G
Gustavo Henrique Antunes Melo


Um monte de histórias de terror em apenas um só livro!


Horror Histórias de fantasmas Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#Horror
0
921 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Toda semana
tempo de leitura
AA Compartilhar

FLORESTA DA MORTE

Estava viajando acompanhado de meu pai,ele era esquizofrênico e tinha vários problemas de saúde,meu carro estragou e estava chovendo muito então meu pai e eu fomos procurar um local seguro.

No meio de tantas árvores e terra achamos uma velha cabana toda feita de madeira,resolvemos chamar e para nossa surpresa nós deparamos como uma velha senhora com um avental que tinha umas manchas vermelhas,contei o que tinha acontecido e pedi para passar a noite,com um sorriso no rosto ela autorizou.

Entramos na casa,meu pai já começou a ver coisas dizendo que a carne do jantar era uma criança e que iríamos morrer lá,eu todo sem graça pedi desculpas e voltei a comer.

Era 00:00,acordei com sons de uma água parecendo que estava sendo fervida e um barulho de alguém cortando algo com uma faca,olhei para outra cama meu pai não estava lá,pensando que ele tinha feito algo com a senhora corri para a cozinha e me deparei com meu velho inconsciente e com a cabeça sangrando,estava com um buraco no peito,a senhora toda meiga disse:

-Café está pronto,coração de idoso,pro almoço será fígado.

Corri daquele local,sentei próximo de uma árvore e liguei para emergência.

Depois de analisarem o corpo da senhora e o do meu querido pai,me levaram para um manicômio e me acusaram de dois homicídios.

Na verdade a história era uma alucinação minha e eu era o culpado dos crimes.

25 de Agosto de 2021 às 15:48 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo EPIDEMIA

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 7 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas