C
Carlos Augusto brite Rodrigues


E sobre um garoto chamado James sanhad que era um garoto emo depressivo que odiava sua vida até que um evento inesperado acontece e isso pode mudar a vida dele para sempre.


Ação Todo o público. © Carlos xxx copyright

#chonicles #Golden
1
652 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

CAPÍTULO 1 :PERDI MEU LANCHE

Você acha que acorda de manhã você estará feliz e alegre. bem para mim não eu não estou nem um pouco feliz sobre isso porque afinal eu vou ser chutado você vai se perguntar. porque?, bem eu sou bem depressivo e eu sou emo e esse tipo de pessoas e que sofrem mais bullying. enfim após me levantar descer das escadas trocar meu pijama por uma blusa preta e uma calsa preta e um sapato marrom dui para a mesa de café da manhã com o meu pai" julius sanhad" eu acho que ele tem esse nome por causa de algum seriado de tv. bem... a desculpe eu esqueci de me apresentar eu sou o "james sanhad" tenho 12 anos eu sei e bem estranho eu já estar depressivo nessa idade.mas voltando meu pai estava sorrindo e então falou :"- e então esta pronto para ir para a escola?." eu fiquei em silêncio e então ele falou: "-olha eu sei que você não gosta daquela escola mas não temos escolha. e o unico jeito nós tivemos que usar o dinheiro da sua mãe. eu sei que não esta facil mas nos iremos passar por isso como uma família." eu me senti um pouco melhor com isso... oh! esqueci de contar minha mãe ela faleceu quando eu tinha 6 anos eu nunca descobri o nome dela já que o único nome que dava para ela era mamãe. Após o café da manhã. meu pai deu um saco de papel e disse: "- isso e seu" eu respondi:"o que é pai?". ele respondeu :"-um pão de queijo mas não qualquer pão de queijo era o que sua mãe fazia para você quando tinha 6 anos sabia" eu fiquei feliz naquela hora era como antigamente eu amava a minha mãe até hoje. eu abracei meu pai e então pequei minha mochila e fui indo olhei para trás e vi meu pai entrando em um caminhão do correio sabe ele trabalhava como entregador de jornais e outra coisa só que ele nunca me contou. continuando eu tinha que pegar 3 ônibus sério 3 ÔNIBUS ? isso já é brincadeira. no primeiro tinha uma música de rock e pessoas com estilo punk, no segundo era um com pessoas portoriquenses escutando a...Macarena? enfim, chequei em um ônibus com pessoas que parecem ser ricas escutando musicas de conserto. depois andei um pouco até chegar a escola. mas o problema é que quando eu pissei lá um cara com o dobro do meu tamanho disse :"-e ele pequem-o" se você sabe matemática você vai entender o cara que avisou a eles me espancar mais os caras que ouviram iqual a 6 caras vindo atrás de mim. eu corri,corri e corri até chegar ao refeitório até que alquem ne deu um soco na cara e então eu cai quando levantei a cabeça vi ele "Joey Williams" o maior bully da escola ele falou com um olhar feliz em me ver no chão :"- ola cinzento como vai sentiu saudade" ele pegou o saco de papel e disse :"-olha um pão de queijo isso é meu agora hahahaha hahahaha hahahahaha" eu falei:" oquei chega me devolva isso se não."- ele olhou com um olhar sádico e disse :-se não o que cinzento você sabe que não pode me derrotar galera cuide dele." eles me pegaram e me espancaram muitas vezes quando terminou eles foram embora e então percebi que o cinal da escola começou a tocar então me levantei machucado e fui para a enfermeira e depois ia para a sala de aula e assim começaria mais um terrível ano.




20 de Outubro de 2021 às 15:58 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo CAPÍTULO 2: FUI ATACADO POR UM FANTASMA

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 19 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!