lia-velyn-de-ouza-pavione Júlia Evelyn

Todos conhecem a clássica história de Branca de Neve, ela perde a mãe,o pai se casa com uma madrasta ruim,a madrasta tenta matá-la ,Branca de neve é salva por um belo príncipe e vive feliz para sempre.Porém este livro é uma incrível e melhorada versão de Branca de Neve,pois Branca de Neve agora conhecida como Elisabeth, se torna independente e não tem apenas 7 homens para comandar mas sim 70 e um belo prisioneiro para comandar em seu navio,ela é temida em todos os lugares onde vai,ela vive milhares de aventuras apenas para cumprir um objetivo, encontrar a cachoeira dos desejos...


Aventura Todo o público.

#mulheresmuitofortes #Brancadeneve #drama #princesa #aventura #Piratas #lutas
0
656 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Toda semana
tempo de leitura
AA Compartilhar

Olá Elizabeth

era uma vez,um casal realmente feliz com uma filha realmente linda

Elizabeth era encantadora,seus olhos e cabelo eram pretos como um corvo,sua pele era Branca como a neve e seu sorriso era perfeito e sua voz era suave e acaumava à todos.

Elizabeth tinha pais ricos,é muito carinhosos, “essa é a família mais feliz”-era o que todos diziam, até que um dia,quando Elizabeth tinha 6 anos,seus pais foram a um teatro,eles deixaram Elisabeth com a babá pegaram a carruagem e foram para o teatro,depois de duas horas bateram na porta da residência da família,a babá atendeu e viu que era a polícia,disseram que a mãe de Elizabeth avia desaparecido e que seu pai estava no hospital,a babá levou Elisabeth para o hospital e a enfermeira disse a Elizabeth que o pai estava em cirurgia,então Elisabeth olhou para a porta atrás da enfermeira e viu uma sobra,uma mulher idosa,com a cara fechada e um mordomo atrás “vovó!” gritou a menina,realmente era a avó de Elizabeth ,a enfermeira olhou com uma cara séria para a avó de Elisabeth e chamou ela para converçar,Elizabeth sem saber o que estava acontecendo olhou para a babá e perguntou:

“onde está minha mãe?”

a babá chorou e não teve coragem de responder que a mãe da menina estava desaparecida e que talvez estivesse morta a babá chorou e ficou em silêncio,a menina assustada começou a entender o que estava acontecendo, a enfermeira e sua avó estavam conversando em uma sala ao lado da cadeira de Elizabeth , a garota então inclinou-se e ouviu a seguinte conversa:

“não sabemos o que causou o assistente,o motorista da carruagem morreu no local,a polícia não encontra o corpo de sua nora e seu filho está em cirurgia”

Elizabeth começa a escutar choros e gritos,era a sua avó,nesse momento Elizabeth ficou pálida,começou a tremer e em fim desmaiou.

quando acordou estava deitada em uma maca de hospital,olhou para o lado e viu seu pai,ela chorou e gritou “papai está vivo,papai está vivo!” foi uma cena linda ,Elizabeth rapidamente se levantou e foi para a cama de seu pai com a intenção de abraçá-lo,interrompida pela enfermeira,que disse que o pai da garota avia saído a pouco tempo da cirurgia e que precisava descançar,então um pouco triste por não poder abraçar seu pai perguntou: “ e a mamãe,onde ela está?”

“está morta”-disse a enfermeira,

ela saiu do quarto depois de dizer isso,a garota ficou paralisada e voltou a tremer,a vó dela que não soube da frieza da enfermeira,levou Elizabeth para casa e ficou com ela.

duas semanas depois o pai de Elizabeth se recuperou da cirurgia e recebeu auta,quando ele chegou em casa ,recebeu um belo abraço de Elizabeth,eles choraram pela perca de sua mãe,de noite,o pai de Elisabeth levou-lá para um restaurante de luxo eles comeram e foram para casa dormir,no dia seguinte Elizabeth levantou da cama atraída por um cheiro de panqueca na cozinha ela pensou que fosse o pai,mas,quando ela chegou na cozinha viu a enfermeira e seu pai,o pai de Elizabeth quando viu a garota disse:”filha essa era a enfermeira que cuidou de mim”

a garota mesmo tendo apenas 6 anos,vendo aquela mulher disse:

“você nunca será minha mamãe!”

Elizabeth saiu correndo e voltou para seu quanto ela chorou e ficou no quarto o dia inteiro,no dia seguinte Elizabeth , acordou e foi para cozinha,ela ficou feliz por não ver nenhuma mulher na cozinha,ela preparou seu próprio café da manhã e lêu um livro,ela percebeu que o pai não tinha acordado ainda,então ela foi até o quarto do pai para acorda-lo ,porém,ele não estava lá,ela desesperadamente procurou pela casa toda quarto,quintal,sala...até que alguém bateu na porta,quando ela abriu a porta viu que era o pai

“filha,precisamos conversar”-disse o pai-“ninguém poderá substituir sua mãe,porém,o papai se apaixonou,e eu sei que é difícil para você aceitar isso mas,eu vou me casar,daqui a dois mêses,com a senhorita Evelyn”

no mesmo instante a enfermeira que cuidou do pai de Elizabeth apareceu com malas e um gato gordo e branco “olá Elizabeth”-disse a moça,Elisabeth ficou sem reação,e passou o resto do dia no quarto escrevendo o quão triste estava em seu diário,dois meses se passaram e o pai de Elizabeth se casou,demorou dois anos para que Elizabeth aceita-se esse casamento.

quatorze anos depois o pai de Elizabeth foi assassinado, a polícia não descobriu quem avia matado o pai de Elizabeth ,a garota ficou dois meses de luto,a madrasta preparava comida para garota pois ela não saía do quarto.

5 de Outubro de 2021 às 21:43 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo Um plano infalível,falível

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 4 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!