Discussion that leads to love Seguir história

txemin mandy

Isso é uma das coisas que mais amo em Jeon Jungkook. Ao mesmo tempo em que é uma criança birrenta, quando provocado por causa de um super herói, é um homem maduro e sexy.


Fanfiction Bandas/Cantores Para maiores de 18 apenas.

#lemon #lgbt #osvingadores #homemdeferro #capitãoamérica #heróis #jungkooktop #jungkook #yoongi #yoonkook #bts
Conto
3
4858 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Único

Fazia uma meia hora que Jungkook chegara ao meu apartamento e estava com o controle na mão, trocando de canal, até que encontrasse algo de seu gosto. Já eu, estou preparando pipoca doce, com muito chocolate, para nos acompanhar quando formos assistir à algum filme. Hoje faz um ano e seis meses que estamos juntos, não poderia estar mais feliz ao finalmente estar ao lado de quem amo.

Com a calda de chocolate pronta, despejo-a na pipoca e levo a vasilha para a sala, sentando-me ao lado do moreno no sofá.

– Hyung, está passando o filme novo de “Os Vingadores”, pode ser? – Pergunta-me com os olhos vidrados na televisão.

– Você já não assistiu? – Encosto-me mais confortavelmente no sofa, enquanto me delicío com o sabor doce da pipoca.

Jungkook me encara com seus olhos pidões e um bico em seus lábios rosadinhos, fazendo com que eu solte uma risada de sua infantilidade.

– Ah, hyung, é legal! E eu amo o Homem de Ferro. – O Jeon continua com o bico nos lábios e sem me conter, aperto suas bochechas e deixo um selar em cada uma delas.

– Tudo bem, mas eu prefiro o Capitão América. – Como mais um pouco de pipoca e deixo um sorriso esperto moldar meu rosto. Adoro provocá-lo, ainda mais sobre isso, onde seu lado mais fofo vem à tona.

– Aigo, hyung! Como pode preferir o Capitão América? – Pausa os créditos iniciais do filme e fita-me incrédulo.

– Ele ficou congelado por muito tempo, é forte e não precisa de uma armadura. – Tento me manter sério ao ver outro bico, agora emburrado, em seus lábios fininhos.

– Aish Yoongi-hyung. – Afasta-se de mim e senta do outro lado do sofá.

Não consigo segurar o riso e com isso escuto um resmungo do mais novo, fazendo-me rir ainda mais. Porém, me mantive eu meu lugar com a vasilha em meu colo e passei a assistir ao filme.

Até a metade de “Os Vingadores”, fiquei provocando Jungkook dizendo “viu só” toda vez que o Capitão América fazia algum feito heroico, deixando-o ainda mais emburrado e deixando-me com uma vontade ainda maior de beijá-lo.

Deixo a vasilha de lado e aos poucos, vou me aproximando de Jungkook, que está vidrado no filme, e quando estou perto o suficiente, sento-me em seu colo colocando uma perna de cada lado de seu corpo, agarrando seu queixo com a mão para que olhe para mim.

– Não fique zangado com o seu hyung. – Deposito um selar na pontinha de seu nariz. – Sabe que gosto de te provocar sempre que assiste alguma coisa do Homem de Ferro. É tão fofo. – Deixo mais alguns selares por todo o seu rosto e sem demora, coloca suas mãos em minha cintura e sorri em meio aos meus carinhos.

– Só você, hyung. – Ri nasalado, mas para assim que desço os selares de seu rosto para o seu pescoço, chupando e mordiscando.

– Ainda quer assistir ao filme? – Jungkook joga a cabeça para trás e fecha os olhos, aproveitando do carinho cheio de segundas intenções. – Agora você prefere o Homem de Ferro? – Deixo um chupão em sua pele macia, recebendo um arfar em troca.

– Aigo, Yoonie! Nem preciso responder. – Aperta ainda mais forte minha cintura.

– Mas eu quero uma resposta. – Provoco em um sussurro em seu ouvido e coloco minha mão, perigosamente, perto de seu membro que já está animado.

– E-eu prefiro você, hyung. – Afasto minha mão e levo-a até a barra de sua camisa, subindo o tecido pelo seu tronco e com sua ajuda, tirando a peça de roupa.

Aproximo minha boca da sua, deixando um leve selar. Para provocá-lo, dou uma leve mordida em seu lábio inferior e afasto-me.

– Ah não, hyung, termine o que começou!

Suas bochechas estão rosadas e em um movimento rápido, coloca uma de suas mãos em minha nuca e aproxima seu rosto do meu, selando mais uma vez nossos lábios em um beijo doce e quentinho.

Peço passagem com a minha língua para aprofundar o beijo, que logo é correspondido. Assim como seus lábios estão doces, seu gosto também está, deixando ainda mais delicioso o ósculo molhado e cheio de carinho. Mordisco seus lábios e aproximo ainda mais o meu corpo do seu, espalmando minhas mãos em seu peitoral e arranhando-o com minhas unhas curtas. Jungkook arfa durante o beijo quente quando aproximo mais uma vez minha mão de sua intimidade. Ele segura meu pulso, afastando um pouco, para em seguida colocar a mão na bainha de minha camisa. Ajudo-o a tirar o fino tecido e, quando vejo-me livre, nos afastamos um pouco para tirarmos o restante das roupas, sem cerimônias.

O Jeon deita por cima de mim no sofá e é a vez dele de distribuir vários beijos por toda a minha face e me provocar roçando, vez ou outra, as nossas ereções. Gemidos baixos envolvem o ambiente, entre beijos e carícias repletas de amor, sem pressa alguma. O mais novo desce uma trilha de selares molhados que vai do meu queixo, para o meu pescoço, meu tronco e por fim minha intimidade, deixando um selar em minha glande. Arfo completamente entregue ao prazer e Jungkook continua com a trilha de beijos até chegar à minha entrada.

O mais alto para por um momento e leva um dígito aos lábios, começando a chupá-lo. É extremamente excitante de se ver. E dado por satisfeito, introduz o dedo em meu orifício e volta a ficar por cima de mim, onde iniciamos um beijo desajeitado pelos gemidos que cada um solta. Jungkook continua com movimentos lentos e quando começo a mexer o meu quadril impaciente, ele introduz mais um dígito, arrancando um gemido alto e arrastado de mim. Passo minhas mãos por todo o seu corpo, aproveitando da maciez de sua pele e mordisco seu pescoço que contém seu cheiro único.

Quando fico impaciente mais uma vez, querendo que aumente a velocidade de seus toques, Jungkook tira-os de dentro de mim. Resmungo descontente, porém acabo arfando surpreso ao sentir meu membro envolto de sua mão grande, quente e macia.

Ele faz movimentos de vai e vem, que quase me deixam louco de prazer, e ao notar que estou quase lá, Jungkook para mais uma vez, recebendo outro resmungo meu que o faz rir e sem demora, preenche-me de uma vez, unindo nossos corpos quentes e suados.

O Jeon fica parado por alguns instantes, esperando eu me acostumar com a dor incômoda, enquanto olha fundo em meus olhos e distribui carícias suaves em meus cabelos. Após alguns instantes, o movimento de vai e vem começa e sou levado ao paraíso junto de Jungkook. O nosso paraíso particular.

Isso é uma das coisas que mais amo em Jeon Jungkook. Ao mesmo tempo em que é uma criança birrenta, quando provocado por causa de um super-herói, é um homem maduro e sexy.

1 de Julho de 2018 às 00:16 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

mandy escritora no social spirit: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/harryised

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~