão bonita, tudo em Ambre emitia beleza, desde seus — agora curtos — cabelos loiros, até seus olhos verdes esmeraldas.

Olhei para os lados, e ao ter certeza que estávamos sozinha, me aproximei para dar um beijo em seus lábios, mas fui impedida.

— Não podemos ficar juntas — Expressão fria e indiferente, ela sabia disfarçar bem, eu até poderia acreditar, mas seus olhos a denunciavam, ela ainda me queria — Não ouviu? Acabou, saia daqui Priya.

Permaneci no mesmo lugar, busquei fazer contato através de seus olhos, mas Ambre continuava fugindo, estava com medo, tinha medo de que eu destruísse sua máscara, sabia que se eu a quebrasse não teria forças para consertá-la novamente.

— É isto mesmo que você quer? — Pergunto tentando disfarçar minha decepção.

— Sim — Sua voz era firme.

Quem não a conhecesse poderia acreditar facilmente naquilo, mas, eu a conhecia, conhecia cada parte de seu corpo e seus limites, conhecia seus defeitos e qualidades, aprendi a amar, lidar e respeitar cada um deles, busquei compreendê-la como ninguém antes jamais havia feito, sabia que ela não fazia aquilo porque queria, fazia por medo, por seus pais.

Aceno positivamente com a cabeça sem tirar meus olhos dela, por mais que me doesse respeitaria sua decisão.

— Não precisa se preocupar, irei me afastar.

Tudo dentro de mim gritava para que desse meia volta e a tomasse em meus braços em um beijo, mas não o fiz, isso só acarretaria mais sofrimento para ambas.

Desde o início era claro que não teríamos futuro, um relacionamento proibido, as escondidas, sabíamos que se viesse a público geraria problemas para ambas as partes, a fúria dos pais dela e o decepcionamento de meus amigos ao me ver em um relacionamento logo com Ambre, aquela que eles tanto julgavam, aquela que fazia mal a todos, infelizmente não tiveram a chance de conhecê-la como eu tive em eu meu interior ainda vivia uma esperança, ainda desejava arriscar, mas Ambre não parecia disposta a fazer o mesmo, e era minha obrigação respeitar sua decisão e aceitar o fim.

Virei em direção oposta a dela e segui meu caminho pelos corredores desertos da escola, levando todas nossas lembranças comigo.

10 de Setembro de 2018 às 20:22 0 Denunciar Insira 0
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~