Mudando de corpo Seguir história

larivalk Larivalk .

O que aconteceria se Midoriya virasse uma menina ? Seria obra de um vilão ou puro azar do nosso protagonista ? Havia apenas um jeito dele voltar ao normal, mas era mais difícil do que ele esperava . Com corpo mudado e seus hormônios fora do normal ,conseguira Midoriya voltar ao normal ?


Fanfiction Anime/Mangá Para maiores de 21 anos apenas (adultos).

#My Hero Academia #Boku no Hero Academia #Asui Tsuyu #Uraraka Ochako #Eijirou Kirishima #Kirideku #Bakugo Katsuki #Midoriya Izuku #Bnha #Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
22
7.8mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Sábados
tempo de leitura
AA Compartilhar

1

Midoriya andava tranquilamente em direção a Yuuei, estava um pouco triste por não ter conseguido mostrar todo seu potencial no torneio que acontecera, e isso o chateara um pouco. O jeito era se esforçar mais para que na próxima o resultado fosse melhor e assim conseguisse mostrar para All Might todo seu poder.

Midoriya andava tão distraído que nem se importou com a briga de um casal um pouco mais a sua frente, eles pareciam discutir por sobre que o esverdeado não conseguia escutar. Quando se aproximou mais viu que ambos tinham um brilho em suas mãos e estavam mirando um no outro, ele precisava parar seja lá o que aquilo era e não pensou duas vezes quando correu na direção do casal.

Já mais longe dali, na sala da 1-A, Aizawa fazia a chamada com seu famoso animo sonolento e todos a estavam respondendo normalmente, mas algo estava diferente. Midoriya ainda não estava lá, e como ele era sempre um dos primeiros a chegar, alguns alunos ficaram um pouco preocupados estranhando o atraso do esverdeado.

-Nee Iida-kun, você sabe de algo? Midoriya-kun não me mandou nenhuma mensagem falando que iria faltar - Falou Uraraka um tanto preocupada.

-Infelizmente não tenho nenhuma informação, o que é estranho já que não é do feitio do Midoriya fazer esse tipo de coisa - Falou Iida ajeitando seus óculos e pensando um pouco.

-Será que ele cabulou para sair com uma gostosa pra um motel? - Falou Mineta fazendo com que todos o encarassem com um olhar de reprovação - Que foi?

-Midoriya-chan não é igual você, Gero – Falou Asui dando um tapa na cabeça do Mineta que reclamou da atitude da garota.

-QUAL A PORRA DO PROBLEMA DE VOCÊS? ESPERO QUE O DEKU TENHA MORRIDO VINDO PRA CÁ, ASSIM ELE PARA DE ENCHER A PORRA DO MEU SACO! – Berrou Bakugou enquanto encarava o restante da classe.

-Silêncio - Censurou Aizawa sem muito animo.

A sala ignorou completamente o professor e começaram a discutir sobre o que havia de fato acontecido com o jovem Midoriya, que ainda não havia aparecido, nem dado nenhuma noticia. E enquanto ninguém estava prestando atenção, a porta foi aberta silenciosamente chamando apenas a atenção do professor.

-Oe, quem é você? - Perguntou o moreno indo na direção da porta chamando a atenção dos alunos - Midoriya é você?!

-A..Aiza..Aizawa-sensei - Falou a figura entre soluços.

Na porta se encontrava uma menina pequena de cabelos esverdeados encaracolados, com sardas no rosto e olhos grandes e esverdeados que estavam cheios de lágrimas. Usava o uniforme masculino da Yuuei, que, estava aparentemente grande em seu corpo, e pelo tamanho da roupa não dava para ver ao certo o corpo da garota.

-EHHHHHH???!!! - Gritaram todos da sala indo correndo em direção à porta fazendo várias perguntas a garota.

-Saiam da frente e deixem ele, ela, argh... Não sei como me dirigir a você agora Midoriya - Falou o sensei um pouco irritado puxando a menina para dentro da sala - E Mineta nem tente se aproximar.

-Mas eu nem fiz nada! - Reclamou o garoto com a desconfiança do professor.

-O sensei tem razão. Pode ficar bem longe do Midoriya seu tarado! Você também Kaminari, os dois já pro fundo da sala! - Gritou Momo apontando para os dois garotos que se afastavam resmungando baixinho - Sensei irei levar Midoriya-kun ao banheiro para trocar de roupa.

-Nos também vamos! - Falaram todas as meninas ao mesmo tempo.

-Isso é completamente injusto, vocês vão vê-lo nu, mas eu não posso? Olha isso sensei, depois eu sou o pervertido - Reclamou Mineta do fundo da sala.

-Apenas leve ele logo - Falou Aizawa passando a mão no rosto - Iida fique fazendo o que geralmente um representante da sala faz, enquanto eu vou atrás dos outros professores e principalmente a Recovery Girl.

-Pode deixar sensei! - Falou o moreno de óculos falando alto e mandando os garotos se sentarem em seus lugares.

Enquanto isso no banheiro, as meninas esperavam Midoriya se trocar em um dos boxes, vestir as roupas que Momo havia feito – um uniforme feminino além de uma roupa íntima mais adequada. Todas estavam ansiosas e um pouco nervosas pela situação, que obviamente nunca haviam visto nada igual. Logo a porta do boxe se abriu fazendo com que todas pudessem encarar o esverdeado.

-Assim está melhor? - Perguntou Midoriya esfregando os olhos e retirando algumas gotículas de água que ali ainda tinham.

-Você está tão fofo Midoriya-chan, eu posso falar “chan” ao invés de “kun” agora? - Perguntou Toru um pouco confusa.

-Eu preferia que ainda usassem o kun comigo, se não for pedir muito - Falou Midoriya um pouco triste e cabisbaixo.

-Mas afinal, o que aconteceu, Gero? - Perguntou Asui preocupada com o amigo.

-Acho melhor voltarmos para sala, assim o Midoriya-kun não vai precisar falar duas vezes - Falou Uraraka indo do lado do amigo lhe tocando o ombro - Não se preocupe nos vamos ajudar você com tudo, afinal, amigas é pra essas coisas certo meninas?!

-SIM! - Falaram todas juntas.

Todas voltaram para a sala e estranharam a falta do professor, mas quando Lida explicou a situação todas entenderam. Midoriya ainda continuava cabisbaixo e não estava falando muito, e todas as tentativas dos meninos de se aproximarem sempre eram barradas por uma das meninas, já que elas queriam que o esverdeado tivesse seu espaço e não fosse incomodado com tantas perguntas.

-Agora conte o que aconteceu, Gero - Falou Asui recebendo um olhar de repreensão das garotas -Não adianta me olhar assim, vocês também querem saber Gero.

-Eu conto - Falou o esverdeado, chamando atenção para si - Eu estava vindo para cá, como sempre faço todos os dias, eu vi um casal brigando. Eles pareciam bem irritados e estavam disparando um tipo de magia, não sei dizer, então me aproximei para tentar contê-los, afinal havia um parque perto e eu tinha medo de que o poder deles pudesse machucar alguém. E aí tudo ficou preto, perdi noção de tudo a minha volta e até mesmo do meu corpo, sei lá acho que acabei desmaiando. Quando acordei os dois me olhavam e pediam perdão pelo que tinham feito e que não era intenção deles fazer isso comigo. No começo eu estranhei, pois eu estava completamente normal ainda era um garoto, voltei a andar em direção a escola como estava atrasado e quando dei por mim havia virado uma garota – Completou Midoriya soltando um suspiro triste.

-E elas não falaram um jeito de reverter? - Perguntou Todoroki preocupado.

-Não, depois de me pedirem desculpas o casal saiu correndo e eu não os segui – Falou o esverdeado apertando um pouco as mãos.

Antes que os demais alunos pudessem perguntar mais, todos os professores acompanhados de Recovery Girl chegaram, até mesmo o diretor. Pediram para que ele explicasse e ele contou mais uma vez o que havia lhe acontecido, Recovery analisou tudo do corpo do jovem e negou com a cabeça, nem mesmo ela sabia como reverter aquilo.

-Acho que com isso precisaremos tomar medidas drásticas, não sabemos ao certo quem fez isso, quem não garante que foi um vilão? - Falou o diretor sério - Também não podemos mandá-lo para casa, isso poderia ser perigoso pela sua própria segurança. Enfim, hoje a noite faremos um comunicado a todos pela TV.

-Jovem Midoriya seus poderes ainda funcionam? - Perguntou All Might preocupado.

-Estou com medo de testar, esse corpo não teve o mesmo treinamento que o meu anterior, tenho medo de machuca-lo demais caso tente - Falou Midoriya encarando as próprias mãos - Preciso voltar a treinar e testar até que ponto meus poderes estão funcionando.

-Acho melhor liberarmos todas as turmas para suas casas e mandar que façam as malas - Falou o diretor – Não posso explicar no momento, mas espero que assistam o comunicado hoje a noite para entenderem melhor.

-Vocês escutaram o diretor, estão liberados, nada de aula ou treino por hoje - Falou Aizawa - Mandamos fazer um novo uniforme com alguns ajustes para você Midoriya, já que não pode forçar novamente muito o braço melhorias foram feitas para ele e, de bônus, pedimos para as pernas também caso fosse necessário.

-Muito obrigado sensei - Falou o esverdeado com um sorriso fraco - Para falar a verdade já estava planejando uma melhoria nas pernas e nos braços.

Todos começaram a sair da sala, alguns alegres pelo dia de folga e outros um pouco chateados por não poderem treinar naquele dia, ninguém culpou Midoriya pelo ocorrido, exceto Bakugou, mas fora ignorado por todos, até mesmo o esverdeado.

-Midoriya-chan você mentiu quando contou aquela historia não foi, Gero? - Falou Asui ao lado de Uraraka ambas haviam ficado para trás para ajudar Midoriya.

-Não adianta negar, somos suas melhores amigas, sabemos quando esta mentindo - Falou Uraraka um pouco nervosa - Por favor, conta a verdade pra gente.

-Eu conto, mas temos que ir a um lugar mais reservado - Falou ele pegando sua mochila em cima de uma das mesas.

As três garotas saíram do prédio e foram para uma das quadras de treino vazias, já que ninguém iria treinar naquele dia, ninguém as perturbaria ali. Tinham pouco tempo já que há pouco haviam comunicado que a escola iria fechar e que nenhum aluno poderia ficar dentro de uma das unidades. Elas sentaram na arquibancada de frente para a porta aberta, para não serem surpreendidas.

-Quando eu acordei, eles me falaram o que aconteceria e como eu poderia voltar ao normal – Falou Midoriya encarando as próprias mãos - Achei que era mentira, mas ao ver o olhar sério de ambos vi que era verdade. Apenas um beijo de amor verdadeiro pode me fazer voltar ao normal - Fazendo um sinal com a mão para que pudesse continuar antes que uma das duas o interrompesse - Mas não qualquer um, apenas pessoas que já me conheciam quando eu era um garoto, pessoas novas que não tem conhecimento disso não funcionarão.

-Mas precisa ser menina ou menino? - Falou Uraraka - Estou bem confusa.

-Ela falou que teria que ser do mesmo gênero que eu gosto, só que eu... Gosto de meninos - Falou ficando vermelho e tampando o rosto pela timidez - Então só um beijo de um menino que gostava de mim ainda sendo um menino pode me ajudar.

Ambas as amigas se olharam preocupadas com aquela informação, estavam apreensivas já que não conheciam muito bem os meninos da sala para terem esse tipo de informação, mas fariam o possível para ajudar Midoriya naquela situação.

26 de Fevereiro de 2018 às 20:31 3 Denunciar Insira 7
Leia o próximo capítulo 2

Comentar algo

Publique!
Leticia Assuncao Leticia Assuncao
relendo *---* ♥
26 de Fevereiro de 2018 às 19:39
Rosada LoconaDeToddy Rosada LoconaDeToddy
Continua moça. LOLOLOLOLOLOLOLO quem será que Mido-chan beijará? Torço pelo Todokori<3
26 de Fevereiro de 2018 às 18:03
Rosada LoconaDeToddy Rosada LoconaDeToddy
Continua moça. LOLOLOLOLOLOLOLO quem será que Mido-chan beijará? Torço pelo Todokori<3
26 de Fevereiro de 2018 às 18:03
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 23 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!