junio-santos-batista Junio Santos Batista

Uma simples consulta médica, leva Débora ao seu pior pesadelo.


Conto Todo o público.

#]
Conto
0
1.3mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso
tempo de leitura
AA Compartilhar

C O N F I N A D O S

__"Aquele que habita no esconderijo do altíssimo descansara a sombra do opitotente".

__Debora não havia acordado muito bem naquela manhã, um calafrio tomava conta do seu corpo uma tosse que a incomodava já alguns dias estava piorando, com uma leve dor de cabeça resolve não ir trabalhar e vai até uma clínica para uma rápida consulta.

__ Uma vez na clínica pode ver a quantidade de pessoas também com os mesmos sintomas que ela sentia. a clínica foi fabricada com estrutura de aço pois a região aonde Débora morava sempre havia conflitos militares e havia um porão abaixo da superfície da clínica caso houvesse um ataque todos seriam conduzidos até o porão, e só retornariam quando a situação melhorasse.

___E justamente naquela manhã em que esperava pelo atendimento médico. quando as sirenes tocam e todos deveriam serem conduzidos até o porão.

___No porão havia acomodacoes, camas. banheiros. cozinha e uma sala bem ampla que era a sala de estar.

__Havia também uma certa reserva de comida para uns dez dias. Porém não contavam com o pior o grupo de enfermeiros e médicos foram levados para um outro abrigo. ficando ali praticamente todos os que apresentavam os mesmos sintomas. calafrio. dor de cabeça e febre. com três dias naquele ambiente a situação ficou desesperadora de todas as oitenta e cinco pessoas que foram para o abrigo em três dias quinze pessoas faleceram inesperadamente. o que fazer com tantos corpos de mortos. a situação no abrigo ficou insuportável. o cheiro de corpos apodrecendo. a comida já estava acabando e a pouca água que restava também estava no fim.

__Estavam com vinte e dois dias no abrigo, Débora começou a ter visões e uma presença sobrenatural os acompanhava. com Débora apenas mais quatro pessoas continuavam a lutar pela vida.

___Mas havia mais alguma coisa ali com os cinco sobreviventes além dos muitos corpos de mortos, algo os observava.

__Ate que a ajuda chegou um grupo de militares veio ver o que sobrou do abrigo.

__Debora começou um tratamento psicológico, recuperou sua saúde mental e hoje vive em uma Fazenda no interior, casou -se tem quatro filhos. Porém as vezes acorda assustada na noite. como que se algo a oberva_se.



19 de Janeiro de 2022 às 11:45 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Continua…

Conheça o autor

Junio Santos Batista O escritor junio santos batista e formado em gestão de segurança, casado com Lenita e tem uma filha Beatriz, e um filho de outro casamento, Fernando

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~