Conto
1
3.2mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Único.

SeokJin sorriu de canto.

Seus olhos analisaram o corpo do seu parceiro, que dormiu tranquilamente ao seu lado depois de uma noite bem agitada.

As marcas avermelhadas eram destaque na pele morena do Kim mais novo. Seokjin adorava marcar seu dongsaeng, mas sempre tinha o cuidado de marcar apenas em lugares que poderiam ser facilmentes escondidas com a camiseta. Afinal, Namjoon era um idol, assim como ele, não poderia aparecer todo marcado em público.

Os olhos do mais velho logo voltaram a focar na tela de seu telefone, que era o único ponto de luz naquele quarto escuro. Não demorou muito para que retornasse sua leitura.

"Seokjin deixou escapar mais um gemido em meio aos beijos, quando por fim o membro do menor estava completamente dentro de si.

— Hyung está doendo ? — Namjoon perguntou enquanto acariciava suavemente o rosto do maior.

— Um pouco, Joonie. — respondeu tendo sua fala entrecortada pelos lábios do menor que estavam novamente sobre os seus em um beijo suave e calmo. Namjoon sempre tinha esse cuidado com o maior, esperava que ele se acostumasse com a sensação antes de começar a se movimentar, de fato.”

SeokJin novamente interrompeu sua leitura. Seus lábios avermelhados e levemente inchados exibiam um sorriso irônico. Ele se perguntava o porquê de nas fanfics que as suas amadas fãs escreviam ele sempre era retratado como passivo. Oras, Seokjin não era o passivo. Entre quatro paredes ele dominava e sempre fazia seu querido dongsaeng gemer seu nome arrastado enquanto o penetrava admirando a face de prazer do menor abaixo de si. Ele sempre tinha suas costas arranhadas com força pelo mais novo enquanto gemia rouco próximo ao seu ouvido. E era ele quem tinha o cuidado de esperar que Namjoon acostumasse com a sensação de tê-lo dentro de si antes de começar a movimentar-se.

Sorriu novamente. As aparências realmente enganam. Lembrou-se de uma vez em que pegou um anime yaoi que Taehyung havia escondido, e ao assistir, notou que o passivo era retratado como o mais calmo, bem arrumado e fofo. Ora sua personalidade realmente remetia ao estereótipo de passivo. No entanto, não.

O telefone logo foi deixado de lado. Seokjin aproximou-se devagar do corpo adormecido do menor ao seu lado e sussurrou em seu ouvido.

— Namjoon, que tal um segundo round?

24 de Abril de 2018 às 02:26 1 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Pequena Lolie Olá, sou a Pequenalolie, venho lá do spirit, pois muitos autores que eu estou seguindo estão migrando para cá e como leitora tenho a necessidade de saber o final de cada historia que iniciei. Link de meus perfils em outras plataformas: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/lie666 https://www.wattpad.com/user/pequena-lie

Comentar algo

Publique!
Pequena Lolie Pequena Lolie
26 de Junho de 2018 às 21:50
~