Surpresas Inesperadas Seguir história

megawinsone Megan W. Logan

Milo realiza uma festa no santuário, que mudará para sempre a vida de Shaka e Shina. O que será que aconteceu? Em contrapartida Mu também enfrentará algo que nunca imaginou e que o pegará totalmente desprevenido. O que será que houve?


Fanfiction Anime/Mangá Para maiores de 18 apenas.

#saint-seiya #cdz #festa #shina #milo #Saori #mu #shaka #romance #drama
3
5.1mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Nem tão santo assim!


Nota: O pensamento dos personagens ficará em itálico.

-


Seis anos após a vitória sobre Hades, a deusa Athena reviveu todos seus cavaleiros leais com a ajuda de Zeus. Com o intuito de comemorar esse grande feito, Saori resolveu fazer uma festa para os cavaleiros e amazonas como agradecimento pela bravura deles durante a guerra.


Na terceira semana que eles foram revividos, Athena nomeou Mu como mestre do santuário, porque ele era sábio. Enquanto para Milo, pediu para que ele organizasse uma festa de comemoração, pois ele era perito nisso. Resolveu abolir também o uso de máscaras pelas amazonas deixando todos de boca aberta com sua atitude.


Finalmente o dia esperado por todos chegou, a festa tão aguardada, a noite estava estrelada e a lua cheia enfeitava o céu. Vozes e gargalhadas podiam ser ouvidos pelo lugar, a festa de comemoração começou quando Saori chegou ao salão.


O local estava muito bem decorado e a música variava de dance a rock, agradando todos os gostos. Shaka estava sentado em um dos cantos do recinto, parecia não muito feliz de ser forçado pelo seu amigo Milo a beber Wisky. Enquanto o cavaleiro de Áries só dava risada da situação, esse parou imediatamente quando Athena sentou ao seu lado e começou a beber junto com ele.


– Pode continuar rindo Mu, não quero atrapalhar – Cochichou a deusa.


– Você não atrapalha – Sorriu.


– Nós estávamos rindo da cara do Shaka – Comentou Milo.


– Não achei nada engraçado – Shaka sussurrou.


A conversa fora interrompida por Shina que se acomodou ao lado de Shaka, pois fora convidada pelo cavaleiro de escorpião.


– Quem morreu Shaka? - Gesticulou a amazona.


– Ninguém ainda! – Respondeu furioso.


– Beba que logo você melhora.


O cavaleiro de virgem depois de alguns goles, se soltou e parecia mais animado e todos que estavam ali na mesa também. Nem perceberam quando todos os convidados foram embora, ficando somente eles.


No dia seguinte...


Ai como meu corpo dói, que dor de cabeça meu buda, não bebo nunca mais!


Onde estou? Por que estou todo molhado? Será que molhei as calças e o chão? Preciso abrir meus olhos para me certificar, assim desse jeito não dá. Meu buda! O que Shina está fazendo pelada em cima de mim? Eu estou sem roupa também e pelo que parece estamos na banheira de hidromassagem do Milo, será que eu e a Shina?


Maldição! Não me lembro de quase nada, como fui burro em beber tanto, agora fiz uma besteira ou não, até que ela é bonita, não seria sacrifício nenhum ter algo além de amizade.


Preciso acordar ela, tenho que sair depressa daqui, eu preciso meditar e fazer todas as lembranças dessa noite voltar a minha mente.


– Shina acorda! 


Sussurrei em seu ouvido, ela acordou aos poucos e me olhou com os olhos arregalados quando viu a situação que nos encontrávamos.


– O QUE ACONTECEU? NÓS FIZEMOS? – Questionou a amazona exasperada e temerosa ao mesmo tempo.


– Não sei, fique calma, que logo descobriremos.


Shina estava furiosa, se pudesse, eu acho que me mataria. Por que ela está se levantando? Ai meu buda! Como essa amazona é gostosa, estou ficando excitado, não posso deixar ela ver.


– Já sei de tudo, você se aproveitou de mim, quando viu que eu estava bêbada e abusou de mim! – Vociferou a esverdeada fechando o punho.


Ao ouvir ela me acusar daquela maneira sem fundamento, me esqueci o que tentava esconder debaixo da água e me ergui. Quando me viu daquele jeito, ficou envergonhada e atirou uma toalha para mim me cobrir.


– Shaka, como você pôde ficar nu na frente de uma dama? E ainda mais todo animado desse jeito? – Apontou sem cerimônias para o cavaleiro.


Fiquei com vergonha quando me lembrei do que ela estava se referindo, no mesmo momento peguei a toalha e a coloquei em torno da minha cintura e fui até o quarto de Milo, que ficava próximo dali.


– Você também está pelada, será que dá de colocar alguma roupa? A sua roupa está ali.


Apontei para o canto esquerdo onde as roupas dela estavam. Ela não esperou muito para colocá-las, notei que Shina suspirou ao perceber que sua blusa estava um pouco rasgada.


– Nem pense nisso, nunca a forçaria a nada, se fizemos algo você também quis, olhe só minhas costas.


Me virei e mostrei a ela as marcas de unha que tinham lá e que foram feitas recentemente, pois ainda estavam avermelhadas – Notei ao olhar no espelho quando procurava um calção de Milo dentro do guarda-roupa.


– Agora que você falou, eu me lembro de alguma coisa, somente em flashes...


Shina ficou apavorada, então quer dizer que não sou tão santo assim? Como todos dizem?


– Você é um pervertido, não acredito que um santo como você pudesse fazer tudo o que me lembro! Shaka de Virgem, nem tão Virgem assim! Agora você vai ter que casar comigo! – Exigiu enfurecida.


Ela avançou furiosamente em mim e começou a me bater, agora que ela falou me lembrei de algo, sei que sou muito gostoso.


– Eu caso, não vai ser sacrifício nenhum! – Concordei rapidamente, pois pra mim não teria problema nenhum, somente vantagens.


-

Continua

-


Nota: Quem será que passou a noite com Mú? Não perca o próximo capítulo!


Lembrete: Essa fanfic foi escrita em 2006, por isso ela foi reeditada.

10 de Julho de 2018 às 20:47 0 Denunciar Insira 2
Leia o próximo capítulo Uma Chance

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 3 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!