mahbcm Maria Luiza

O amor é primoroso pelo modo que envolve e desenvolve, o amor é deslumbrante pela forma que destrói...


Romance Todo o público.

#Romance
11
847 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

O Amor...

O amor é, de fato, não apenas bonito, mas também deslumbrante. É algo precioso, contudo ele não é apenas belo porque é adorável de sentir, ou porque cria borboletas no estômago... O amor é primoroso pelo modo que destrói, pela forma que envolve e desenvolve. O amor tem vida própria.
O amor é muito além de paixão, mas o engraçado: é que ele se inicia nela.
— Amor à primeira vista! — exclamou o capitão.

Ó, valha-me! Nunca existiu e nunca existirá amor à primeira vista. Quando é que vão compreender que esse sentimento é feito com uma arquitetura e engenharia bem revisada? Quando bem feito e planejado, é capaz de durar um pouco mais que a eternidade.
O amor morre?
— Nunca! — Afrodite negou.

— Depende de como está amando. — Apolo respondeu.

— Sim. — Hera afirmou.

Se for para pensar no amor, pense nele de maneira realista. O amor é poesia de versos livres, e, lembrando bem, a maioria dessas obras foram feitas quando o autor estava apaixonado, amando, sofrendo ou morrendo de amores. Encantador o jeito que, mesmo que a poesia em questão seja pesarosa e aflita, nos cativa e fascina, pois veja só: o poeta transformou mágoa em magia e lágrima em sabedoria.
Falando do amor, o mundo se inspira: pensa em coisas bonitas, palavras elegantes, flores e nos anos 30. Engraçado, os pobres coitados (rejeitados) ainda sofrem todo santo dia!
Há aqueles que se arrependem de ter negado e aqueles que gostariam de aceitar, mas a vida é cheia de curvas, nem tudo vai rolar.
Nada como um romance de padaria ou comercial de margarina. Não existe entretenimento melhor do que um livro de romance onde o protagonista é bobo e não percebe o interesse do outro.
Não sei, não sei. O amor é tão confuso. Em cada fase da vida ele age de um modo... Os adolescentes sofrem com essa informação, imagine se descobrem que metade do que acham que sentem é ilusão? Bom, é melhor guardarmos segredo.

— Eu te amo pela eternidade. — a moça esclareceu.

— Não precisa exagerar. — o moreno respondeu timidamente. — Humanos vivem pouco mais que 65 anos, e... considerando que temos 17, nosso amor só vai durar uns... 48 anos. — falou, deixando seu lado nerd e insensível tomar conta.

A garota sorriu, já esperava uma resposta assim.
— Nossa eternidade durará 48 anos então. Porque com você, a eternidade está nos minutos... em cada momento.

— Isso dói um pouco, May....

— Eu... eu sei.

Talvez eu possa concluir que o amor é louco. Nos faz corar, suspirar, sorrir e... aquele misterioso frio na barriga, que surge apenas de ouvir o nome de quem se gosta. As coisas vão se tornando mais interessantes quando os olhares se travam, pois você fica emcabulado pensando:"Por que não desviei os olhos?".

O amor é insano quando os olhares nunca travaram, as conversas nunca aconteceram e... ele nunca existiu. O amor vai piorando quando se cria uma imagem para alguém que é o oposto do que você pensa. E, de repente, se vê apaixonado em alguém que nem vive. Alguns desesperados querem tanto amar que acabam não amando nada e a ninguém (vale ressaltar).

O amor transforma.
Por isso o amor é arte, ele é magnífico no modo de conseguir devastar o coração. É esplendorosa a forma que leva alguém de suspiros à lamentos. O amor está na paciência e compreensão e não apenas na atração, ou na emoção.
Amor é vida, arte, poesia, beleza... O amor é divino.

28 de Abril de 2022 às 19:26 0 Denunciar Insira Seguir história
3
Fim

Conheça o autor

Maria Luiza Eu faço uns contos malucos, chega aí :)

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~