L
Letícia Pontes


Uma bela garota que tem os mesmos pesadelos desde a infância


Conto Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#["Terror Suspense Ficção"]
Conto
0
21 VISUALIZAÇÕES
Em progresso
tempo de leitura
AA Compartilhar

O Pesadelo da 00:30

Em uma linda cidade no interior da Califórnia-USA, vivia Melane Scrounther, uma garota que tinha os mesmos pesadelos desde que tinha apenas 4 anos de idade, ela morava com seu irmão Backer que era apenas dois anos mais velho que ela, Melissa acabara de completar 17 anos, e há anos havia tendo os mesmos pesadelos que a deixavam assustada.

Sempre a mesma historia onde ela caminhava por um lindo jardim a beira de um rio magnifico de águas cristalinas, ela adentrava o rio e banhava-se como sereia, ela era apaixonada por natureza, quando derrepente a água cristalina do rio fica escura como barro, as plantas muchavam ao ser tocadas por Melane, os animais a volta da natureza e do rio morriam com os olhos ensanguentados, o céu azul ensolarado transformava-se em cinza e chovia muito forte. O pior de tudo era quando ela se deparava com uma sombra escura de olhos azuis que a encarava e depois a arrastava para o fundo do rio.

Ela acordava em choque, e nada fazia com que ela parasse se ter aqueles pesadelos que a pertubavam desde os seus 4 anos de idade, e sempre no mesmo horario. As vezes ela se lembrava dos pais, ambos morreram em um naufrágio 3 anos atrás quando ela ainda tinha 14 anos, eles estavam voltando de uma viagem de negócios do sul da Auatralia.

Um dia Backer recebeu uma proposta de emprego na Áustralia, uma oferta muito boa, ele foi na frente e deixou Melane terminando os estudo, faltava apenas um mês e meio para terminar o ano letivo, e Melane já estava terminando o ensino médio, ele achou melhor ir primeiro e organizar as coisas para a chegada de Melane. E assim foi feito ele fez uma boa viagem até o sul da Áustralia, e organizou tudo para a chegada da irmã, eles se comunicavam via internet, por whatsapp e outras redes sociais. Melane se formou, terminou o ensino médio e se despediu de suas amigas e estava muito anciosa para viajar, afinal havia um mês e meio que seu irmão tinha partido, ela estava morrendo de saudades, Melane decidiu seguir viagem de navio, ela achava mais proveitosa e podia relaxar durante toda a viagem pois estava na compahia do oceano, ela amava o mar, a natureza....

As primeiras duas noites foram tranquilas, ela estava encantada com toda a viagem, com tudo à sua volta, na terceira noite ela conversava com o irmão, desligou a chamada e foi deitar, já eram 22:00 e ela já estava quase dormindo de tanto cansaço pois o dia foi muito agitado., ao se deitar ela enroolou-se dos pés a cabeça como de costume e adormeceu, ela ouvia umas vozes a chamando...

-Melane, Melane, Melane!

-Melane, você tem que se libertar!!

Ela acordou assustada e morrendo de frio, quando ela olha a sua volta, e fica pasma... ela já não estava mais no navio, estava em uma caverna obscura, sem nenhuma iluminação, ela tremeu de medo.. começou a perguntar se tinha alguém ali, já que ela ouviu vozes e ninguém respondeu, ela continuou lá sem se mexer estava apavorada de medo, quem teria a levado para aquele lugar em plena madrugada? como ela não acordou durante o transporte?

Passou-se horas e nada do sol nascer, pelas contas dela já haviam se passado mais de 5 horas, já era para estar claro, entçao ela pensou em duas coisas a primeira era que ela ainda estaria dormindo e tudo aquilo era um pesadelo, e a segunda era de que ela estava no fundo da caverna então obviamente seria mais dificil ter iluminação no local onde ela estava, ela criou coragem e se levantou e foi andando tentando encontrar alguma saída, com medo de ter animais ali dentro, algo que podesse a machucar, mesmo assim ela foi, não podia mais ficar sem fazer nada.

Ao andar por mais ou menos 1hora e meia ela encontrou o local de seu sonho, o lindo jardim de água cristalina então ela ficou apavorada pois tentava acordar e não conseguia, segundo ela tinha convicção de que estava sonhando novamente porém não ocnseguia acordar, e o sonho era mais intenso também das outras vezes não tinha caverna, e como no sonho o céu ficou cinza e a água ficou escura, a sombra escura de olhos azuis apareceu para ela, ela tentou lutar para sair daquela situação correu disparadamente sem olhar para trás quando caiu em um poço fundo onde a água sobia depressa, Melane acabou se afogando, ao acordar percebeu que estava em seu quarto no návio, ela acreditou ter sido tudo parte de um pesadelo que ela jamais desejaria repetir mais ao levantar percebeu que suas roupas estavam molhadas e tinha um corte em seu braço, foi um momento desesperador para ela, se ela não estava sonhando o que de fato teria acontecido? Ela saiu desesperada procurando por ajuda, pois não conseguia entender o que esta acontecendo, foi quando percebeu que ninguém a respondia, ela gritava por ajuda mais ninguém a ajudava, em todos os locais em que ela procurava ajuda dentro do navio ninguém a respondia, foi ai que ela percebeu que ela nada mais era do que um fantasma perdido, e foi ao compreender toda a verdade que ela se recordou do real acontecido, ela havia morrido junto aos pais 3 anos atrás, porém seu espirito ficou preso ao seu irmão e a vontade de ficar perto dele a aprisionou e ela não teve paz, tudo o que acontecia nada mais era do que fruto da imaginação dela, indignada, ela passou a assombrar aquele návio desde então...

18 de Maio de 2022 às 20:14 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Continua…

Conheça o autor

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~