yas_na Yasmin Neckel

Ela queria experimentar coisas novas, então viajou para o interior para morar com seu avô, mas um garoto fez ela se apaixonar, o problema é que ele é filho do inimigo de seu avô, eles se amam mas não podem ficar juntos, um romance proibido pode estar surgindo? Leia "viagem inesquecível" para saber.


Não-ficção Para maiores de 18 apenas.

#romance #interior #viagem #romanceproibido
0
282 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 2 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

1-chegadando no interior

eu realmente estou fazendo isso?


sim, eu estou.


neste momento estou entrando no avião que vai me levar para,o interior, onde irei ficar com meu avô por parte de pai.



seu nome é Rafael.

e do meu pai Carlos.


meu nome é Alice, Alice allen.


e estou embarcando na maior aventura da minha vida, viver "sozinha" no interior.


assim que eu entro no avião me dirigo ao meu acento e me sento.


pego meu telefone e meus fones, coloco beggin e sinto o avião decolar, eu estou muito ansiosa.


(quebra-de-tempo)


eu realmente estou muito entediada, já escutei todas as músicas da minha playlist, e já estou enjoando da paisagem que dá para se ver da janela.


resolvo tentar dormir, afinal, eu mereço, ainda temos 4 horas pela frente até o interior.


fecho os olhos e minutos depois eu cochilo, e durmo por um bom tempo.


acordei com a voz da aeromoça.


-moça, você quer um doce?, temos bombons, barras de chocolate de água.


-me dá um bombom e uma água, porfavor


ela pega me entrega e segue seu caminho.


eu como o bombom e logo depois tomo 3 goles de água, fecho a garrafinha e a coloco do meu lado.


-senhores passageiros, daqui 30 minutos iremos pousar, apertem bem os cintos.


eu chequei o meu cinto e olhei pela janela


(30 minutos depois)


quando pousamos eu soltei o cinto, me levantei peguei minha mala e sai do avião.


logo em frente avistei meu avô, Rafael.


vou até ele e o abraço, logo entramos no carro e seguimos até a casa dele.


-entao, minha netinha, oque fez você querer vir morar no interior?


-bom, eu apenas quero experimentar coisas novas

-uma garota de 17 anos quer ficar sozinha e experimentar coisas novas, isso não vai dar bom

-para vô eu sei me cuidar muito bem sozinha tá legal

-ok ok eu só....

ele derrepente para abruptamente de falar e olha para a frente com ódio nos olhos.

-ele não

ele sussurrou alguma coisa que eu não entendi muito bem.

ele saiu do carro e foi até uma homem que estava parado lá, o homem era alto ussava botas um chapéu e uma camisa bem comum por aqui, ao lado dele um garoto alto quase do mesmo tamanho do homem, tinha olhos verde e cabelo castanho e eu tenho que confessar, ele é lindo.

-oque você está fazendo aqui charles?

-vimda as boas vindas a nova moradora, bem, eu e Patrick

então o nome dele é Patrick.

-ola-o tal Patrick fala sorrindo para mim, mas, não um sorriso legal, um sorriso cínico.

franzi o cenho olhando para ele.

-escuta aqui, você vai pegar seu carro e vai sair daqui, vocês dois vão, e se voltarem eu vou atirar em vocês dois, estamos entendidos?

-calma Rafael, não presida se descontrolar, mas ok, vamos patrick-ele fala e o garoto vai atrás dele.

-nos vemos por ai Rafael

-desgracado-meu avô murmurou

-vo quem era aquele homem e quem era aquele garoto?

-o homem era Charles, inimigo da família a anos e o garoto era Patrick filho dele

-hummm, e porque ele e nossa família são inimigos?

-porque meu pai criou uma dívida, com o Charles e morreu, então Charles me cobra a muitos anos.

-ok, mas porque você simplimente não paga ele

-oque? eu não vou me humilhar desta forma e dar o dinheiro de mão beijada para Charles

eu suspirei e concordei com a cabeça.

pegamos minha mãe e entramos, meu avô ficou na sala e eu subi, passei um bom tempo arrumando tudo, pois a mala era apenas minhas roupas o resto já havia chegado e estava jogado no meu novo quarto.

passei umas 4 horas arrumando tudo e quando desci meu vô estáva me esperando para jantar, me sente e comemos enquanto conversávamos sobre coisas aleatórias.

quando terminamos eu subi logo depois de dar boa noite a meu vô.

me deitei e coloquei meus fones colocando uma música que eu amo, Morgana do kamaithachi.

quando finalmente o sono veio tudo ficou escuro.


























23 de Abril de 2022 às 03:48 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Continua… Novo capítulo A cada 2 dias.

Conheça o autor

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~