pequenaescritora Vitórya Fernandes

Não uso mais Minha voz com tanta frequência. E quando abro a boca para falar, A minha voz não sai. Como se fosse um esforço Monstruoso. Eles não vão me ouvir, E eu vou escrever Tudo no meu caderno De qualquer jeito. •°•°•°•°•°•°• • Capa feita por mim. • Todos os poemas são de minha autoria. - Plágio é crime.


Poesia Impróprio para crianças menores de 13 anos. © todos os direitos autorais

#poesias #pensamentos #sombrio #tristes #morbido
9
3.3mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Meus Poemas

Dói pensar que passará por esse texto abatido,

Que lerá meus sentimentos e dirá:

Que bonito.

Ou,

Faço bem melhor.

Quando me matei para fazê-los

E há feridas se curando por onde saíram.

Deixa-me melindrosa saber

Que será mais um

Conjunto sofrido de palavras insípidas

Para ler.

Sinto-me repetitiva.

Mas é a minha rotina.

O que escrevo é pleonasmo.

Escute, esqueça essa merda

E volte para sua vida.

Não se envolva com o poema.

Ele foi feito para o autor,

Não para você.

4 de Agosto de 2021 às 21:16 5 Denunciar Insira Seguir história
6
Leia o próximo capítulo Ódio De Uma Bipolaridade Hipócrita

Comente algo

Publique!
Drikah Fernandes Drikah Fernandes
A partir dessa leitura, fui da curiosidade a admiração. Quem é essa garota? Eu pensei e me surpreendi a cada "página". E me surpreendo até hoje. 😍🤩🥰
August 08, 2021, 13:41

Luana Borges Luana Borges
Começando naquele pique skskksksk
August 05, 2021, 02:12
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 32 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas