Cavaleiros do Zodíaco - Corrupção Divina Seguir história

clcomics Crazy Lines Comics

Apos os eventos do Omega, Ikki retorna com uma importante missão


Fanfiction Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#CDZCD #clcomics #cdz #al
2
5.9mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todas as Sextas-feiras
tempo de leitura
AA Compartilhar

Introdução! Explicando Um Pouco Sobre Esse ''Livro''

Os Cavaleiros do Zodíaco – Corrupção Divina, se trata de uma historia criada por mim (AL). Aqui como primeiro Capitulo irei dar explicações bem detalhadas então pule para o capitulo 2 para começar ou leia e fique por dentro...

Explicações:

1 – °°° - Isso aparecera quando o personagem estiver pensando.

2 – Irei utilizar a seguinte Cronologia: ERA DA CRIAÇÃO -> Gaia, O Domínio de Urano e o Reinado dos Titãs -> Titanomaquia -> Era Mitológica -> O Domínio de Zeus e a Gigantomaquia -> Humanidade -> Inicio do Reinado de Atena -> Expulsão de Abel e Lúcifer -> Guerra Santa Mitológica Contra Poseidon: O Surgimento dos Cavaleiros -> ERA DO CAOS -> Gigantomaquia Mitológica de Atena -> Guerra Santa Contra Ares -> Guerra Mitológica Contra Hades -> Asgard e os Cavaleiros Azuis -> SÉCULO XIII -> Poseidon, O Imperador dos Mares: A Batalha da Ática -> SÉCULO INDEFINIDO -> SÉCULO XV -> SÉCULO XVI -> Hades -> SÉCULO XVIII: Lost Canvas -> COMEÇO -> Guerra (1743) -> SÉCULO XX -> SÉCULO XXI: Omega e por fim SÉCULO XXI: Corrupção Divina.

3 – Nani? (O que?), Hayai! (Como é rápido! Ele é rápido!) Masaka! (Não pode ser!) Yamero! (Pare! Ou Não faça isso!) Kisama! (Maldito!) Shine! (Morra!).

Detalhamento:

ERA DA CRIAÇÃO

Não se sabe exatamente como foi à criação do universo, mas está intimamente ligada à mitologia e apesar de se existirem diversos mitos pelo mundo, todos convergem para um único mito comum, o chamado Hipermito. No começo dos tempos somente havia o nada apenas o Caos e o núcleo de escuridão dominada por Apsu, o criador dos sete elementos básicos do universo. Chronos foi o responsável por dar inicio ao Big-Bang, o nascimento de um universo em expansão. Um dia, a Big-Will, Grande Vontade, cobriu o universo na forma de luzes, conferindo a tudo o que tocava um tipo de “alma” e dando vida a estrelas e suas constelações. Isto está de acordo com a influência estelar no destino dos homens; “Não são coisas sem vida, são espíritos que se comunicam com nós”. A partir desse momento se iniciou a contagem do tempo cronológico. As armas usadas para criar o mundo por deuses, foram dados aos 4 mais fortes seres de uma raça (surgida antes da humana) chamada de “Pallasitos”.

Gaia, O Domínio de Urano e o Reinado dos Titãs

Eventualmente a Big Will criou em um certo planeta de uma certa estrela, primeiro a terra, personificada em Gaia que criou o céu, personificado em Urano, o mar personificado por Pontos, a escuridão personificado em Érebo e o amor, personificado em Eros. Estes são os deuses que criaram a base do mundo. Da união entre Urano, o céu e Gaia a terra, surgiram os hecatônquiros, ciclopes e titãs, mas a arrogância de Urano causou com que não só considerasse a todos como seres inferiores, devido a sua grande busca pelo perfeccionismo, ele lançou seus filhos monstros no Inferno Primordial, Tártaro, localizado embaixo da terra. Ainda que não tenha feito o mesmo com os titãs, ele nunca reconhecia outro deus senão ele mesmo. Gaia ficou enfurecida por está decisão e produziu poderosos artefatos de guerra conhecidos como Sohmas a seus filhos remanescentes, os titãs, para que eles destronassem seu pai. Com aquelas armas os titãs, liderados pelo mais novo, Cronos, destronaram Urano, que profetizou que seu filho um dia enfrentaria o mesmo destino de seu pai. Cronos torna-se o governante de tudo exceto o poder dos relâmpagos (incluindo o tempo através da ampulheta Adamas Psammo) e casa-se com sua irmã Reia. Começa então a era dourada, em que a humanidade surge e a paz e harmonia reinam. O medo de Cronos de ser destronado de acordo com a profecia de seu pai crescia e pervertia a mente do rei, eventualmente tornando-o um tirano. Reia dá a luz a Héstia, Deméter, Hera, Hades e Poseidon, que são todos devorados pelo desesperado Cronos. Quando o próximo filho, Zeus, estava para nascer, Reia engana seu marido para que pensasse tê-lo devorado, depois de crescido Zeus vai atrás de Cronos, forçando-o a regurgitar seus irmãos.

Titanomaquia

Zeus tinha ciência do único elemento que seu pai não podia dominar, e conseguiu obter com ajuda de sua amante Mnemosine sua principal arma, Keraunos, o “lançador de raios”. Keraunos fora originalmente criado por Céos, que aterrorizado com o poder de sua criação a escondeu em sua memória, tentando esquecê-la completamente. No entanto a traição de Mnemosine acabou com Keraunos nas mãos de Zeus. Zeus e seus aliados venceram a guerra, aprisionando os titãs e seu povo no tártaro, incluindo Mnemosine e o casal de titãs Oceano e Tétis que não haviam participado da guerra, mas chegaram a incentivar sua filha Estige a se aliar aos deuses olímpicos. Hipérion foi selado em um local diferente, no túmulo de Apófis no Egito. A Megas Drepanon foi selada no local mais seguro do mundo, o Santuário.

ERA MITOLÓGICA

Os tempos mitológicos são os tempos em que os deuses existiram e lutaram com humanos juntos, mas isso ficou pra história e ninguém pode provar a ocorrência disso; são os tempos em que iniciou a cronologia de Saint Seiya e o Hipermito (que narra à mitologia das suas religiões) obviamente a narra, mas coisas depois foram acrescentadas. Em Saint Seiya, não ocorreu evolução das espécies, o que aponta esses tempos pra no mínimo 10000 anos atrás. A mitologia de Saint Seiya não condiz 100% com a grega, mas assim como os gregos de séculos atrás e nós atualmente do mundo real, muitos no universo de Saint Seiya já cultuaram ou já conhecem a extinta religião grega e acham só algo inexistente.

O Domínio de Zeus e a Gigantomaquia

Os deuses olímpicos enfrentam a Tifão e os gigantes. Após a guerra, Zeus se tornou o deus governante do mundo, mas Hades e Poseidon foram reverenciados como deuses por muitas pessoas e expandiram seus poderes. Logo houve uma divisão, e logo o planeta Terra foi dividido entre os três irmãos Zeus (Tenkai, o céu), Poseidon (Kaikai, os mares) e Hades (Meikai, o submundo), sendo que Sekai (a superfície) permaneceu sob controle de Gaia. Os deuses passaram a morar no Monte Olímpo, onde Chronos fora aprisionado em um lago. Gaia continuava a dar a luz a inúmeras criaturas, concebendo secretamente os gigantes em uma caverna no norte da Grécia. Para vingar seus filhos inocentes, ela criou um poderoso deus, Tifão, que liderou os gigantes em outra guerra contra os deuses olímpicos, que ficaria conhecida como Gigantomaquia. Enquanto estava com todo o seu poder, Tifão com seu terror conseguiu fazer Zeus fugir, mas este acaba derrotando e selando Tifão. Encélado foi o único gigante que sobreviveu a esta guerra. Após este evento Gaia perdeu o controle sobre sua criação e acabou sendo aprisionada.

Humanidade

Os primeiros seres humanos que apareceram na Terra era o casal Adão e Eva, eles tinham permissão para viver em um lugar chamado “Paraíso”, porém eles acabaram sendo seduzidos a provar do fruto proibido por uma Serpente, (provavelmente pela deusa Éris), então eles acabaram sendo expulsos e aquele lugar se tornou proibido para os humanos. Os seres humanos passaram então a viver congelando e tremendo de frio dentro de Cavernas, na escuridão chamada ignorância. Mas apareceu um titã, Prometeu que lhes deu o poder chamado “fogo” do conhecimento, até então um dom exclusivo dos seres imortais, abrindo caminho para a civilização humana. Zeus enfurecido acorrentou Prometeu no Monte Cáucaso, onde ele seria bicado por uma águia que comeria seu fígado, causando um sofrimento eterno. Mesmo vivendo próximo aos deuses a maioria possuía apenas os cinco Sentidos básicos. Certa vez Zeus deu a uma mulher (Pandora) uma caixa que continha todos os males da humanidade e morrendo de curiosidade esta mulher abriu a caixa e assim surgiram todos os males que atormentam os humanos. Os mortais esqueceram-se dos deuses e começaram a se matar uns aos outros e desobedecerem e até se levantar contra os deuses, que muitas vezes decidiam puni-los. Certa vez Zeus provocou um dilúvio para destruir a humanidade. Ele era o mais poderoso dos deuses gregos, e considerava a espécie humana cruel e medíocre. Apenas um casal conseguiu escapar dessa catástrofe: Deucalião, filho do sábio titã Prometeu e Pirra, filha de Pandora. O primogênito desses sobreviventes recebeu o nome Heleno, e se tornou o lendário pai do povo grego.

Inicio do Reinado de Atena

Atena nasceu da cabeça de Zeus, mas não se sabe exatamente como isso ocorreu, porém sabe-se que Atena nasceu com uma lança e um escudo, além de um elmo e uma Armadura. Atena enquanto criança vivia com sua irmã de criação Pallas. Há muito tempo Pallas era muito próxima de Atena. As duas se davam bastante bem, tendo um grande vínculo e viviam no Jardim do Olímpo. Certo dia, Pallas começou a odiar Atena pelo fato da deusa amar os humanos, o que fez com que Pallas tivesse inveja e decidir matar todos os humanos, o que obrigou Atena a ter que matar a irmã. Atena cresceu com uma aversão ao uso de armas. Atena teria sido escolhida pelo povo grego como sua protetora depois de fazer nascer uma oliveira na pedra nua. Em sua homenagem, os atenienses construíram um enorme santuário de mármore, em Atenas originalmente pintado em cores vibrantes em uma rocha de 800 metros de diâmetro, a Acrópole, ou “cidade alta”. Na época em que os homens começaram a serem os principais personagens da mitologia grega, ocorreu um incidente que envolveu os maiores heróis da Terra, a Guerra de Tróia. O conflito é desencadeado por uma maçã de ouro dedicada “a mais bela”, atirada entre as divindades por Éris a deusa da discórdia, e acaba de fato envolvendo a mulher mais bela do mundo, Helena de Tróia. Muitos heróis participaram da guerra, entre eles Aquiles, protegido por Atena e Héctor protegido por Apolo do qual Aquiles saiu vencedor. Após a derrota de Héctor, o exército grego começou a abrir vantagem sobre o exército troiano, até que os gregos venceram o conflito. Certo dia, Zeus confiou a terra à Atena, desaparecendo na direção do céu. As 88 constelações que brilham no céu surgiram de acordo com o desejo de Atena.

Expulsão de Abel e Lúcifer

Atena, enquanto existia nos céus, expulsa seu irmão Abel do Olímpo e Apolo fica com seu templo e se torna representante do Sol. Atena, também expulsou do Olímpio Lúcifer, o enviando ao Meikai.

Guerra Santa Mitológica Contra Poseidon: O Surgimento dos Cavaleiros

Poseidon (que já havia dado um dilúvio antes, sendo que só Noé sobreviveu, apesar de Abel dizer ser um castigo dos deuses), sabendo do desaparecimento de Zeus, decide dominar a terra e começa a se preparar para vencer Atena. Ele reúne os mais poderosos guerreiros dos sete mares, nomeados mais tarde de Marinas. Poseidon não estava satisfeito com a divisão territorial dos deuses e sempre sonhou em dominar a terra. Para um Marina é destinada uma proteção nomeada Escama criadas pelo próprio deus dos mares foi produzida com Oricalco, não permitindo que qualquer arma da superfície da Terra os penetre. Como não havia um protetor, na face da Terra, contra os golpes dos Marinas, os guerreiros da Terra eram eliminados. Poseidon começou a invadir a superfície, território de Atena. Os soldados da terra eram impotentes perto do poder invencível dos Marinas. Poseidon fez de seu Palácio Fortificado gigantesco, Atlântida, sobre o Atlântico uma base na linha de frente para a invasão da Terra. Com a conclusão de Atlântida, Poseidon aumentou sua ferocidade em conquistar o mundo. Devido ao seu tamanho colossal, Atlântida ficou conhecida como a “Fortaleza Continental”. O poder de defesa era imenso, com dezenas de milhares de soldados. Sua existência é contada na história até hoje, como o famoso continente perdido de Atlântida. Os mais famosos guerreiros da Terra eram destruídos pelos ataques violentos de Poseidon, ao passar dos anos, só restavam nada mais do que jovens no campo de batalha. Foi na Acrópole onde ocorreu o embate entre a deusa Atena e Poseidon frente a frente, pelas terras da Ática. Nesse momento que Atena começou a organizar um exército. Por Atena detestar armas, os jovens lutavam com seus próprios corpos como armas, esses jovens passaram a serem chamados de Cavaleiros de Atena. Os Cavaleiros de Atena sem uma proteção a altura das Escamas, eram inúteis, Atena compadecida pelos jovens que se feriam, deu a eles protetores chamados de Armaduras. As Armaduras Sagradas que os Cavaleiros usam foram criadas conforme as instruções de Atena, baseadas nas 88 constelações criadas pela deusa. Dizem que foram feitas por mestres alquimistas no Continente Mu, tendo como matéria-prima o Oricalco, Gamânio e Pó de Estrelas. Por causa do surgimento dos Santos Guerreiros, Atena superou a inferioridade numérica, acabando com as ambições de Poseidon. Dizem que ela tentou persuadi-lo a retornar ao mar. Porém, Poseidon recusou a oferta de Atena, trancando-se em Atlântida com os Marinas, provocando um grande terremoto e o grande Dilúvio. Enfurecida, Atena enviou 8 Cavaleiros à Atlântida. Ao final da violenta batalha, Atlântida foi destruída, sendo submersa pelos 8 Cavaleiros nas profundezas do mar. Após ter vencido Poseidon, Atena selou sua alma e enviou-a para o Pólo Norte. Escolheu vários Cavaleiros para vigiá-la. Estes Cavaleiros criaram um reino nestas terras. Ao que parece, esses Santos Guerreiros tornaram-se os Guerreiros do Gelo, os Guerreiros Azuis.

ERA DO CAOS

Gigantomaquia Mitológica de Atena

Sete gerações após a primeira Guerra Santa, um templo em honra à Atena foi construído nas proximidades da atual cidade de Atenas. Logo, foram construídas as 12 Casas do Zodíaco e outras obras tendo o templo de Atena ao centro, quando a região do Ateneu ficou pronta, passaram a chamá-lo de “Santuário”. Certo tempo após o fim da Guerra Santa os Gigas, libertados do Tártaro por Hades que não havia interferido na outra Guerra Santa, declararam guerra contra os Cavaleiros, liderados por Tífon, com o objetivo de dominar o mundo, se protegiam com Armaduras de Adamas, material ainda mais resistente que o Oricalco. Eram seres dotados de uma força avassaladora, e a batalha entre eles e os Cavaleiros teve proporções épicas. A vitória dos Cavaleiros foi conquistada com muito custo, e apenas graças à presença da própria Atena nos campos de batalha. Quase nenhum Cavaleiro sobreviveu. O Continente de Mu, onde as Armaduras foram criadas foi afundado no Oceano Pacífico. Com a submersão do continente Mu, Armaduras que estavam sendo produzidas, assim como muitas vidas de mestres alquimistas muvianos, foram perdidas. Pouco antes de ser exilado por Atena e seus Cavaleiros no Monte Etna, na Sìcilia, Tífon selou os Gigas sobreviventes no Calabouço do Tempo Estagnado no vão entre a terra e o Tártaro, pois parar o tempo de seus irmãos seria o único jeito de fazê-los retornar com seu corpo físico depois de muitas eras. Tífon teve seu corpo carnal dilacerado em cinco partes por Atena, e foi selado com ajuda da Armadura de Cabeleira de Berenice.

Guerra Santa Contra Ares

A batalha contra Ares, o Deus da Guerra, foi considerada a mais severa dentre as várias Guerras Santas que existiram. É dito que Ares é o mais cruel dentre os deuses. Ares lança a semente do conflito em vários locais do mundo, incitando os humanos à guerra. Os Cavaleiros foram enviados para parar Ares, e acabaram entraram em confronto com os seus guerreiros, os chamados Berserkers que foram divididos em quatro regimentos: Phlogios (chamas), Aithon (fogo), Phobos (terror) e Konabos (calamidade), eles lutavam no limite, matando e destruindo tudo ao seu redor. Massacres perpetrados pelos Berserkers eram incomparáveis, e os 58 santos da época em desvantagem numérica pereceram sob os assaltos repetidos de Berserkers. Atena pela primeira vez autorizou o uso de armas de Libra para sair dessa situação desesperadora. Uma vez equipado com estas, os Berserkers são aniquilados em um instante. Ares se refugiou no Inferno, com ajuda de Hades, um dos poucos deuses aceitar sua natureza violenta. De fato, para os massacres perpetrados por Ares, lhe permitiu adquirir muitos novos moradores em seu submundo. Aparentemente quem estava por trás desta guerra era o próprio deus do submundo.

Guerra Mitológica Contra Hades

Algumas gerações mais tarde, Hades observava placidamente o Reino de Atena. Juntamente com dois de seus maiores subordinados, Hypnos e Thanatos, e uma ordem de 108 espectros governados por estrelas demoníacas que vestem as sombrias Sapuris, Hades levanta sua espada para iniciar uma cruzada feroz que duraria milênios, a guerra pelo controle do mundo dos homens contra Atena. Não se sabe muitos detalhes desta batalha, mas o que se conhece é que nesta época foi a primeira vez que se viu uma Armadura Divina, segundo Hypnos. Também se sabe que o Cavaleiro de Pégaso conhecido como Assassino de Deuses conseguiu ferir o corpo de Hades. Após sua derrota, Hades guardou seu corpo nos Campos Elísios para que ele se recuperasse, e devido a esse fato que nas próximas Guerras Santas o Imperador do Submundo passou a hospedar em humanos com o coração mais puro, para proteger seu corpo carnal.

Asgard e os Cavaleiros azuis

Os deuses de Asgard deixaram descendentes ao saírem da terra, que continuaram a viver em Asgard e sendo protegida por seus guerreiros de Poseidon que tentou dominar Asgard. Alguns dos Cavaleiros de Atena fogem pra Graad Azul e ficam morando lá vivendo em sociedade com influências de Poseidon.

SÉCULO XIII

Poseidon, O Imperador dos Mares: A Batalha da Ática

No início de nossa era, em torno do primeiro século, Poseidon começou a Guerra Santa contra Atena. Há pouca informação sobre o conflito que ocorreu na península de Ática, na Grécia. Na época em que a guerra aconteceu, o Cabo Sounion e suas masmorras pertenciam à Poseidon, foram usados como uma prisão para inimigos derrotados de guerra, pois os muros e portões eram indestrutíveis e não havia como escapar, de modo que todos os prisioneiros morriam por afogamento quando a maré subia e as celas eram inundadas. A alma de Poseidon foi selada de volta na Ânfora de Atena, em Atlântida, junto com sua escama e a de seus Generais Marinas e seu tridente escondido e selado em umas das celas do Cabo Sunion.

SÉCULO INDEFINIDO

Ionia deixa de ser Cavaleiro de capricórnio

Século XV

1486 – Nascem Hakurei e Sage.

Em algum momento de 1487 a 1498 – Itia encontra Gateguard e o leva para treinar.

1498 – Hakurei e Sage chegam ao Santuário para treinar. Sage e Hakurei disputam o posto de Cavaleiro de Ouro. Hakurei desiste da Armadura. Itia se encontra com Myu de Papillon, Thanatos e Hypnos que o concedem poderes. Sage é manipulado para trair o Santuário e enfrenta Hakurei. Hakurei enfrenta Gateguard de Áries. Sage enfrenta Francisca de Touro. Sage e Hakurei se unem para enfrentar Itia de Libra. Itia proclama Sage como o novo Grande Mestre.

1500 – Guerra Santa contra Hades, Deuses gêmeos aparecem pela primeira vez, Hades e Atena morrem. Sage reconstrói o Santuário enquanto Hakurei vai para Jamiel consertar Armaduras.

Século XVI

Hades

Já no Século XVI, o coração mais puro do mundo, o hospedeiro escolhido para comportar a alma de Hades, foi um jovem príncipe de 13-14 anos. Na fase final da Guerra Santa, após os Cavaleiros remanescentes reagirem a até então bem-sucedida invasão de Minos de Grifon e seus subordinados ao Santuário e terminarem por derrotá-los, Hades decide intervir pessoalmente, descendo ao Santuário e combatendo os Cavaleiros, mas para sua surpresa, entretanto, ele se vê preso dentro dos limites da Barreira de Atena e percebe que foi atraído para uma armadilha. Ele tenta atacar, mas foi sem sucesso, pois os Cavaleiros se uniram a Atena e conseguiram destruir o ataque de Hades. Liderados pela própria Atena, os Cavaleiros conseguem conter a rechaçar os ataques concentrados de Hades, provocando no deus do submundo um esforço que começava a se mostrar além das capacidades do corpo humano que ocupava, dessa forma, a união dos cosmos de Atena e seus Cavaleiros finalmente conseguem arrancar a alma de Hades do corpo de seu hospedeiro, destruindo a barreira no processo. Isso possibilita a chegada de Hypnos e Thanatos, que vingam a derrota de seu senhor eliminando inúmeros dos Cavaleiros que haviam sobrevivido à última batalha, restando no fim apenas Sage de Câncer e Hakurei de Altar, os Deuses Gêmeos levam a alma de Hades de volta para seu repouso no Elíseos. Atena batalhou também contra os deuses gêmeos Hypnos e Thanatos do século XVI. O mais interessante é que apenas com seu cosmo ela conseguiu parar o poder mais forte dos Deuses Gêmeos. Ela morreu entrando no poder dimensional dos deuses, mas por seu esforço e poder, os Cavaleiros venceram a Guerra Santa deste mesmo século.

SÉCULO XVIII

Lost Canvas

Só utilizarei alguns eventos de Next Dimension a e considerarei Lost Canvas.

1707 – Nascem Rugonis, Ruco e Ilias.

1711 – Nascem Youma e Partita.

1714 – Nasce Sísifo.

1715 – Nascem Hasgard e Radamanthys.

1716 – Nascem Aspros e Defteros. O Oráculo de Delfos prevê a natureza dos gêmeos.

1717 – Nasce El Cid.

1718 – Nasce Manigold.

1720 – Rugonis encontra Albafica recém-nascido.

1721 – Nascem Kardia e Dégel.

1722 – Nasce Asmita. Ilias e Sísifo se conhecem.

1723 – Zaphiri de Escorpião trai o Santuário e se suicida.

1724 – Youma chega à Alemanha e conhece Partita. Nasce Pandora.

1725 – Nascem Kagaho, Dohko e Shion.

1726 – Nasce Yuzuriha.

1727 – Nasce Tokusa. Sísifo conquista a Armadura de Sagitário. Ilias vai embora do Santuário.

1728 – Hypnos e Thanatos despertam e começam a convocar os Espectros. Nascem Alone, Tenma, Regulus e Yato. Hades vem ao mundo. Youma foge com a alma de Hades. Partita foge com Tenma. Youma coloca a alma de Hades em Alone. Asmita começa seu treinamento santo. Hasgard e Aspros conquistam suas Armaduras.

1729 – Nasce Sasha.

1731 – Radamanthys abandona sua família e se torna Espectro.

1733 – Krest salva Kardia dando a ele o sangue de Atena. Alone e Sasha são abandonados e vão para o orfanato. Youma mata Partita e leva Tenma para o orfanato onde estão Sasha e Alone. Radamanthys mata Ilias. Sage encontra Manigold.

1735 – Hasgard de Touro enfrenta Encélado no Monte Etna e conhece Selinsa.

1736 – Rugonis morre. Albafica se torna Cavaleiro de Peixes.

1737 – Shion e Lune de Balrog se conhecem. Hakurei salva a vida de seu discípulo.

1738 a 1739 – Sísifo encontra Sasha e a leva para o Santuário. Sisifo encontra Regulus e leva para o Santuário. Kardia encontra Yato e o leva para o Santuário. Regulus e Yato começam a treinar. Albafica conhece Pefko. Albafica enfrenta Ruco de Dríade. Kardia enfrenta Esda e os Guerreiros-Jaguar. Atena desperta em Sasha. Dégel enfrenta Garnet e as Jóias. Manigold e Albafica enfrentam Ávido e os Cavaleiros Negros. El Cid enfrenta Phobetor. Shion conhece Avenir. Shion se torna o Cavaleiro de Áries. Aspros assassina as pitonisas. Defteros e Dégel enfrentam os Bersekers, Ema de Jamadhar e Kokalo de Bhuj. Aspros parte em missão para derrotar o espectro Airheart de Vampiro. Defteros assassina seu irmão e se torna Cavaleiro de Gêmeos. Alone encontra Pandora. Alone finge ser Hades. Tenma e Dohko se conhecem. Dohko leva Tenma para o Santuário. O treinamento de Tenma começa. Tenma e Sasha se reencontram. Shion vai ate Jamiel, onde enfrenta e derrota Tokusa de Hanuman.

1742 – Regulus enfrenta Balor de Olho Demoníaco.

1743 – Asmita enfrenta Kagaho e Atavaka. Alone conhece Hypnos. Alone conhece Kagaho. Tenma se torna o Cavaleiro de Pégaso. Albafica conhece Maiya. Começa a Guerra Santa. Alone mata Tenma, Yato e Yuzuriha vão ao submundo buscar-lo. Albafica derrota Minos e morre. Asmita de Virgem cria o rosário com os frutos da Mokurenji a custo de sua vida. Hasgard de Touro enfrenta Kagaho de Benu. Alone vai ao Santuário, fere Sísifo e anuncia o Lost Canvas. Tenma, Yato e Yuzuriha vão á Itália. Manigold de Câncer enfrenta Veronica de Nasu. O Grande Mestre Sage e Manigold de Câncer derrotam e selam Thanatos. El Cid de Capricórnio, Tenma de Pégaso, Sisifo de Sagitário e Atena derrotam Hypnos. Hakurei de Altar sela Hypnos. Alone mata Hakurei. Alone e seus Espectros vão para o Lost Canvas. Dégel de Aquário e Kardia de Escorpião enfrentam Radamanthys de Wyvern, Pandora e Unity de Dragão Marinho pela Escama de Poseidon. Regulus de Leão derrota Violate de Behemoth. Sisifo de Sagitário enfrenta Aiacos de Garuda. Dohko de Libra enfrenta Gordon de Minotauro, Queen de Mandrágora e Sylphid de Basilisco pela Armadura de Atena. Aspros derrota Defteros e se vê livre do Punho Demoníaco. Shion de Áries derrota Lune de Balrog. Dohko de Libra enfrenta Kagaho. Kagaho se torna Fênix e salva Dohko antes de morrer. Tenma de Pégaso mata Partita de Coruja e desperta a Armadura Divina de Pégaso. Regulus de Leão derrota Radamanthys de Wyvern. Radamanthys e Pandora enfrentam Alone. Pandora foge. Radamanthys destrói a pintura que selava os poderes de Atena e morre. Tenma e Shion têm vislumbres do futuro, onde conseguem ver o Santuário de 1986 e Seiya de Pégaso. Aspros de Gêmeos derrota e sela Youma de Mephistopheles. Sasha e Tenma de Pégaso se unem para derrotar Alone. Hades desperta. Os Cavaleiros de Ouro mortos se unem a Shion e Dohko para derrotar Hades com a luz do Sol. Sasha, Tenma e Alone selam Hades nos Campos Elíseos e desaparecem. A Guerra Santa acaba. Dohko vai para os Cinco Picos vigiar as Estrelas Malignas. Shion começa a reconstruir o Santuário com a ajuda de Teneo. Teneo se torna o Cavaleiro de Touro. Yato Yuzuriha e Atla sobrevivem, mas não possuem mais cosmo. Pandora guarda a caixa onde estão selados Hypnos e Thanatos e vai embora.

1749 – Selinsa e Maiya se tornam comerciantes. Teneo de touro enfrenta Encélado no Monte Etna.

1755 – Dohko enfrenta Hakutaku e os Taonia.

1758 a 1759 – Youma se liberta e vai ao santuário enfrentar Shion e Teneo. Sasha e Tenma retornam ao Santuário para derrotar Youma e deixam suas Armaduras lá.

Século XX

1952 – Nascem Tatsumi e Damos (Damos será um personagem de Corrupção Divina).

1958 – Nascem Saga e Kanon.

1959 – Nasce Aiolos.

1963 – Nascem Shura e Máscara da Morte

1964 – Nasce Afrodite.

1966 – Nascem Camus, Aiolia, Aldebaran, Shaka, Mu, Milo e Kasa.

1967 – Nascem Radamanthys e Minos.

1968 – Nasce Aiacos.

1969 – Nasce Krishna e Bian.

1970 – Hypérion se liberta. Nasce Pandora, Mei, Marim, Seika, Esmeralda e Io.

1971 – Guilty vai ao Santuário após Esmeralda nascer e antes de Ikki chegar e abandona seus sentimentos ao por sua máscara. Nasce Ikki, Julian Solo, Sorento, Nachi e Geki.

1972 – Nasce Hyoga, Isaac, Shiryu, June, Nachi e Ichi.

1973 – Kanon é preso por Saga. O anúncio do nascimento de Hades na Terra é anunciado pelos Deuses gêmeos. Nasce Atena. Saga assassina Shion e Shura mata Aiolos. Nasce Seiya, Jabu, Tohma e Shun pouco depois Hades retorna no mesmo ano que Atena. Nasce Isaak. Kanon desperta Poseidon.

1978 – Isaac inicia seu treinamento.

1979 – As batalhas contra os Titãs e acontecimentos do Episódio G. 100 crianças da fundação Graad são mandados pra vários locais do mundo. Nasce Kiki. Morre Natássia, a mãe de Hyoga. Seiya e Seika são separados. Marim vai procurar seu irmão.

1981 – Kyoko e Shoko são separadas. Kyoko, Erda, Xiaoling, Mii e Kátia são enviadas para treinamento. Morre Mitsumasa Kido, Saori sabe que é Atena. As Armaduras de Aço começam a serem construídas por Asamori.

1982 – Seiya conhece sobre o cosmo e quebra uma pedra com as mãos nuas pela primeira vez. Alexei é expulso de Graad Azul.

1984 – Morre Esmeralda. Ikki conclui seu treinamento e domina os Cavaleiros negros.

1985 – Shiryu conclui seu treinamento. Isaac salva Hyoga e vira Marina.

1986 – Kyoko conclui o treinamento. Primeira Guerra contra Éris. Shoko vira a Amazona de Cavalo Menor. Xiaoling conclui seu treinamento. Seiya conclui seu treinamento. Guerra Galática e Saga do Santuário. Saori se identifica como Atena. Ficam prontas as Armaduras de aço. Dohko de Libra e Mu de Áries conversam sobre Saori (Atena).

1987 – Batalha contra Kyoko. Hyoga vai a Graad Azul. Saga de Asgard. Julian faz 16 anos. Saga de Poseidon.

1990 – Elísios e Soul of Gold.

1995 – Nascem Paradox e Integra.

1997 – Nasce Éden.

1998 – Nasce Souma.

1999 – Primeira batalha entre Atena e Marte, um meteoro caiu no local de batalha, liberando o esquecido Deus Apsu, que estava aprisionado no núcleo da escuridão do universo. O Cosmo dos Cavaleiros passou a ser simplificado em Elementos e diversas vestimentas de guerreiros como as Armaduras, as escamas e as galáxias passaram a ter uma composição mais elástica. Nascem Yuna e Haruto. Aria chega à terra junto com Kouga.

Século XXI

2000 – Nascem Ryuho, Subaru e Jerruh (Jerruh será um personagem de Corrupção Divina).

Entre 2001 e 2008 - Paradox conhece Shiryu. Shiryu perde os Cinco Sentidos. Sônia mata Kazuma.

2012 – Segunda batalha entre Atena e Marte. Primeira Temporada do Omega.

2013 – Batalha entre Atena e Pallas. Segunda Temporada do Omega. Saturno desperta. Seiya crava a Adaga Dourada em Saturno. Saturno derrota Seiya. Souma, Yuna, Ryuho e Haruto atacam Saturno. Souma, Yuna, Ryuho e Haruto são derrotados. Eden ataca Saturno. Eden é derrotado. Saturno para o tempo de todos os seres vivente da Terra. Saturno dorme. Atena convoca os demais Cavaleiros a emprestarem seus cosmos a Kouga. Saturno acorda. Kouga ataca com a energia do Omega de Seiya e dos outros, ferindo Saturno. Saturno se retira. Saturno devolve o tempo dos humanos. Harbinger se torna o Grande Mestre do Santuário.

2014 (A Partir daqui começa os eventos de Corrupção Divina) – Julian concede um poder secreto a Sorento. Harbinger desconfia do Imperado dos Mares. Harbinger confronta Sorento. Harbinger retorna ao Santuário. Seiya e Atena vão para a Ilha da Saori, Seiya deixa a Armadura de Sagitário no Santuário. Marin volta. Shaina confronta Harbinger. Shaina desaparece.

2015 – Palaestra é reconstruída. Geki se torna o novo Cavaleiro de Touro. Ban se torna o novo Cavaleiro de Capricórnio. Jabu se torna o novo Cavaleiro de Escorpião. Nachi se torna o novo Cavaleiro de Câncer. Ichi se torna o novo Cavaleiro de Aquário. Marin se torna a Amazona de Peixes. Shiryu, Ikki, Hyoga e Shun são convocados por Atena na Ilha de Saori.

2016 – Harbinger desconfia de seus companheiros Dourados.

2017 – Todos os Cavaleiros de Ouro são dizimados pelo ataque de Harbinger. Harbinger é preso e o santuário é abandonado.

2018 – Nascem Grandy, Conde, Arrogante e Larios.

2019 – Nascem Seynma, Neo, Marios, Aonis, Stelios, Apostolis, Spiro, Panagiotis, Mixalis, Giannis, Peter, Stravos, Aris, Aggelos e Alex. Shiryu volta para Rozan. Shaina retorna.

2020 – Nascem Arios, Rudhini, Lauvi, Ieza, Ruko, Giko, Callahan, Condon, Eva, Sino, Tirina, Lukianos, Alphard, Mannphia, Ian, Samantha, Vassia, Angela, Effie, Georgete, Dimitria, Alexanda, Elena, Sophia, Gogo, Anna, Danae, Alexia, Lia, Aikaterini, Eftlhia e Angelik.

2021 – Raki fica doente. Eden e Shaina se reúnem no santuário. Nascem Nikolay, Zera, Ruby, Sena, Ferox, Melchior, Nazin, De, Visor, Bigit, Nina, Rosa, Adriana, Mitsubishi, Aleida, Siberio, Tim, Kauan, Carole, Eum-hee, Sumitra, Maria, Direnç, Donrich, Winekev, Benelle, Noroé, Mina, Gustirus, Darman, Bira, Nilo, Pexe, Danil, Regola, Kai, Nigda, Lidino, Nicholas, Hwa-hi, Jilu, Asuka, Takuya, Aceus, Aphrodi, Cassio, Teria, Lira, Tatua, Coce, Gina, Isabele, King, Grabiela, Gabriel, Darla, Vulpin, Baula, Biel, Pita, Biaku, Grigore, Panagiotis, Paraskwi, Catherine, Antonis, Nekos, Kostas, Orestis, Corine, Konstantina, Odyseas, Panagitis, Thanasis, Fillippos, Dimitris, Christo, Elina, Zoe, Ioanna, Toula, Giorgos, Ilias e Anastasia. Hyoga volta para a Sibéria. Shun retorna para a Ilha de Andrômeda.

2022 – Nascem Sibério, Esmeralda e Hui-Fang.

2023 – Kouga volta a Atenas. Sorento reúne todos os Cavaleiros que ainda estão ativos no Santuário. Yuna reencontra Kouga, Ryuho, Haruto, Souma e Eden.

2024 – Kouga e Yuna vão para a ilha da Saori. Saori, Seiya e Ikki vão para Star Hill. Seynma fica aos cuidados de Kouga e Yuna.

2025 – Nasce Reecinade. Harbinger é sentenciado a ficar preso ate sua morte.

2026 – Grandy, Conde, Arios e Larios começam o treinamento. Ikki e Seiya se desentendem.

2027 – Seynma, Nikolay, Zera, Ruby, Sena, Ferox, Melchior, Nazin, De, Visor, Bigit, Nina, Rosa, Adriana, Mitsubishi, Aleida, Siberio, Tim, Kauan, Carole, Eum-hee, Sumitra, Maria, Direnç, Donrich, Winekev, Benelle, Noroé, Mina, Gustirus, Darman, Bira, Nilo, Pexe, Danil, Regola, Kai, Nigda, Lidino, Nicholas, Hwa-hi, Jilu, Asuka, Takuya, Aceus, Aphrodi, Cassio, Teria, Lira, Tatua, Coce, Gina, Isabele, King, Grabiela, Gabriel, Darla, Vulpin, Baula, Biel e Pita começam o treinamento. Hyoga e Shiryu vão para Star Hill.

2028 – Arrogante, Rudhini, Lauvi, Ieza, Callahan, Condon, Eva, Sino, Tirina, Lukianos, Alphard, Mannphia e Ian começam o treinamento. Shun vai para Star Hill.

2029 – Sibério, Esmeralda e Hui-Fang começam o treinamento. Um portal misterioso surge em Star Hill. Atena entra no portal e some.

2030 – Shiryu volta aos Cinco Picos Antigos. Hyoga volta a Sibéria. Seiya e Ikki têm uma breve luta, Shun consegue separá-los. Poseidon entra em um portal misterioso e também some.

2031 – Seiya e Ikki lutam, Ikki vence e Seiya chama a Armadura de Sagitário. Ikki Morre.

2032 – Yuna morre. Souma morre. Shaina morre. Hyoga morre. Shun Morre. Shiryu perde os cinco sentidos.

2033 – Alphard desperta sua Armadura. Mannphia desperta sua Armadura. Lukianos desperta sua Armadura. Donrich desperta sua Armadura. Winekev desperta sua Armadura. Callahan desperta sua Armadura. Larios desperta sua Armadura. Arios desperta sua Armadura.

2034 – Todas as Armaduras restantes despertam em seus respectivos Cavaleiros. Ruko desperta seu Robe. Giko desperta seu Robe.

2035 – Alphard funda a Paridade Cavaleira.

2036 – Alphard quebra os primeiros dois selos.

2037 – Arrogante enfrenta Sino e Tirina. A Armadura de Arrogante é destruída.

2038 – Arrogante sente algo e vai ate o Santuário. Grécia se torna um país esquecido pela tecnologia.

2039 – Sorento visita Shiryu e compartilha seu poder secreto.

2040 – Ikki volta. Inicio da Saga Preta.

22 de Abril de 2018 às 13:57 0 Denunciar Insira 0
Leia o próximo capítulo SAGA PRETA - Missão Importante! O Retorno Do Lendário Cavaleiro De Fênix

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 39 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!