kynnha94 Park Jeon

Um grupo de sete amigos inseparáveis, até o dia em que o exame de um deles da positivo para ÔMEGA. Park Jimin, pensou que nunca mais os encontraria, até aquela noite, dez anos depois. O ômega se vê rodeado por alfas e não importa quantos inibidores ele tome, nesse momento ele entra em um cio incontrolável. Semanas após ele descobre que... - Agora você terá que ler pra descobrir haha. ⚠️ Amorinhas essa é minha primeira vez escrevendo algo do gênero então dêem uma chance pra titia. ( Baseado no yaoi de mesmo nome ( + -) 𝒰𝓂 𝑒𝓃𝓉𝓇𝑒 𝑒𝓈𝓈𝑒𝓈 4. )


Fanfiction Todo o público.

#caos #segredos #mentiras #brigas #blb #gay #hot #omegavers #fantasia #BTS # #ABO
0
529 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 15 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo

⋆⋅⋅⋅⊱∘─── α β Ω ───∘⊰⋅⋅⋅⋆


Olá amorinhas da titia 🙃


Lançamento de Fic com spoiler é maravilhoso né?


Tenham uma boa leitura.


Não esqueçam da estrelinha lá embaixo.


⋆⋅⋅⋅⊱∘─── α β Ω ───∘⊰⋅⋅⋅⋆





-Então eu já vou indo.


A porta foi bruscamente fechada em sua cara mas isso não o deixou abalado, já estava acostumado com o modo que o menor o tratava.


- Se precisar me ligue, ficarei feliz em ajudar com meu caralho.


O ruivo disse ainda parado à frente da porta, mas logo se afastou quando viu um dos vizinhos se aproximar.


A noite era calma e estrelada, a brisa gélida natural pela estação do ano que se encontrava, o vento gélido batia no rosto pálido de Jung que cantarolava alguma música conhecida apenas por ele.


- Está frio, e a chuva cai, amo Jimin até demais, mas continua sendo lindo.


Com suas mãos nos bolsos de seu casaco ele caminhava lentamente observando os brinquedos infantis e os bancos da praça, sua cabeça repetia diversas vezes as frases ditas pelo menor horas atrás.


-, Tem uma coisa que não me lembro de quando eu estava inconsciente,... – Nós fizemos sem camisinha?


Suspirou fundo parando seus passos no meio da praça.


- Mas... isso realmente me irrita. – Eu preciso investigar isso.


Tirou seu celular do bolso procurando o contato na agenda do aparelho, assim que encontrou clicou na tela iniciando a chamada.


O som costumeiro da ligação foi encerrada rapidamente quando no outro lado a ligação foi atendida.


- Alo?.


- Oi sou eu, onde você está? – Preciso conversar.


...


( Restaurante Mistyc )


Jimin estava atordoado parado em frente ao estabelecimento que por sinal era bem agradável e movimentado.


Em sua destra segurava um cartão com o nome e endereço do local.


- Esse deve ser o lugar certo.


Deu mais uma olhada e viu o nome do amigo na placa logo ao lado da estátua de tigre na entrada.


- O único que sobrou foi Kim Namjoon. – Namjoon é melhor que Yoongi, Seokjin ou qualquer um dos outros.


Jimin tomou coragem e adentrou no local, se impressionou ao ver que o interior era ainda mais bonito que o lado de fora.


- Bem vindo ao Mistyc.


Atrás de um grande e polido balcão uma mulher de cabelos negros preso em perfeito coque sorria para o menor.


- Eu gostaria de falar com Kim Namjoon.


- O senhor tem hora marcada?


- Hora marcada?


Mexendo na barra de seu casaco, Jimin percebeu que pelo tanto de pessoas que entravam e saiam de lá Kim não teria tempo livre sem aviso antecipado.


- Me desculpe, não sabia que teria que marcar hora, voltarei outra hora.


O loiro saiu do local cabisbaixo, afinal ele queria uma resposta para seu problema.


- Uma perca de tempo e pra piorar agora estou com fome.


De cabeça baixa e murmurando palavras desconexas, Park sentiu suas narinas serem preenchidas pelo cheiro familiar.


- Ah Jun-Kook?


- O que está fazendo aqui?


O moreno, tinha a estatura maior e mais robusta que de Jimin, por ser um alfa, parou olhando para o menor de bochechas vermelhas.


- Vim encontrar um de nossos amigos.


- Namjoon?


- Há sim, tenho algo pra resolver com ele, mas como não tenho hora marcada não consegui.


Jimin tinha suas mãos unidas na frente do corpo enquanto se embalava para frente e para trás.


Seu olhar acabou por cair sobre a mulher ao lado do amigo. “- Ela também é uma alfa, deve ser a namorada dele.” Essa constatação em seus pensamentos o deixaram desconfortável.


- Se junte a nós para o almoço.


A frase dita pegou o menor de surpresa e o deixou ainda mais corado.


- Você está acompanhado, não se incomode comigo.


- Está bem por você, Jena?


Jeon perguntou a companheira se referindo ao amigo fazer companhia na refeição.


- Está tudo bem.


- Vamos então.


Jimin ficou parado alguns segundos que não passaram despercebidos pelo moreno.


- Vai vir ou espera que alguém te sirva aqui fora?


- Me desculpe.


Park não entendia o porquê de tanta grosseria vinda de Jeon, sabia sobre o desgosto e fobia que o moreno tinha de ômegas, mas não fazia sentido ele ser alvo das palavras grosseiras já que os dois eram amigos.


Na mesa todos fizeram seus pedidos, o clima era estranho mas Jimin não deixou de admirar mais uma vez o local.


- Aqui senhor, seu pato ao molho de laranja.


O garçom serviu os pratos pedidos por cada um, assim que o sabor invadiu a cavidade bucal de Park ele se lembrou da juventude quando Namjoon cozinhava vários pratos para si.


Ele mesmo tinha falado que o amigo deveria abrir um restaurante, esses pensamentos fizeram um sorriso nascer em seus lábios cheinhos e rosados. “ – Dez anos, e ele fez.”


No outro lado do móvel Jeon encarava a cena de um Jimin pensador e atrapalhado que sujava sua bochecha a cada garfada.


Jena que estava ao lado do moreno viu algo que nunca tinha visto até agora, o rosto sempre sério de Jungkook estava iluminado e os lábios finos e vermelhos se curvaram centímetros formando um pequeno e quase invisível sorriso.


Jungkook estava sorrindo não com Jimin mas por Jimin.


⋆⋅⋅⋅⊱∘─── α β Ω ───∘⊰⋅⋅⋅⋆



Espero que tenha ficado bom esse pequeno gostinho que foi dado.


Conto com o apoio de vocês em mais esse projeto.


Agora vai pro próximo capítulo e aproveite.



29 de Setembro de 2021 às 16:52 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo Positivo

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 5 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!