Atualize agora! Temos um NOVO aplicativo para Android! Baixe-o na Google Play Store. Leia mais.
A
Alana Bruna


Naruto e Sasuke se conheceram no verão de 2005 em Miami, desde esse dia se tornaram grandes amigos. Anos depois no casamento de sua melhor amiga um sentimento escondido é revelado e o que era pra dar certo acabou saindo errado no final da noite. Mas o que um deles não contava é que o sentimento era recíproco, era muito bem correspondido. Mas porque continuar escondendo esse sentimento ? O que um dos dois não contava é que algo grave iria acontecer. É como aquele ditado: "Nunca deixe para amanhã o que você pode fazer hoje." Narusasu| Short-fic| +18| UA


Fanfiction Anime/Mangá Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#Naruto #Sasuke #Itachi #Sakura #Shikamaru #Temari #ShikaTema #narusasu #sasunaru #Jiraiya #Minato #ItaSaku #mikoto #Karin
0
503 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Capítulo 1

Essa história está sendo totalmente dedicada a Piefuir, minha amiga secreta.


VERÃO


O verão é a estação do ano que começa após a primavera e antes do outono. É um período em que as temperaturas são mais elevadas e os índices pluviométricos aumentam. A palavra verão é originada do latim vulgar “veranum tempus”, cujo significado é “tempo primaveril” ou “primaveral”.


Quinze anos antes.

Verão de 2005.


Pessoas sentadas em suas cadeiras curtiam o belo sol da tarde ensolarada, alguns andavam preguiçosamente descalços pelas areias e alguns brincavam na água. As crianças corriam e pulavam se divertindo junto de seus colegas, e dentre essas crianças Naruto corria entre as pessoas todo desengonçado pelas areias da praia de Hollywood Beach em Miami, sua amiga corria atrás dele brincando de pega-pega, ele trazia consigo um pequeno frasco de protetor solar amarrado numa cordinha em seu pescoço.


Seus pequenos cabelos loiros eram bagunçados pelo vento, em seu rosto era estampado um sorriso de orelha a orelha. Ele deu uma breve olhada para trás e viu sua melhor amiga correndo atrás dele. Sakura, amiga de infância que morava no mesmo bairro, a menina que corria atrás fazia alguns sinais e gritava, sem entender nada Naruto correu mais rápido deixando ela para para trás quando ele retornou seu olhar para a frente viu uma cabeleira escura em sua frente sem tempo de desviar e se chocou contra essa pessoa.


— Você devia olhar para onde anda garoto !! — o menino de cabelos escuros se pronuncia irritado se levantando e se limpando.


— Desculpe — Naruto fala se levantando e limpando a areia acumulada em seu short e cabelo — não consegui desviar a tempo.


— Você devia parar de correr feito um louco pela praia — o menino diz.


Quando Naruto ergueu seus olhos, fitou o menino e percebeu que o moreno parecia ter a mesma idade que ele.


— Está olhando o que ?! — o garoto disse claramente irritado.


— Na-Nada — Naruto gagueja e ele se praguejou por isso — meu nome é Naruto, Uzumaki Naruto.


— Não me interessa !! — o garotinho fala olhando com desprezo.


Antes de dizer algo um outro menino maior de cabelos meio compridos e escuros chega.


— Sasuke, não é desse jeito que se fala com as pessoas — o garoto mais velho dá uma bronca no mais novo.


— Ele me atropelou Itachi !! — Sasuke exclamou indignado.


— Você viu que foi sem querer Sasuke, então não tem que fazer uma tempestade em copo d'água.


O menino que se auto denominava Sasuke pediu desculpas pela grosseria e saiu para caçar conchas perto da água do mar.


— Eu me chamo Naruto, Uzumaki Naruto — Naruto disse estendendo a mão em direção ao menino mais grande que se chamava Itachi, esperando que o mesmo apertasse sua mão.


— Sou o Uchiha Itachi e aquele ali é meu irmão mais novo Sasuke, desculpe pela grosseria dele — diz apertando a mão do loiro.


— Não tem problema, eu meio que atropelei ele — o Uzumaki diz coçando a nuca sem graça.


Após conversarem mais um pouco Sakura chegou ofegante, deu uma bronca em seu amigo arrancando uma risada de Itachi, a menina quando percebeu que tinha um menino ali ficou vermelha de vergonha. Naruto ao ver que sua melhor amiga estava envergonhada e ao mesmo tempo encantada pelo irmão de Sasuke, saiu deixando os dois e foi em direção ao garoto que ele atropelou.


— Ei, o que você está fazendo ? — O Uzumaki questionou o Uchiha e o mesmo ignora — sabia que é feio ignorar os outros ?


O pequeno Uchiha ainda continuava fingindo que o loiro irritante não estava ali, caminhou até perto da grama e colocou suas conchas na areia em um montinho. Naruto, como sempre curioso, seguiu o menino, olhou para trás e viu sua melhor amiga ainda conversando com Itachi.


— Au !! — Sasuke grita de dor.


Naruto quando escutou o grito correu achando que o menino tinha se machucado, mas quando chegou viu o Uchiha com cara de dor agachado esfregando o dedinho.


— Achei que você tinha se ferido — o Uzumaki suspirou aliviado.


Viu que do lado de Sasuke tinha algumas flores.


— Como elas são bonitas — o loiro dizia admirado — como esse tipo de flor nasceu aqui ?


Naruto se agachou e viu as pequenas flores de pétalas brancas de miolo amarelado.


Elas eram bem bonitas, afinal, Naruto pensava.


— Vou levar uma para a Sakura-Chan, ela vai amar !! — o loiro sem nenhuma delicadeza arranca uma das flores e a outras acaba quebrando.


Sasuke fica irritado pelo fato do garoto ter quebrado as flores que ele estava escondendo para dar à sua mãe.


— Seu idiota !! Essa flor era para minha mãe !! — o Uchiha diz irritado arrancando uma das flores da mão do loiro.


— Porque você é tão grosso com as pessoas em ?


— Isso não é da sua conta.


— Por isso que você não tem nenhum amigo !! — o loiro diz e logo se arrepende ao ver que o moreno arregalou os olhos e brilhar com o provável choro.


Sasuke esbarra no Uzumaki e sai pisando duro. Naruto de longe vê o menino cabisbaixo quando chega perto de sua mãe.


Sem graça, Naruto vai até Sakura e a chama para irem embora e foram onde seus pais estavam.


.


Desde aquela hora Naruto não conseguiu prestar atenção em mais nada, se sentia mal por ter falado aquilo para Sasuke e ter quebrado aquela florzinha que era importante para o moreno.


Quando chegou a noite, se deitou na cama e não conseguiu pregar os olhos, o sono não vinha.


— Vou agora me desculpar com ele, senão eu não conseguirei dormir nunca — ele diz frustrado enquanto passava a mão em seus cabelos.


Decido ele desceu da sua cama, olhou para o lado e viu que sua melhor amiga dormia tranquilamente, pegou um casaco que tinha guardado ali e saiu do quarto de fininho e saiu de casa indo para a casa de praia dos Uchihas. Quando ele estava chegando escutou boa parte de uma discussão e isso o fez ter lembranças nada boas. Estava dando meia volta para ir embora quando escutou o barulho da porta dos fundos se abrindo, virou o rosto e viu sair de lá o pequeno Uchiha segurando o choro.


— O que você está fazendo aqui ? — o menino pergunta assustado limpando os olhos quando vê o loiro de mais cedo.


Será que ele escutou a discussão ? Sasuke pensava.


— Desculpe, eu não queria escutar a briga — Naruto diz sem graça e envergonhado.


— O que você está fazendo aqui ? — o pequeno Uchiha retorna fazer a mesma pergunta de antes.


— Eu vim me desculpar por mais cedo.


— Vai embora, não quero saber de suas desculpas — Sasuke diz andando em direção ao mar.


— Você é muito irritante cara, venho me desculpar e você fica todo ignorante, não coloque culpa nos outros se seus pais brigam — Naruto diz ficando irritado andando atrás do moreno.


— Você não sabe de nada !! — Sasuke grita se virando para o Uzumaki.


Enfurecido dá um chute na água do mar.


— Na verdade eu sei sim — o menino loiro dá um sorriso fraco parando de andar — minha mãe e meu pai brigavam direto em casa, como minha mãe era mais explosiva sempre a discussão ia longe, eu sempre buscava refúgio na casa da Sakura-chan — Naruto suspira lembrando das brigas — eu sei que é chato ficar falando dos problema de família para os outros ou para pessoas que a gente não conhece mas tem hora que dá pra não aguentar, a gente precisa desabafar um pouco. Sempre tive a Sakura-Chan pra conversar pois ela me entendia já que seus pais passaram pelo mesmo que os meus, sempre tive ela Sasuke e você pode ter a mim ou a nós se quiser, ter um bom amigo não é ruim.


Se passaram alguns minutos e nenhum dos dois falou nada, cada um estava absorto em seus pensamentos.


Sasuke nunca pensou que alguém o entenderia, mas estava enganado, esse garoto barulhento talvez tenha razão.


— Desculpa — Sasuke diz se pronunciando sem graça.


Naruto o olhou surpreso. Parece que ele está engolindo seu orgulho e arrogância, ele pensava consigo mentalmente.


— Tudo bem cara, não se preocupe, eu realmente te entendo — o Uzumaki diz simpático — a partir de agora eu serei seu amigo.


Sasuke arregalou seus olhos surpresos e assentiu a cabeça em sinal de concordância dando um sorriso.


Os dois saíram caminhando pela praia que era iluminada pela lua, eles conversaram sobre várias coisas, Sasuke acabou contando sobre seus pais e ele se sentiu aliviado, como se um peso fosse retirado de seus ombros por finalmente desabafar com alguém.


Sentados em sobre uma toalha na areia, os dois olhavam as ondas do mar balançando a favor e contra o vento, estava um clima agradável, o vento soprava contra eles bagunçando seus cabelos, estava um silêncio confortável.


— Você disse que de agora em diante você seria meu amigo, isso é verdade ? — o moreno dizia meio inseguro acabando com o silêncio.


— Sim — Naruto diz o fitando.


— Você promete ? — o menino de cabelos negros questionou o olhando esperançoso.


— Prometo.





7 de Dezembro de 2021 às 12:52 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo Capítulo 2

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 4 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!