ancorina_1 Ancorina Writer

Uma menina se apaixona loucamente pelo seu colega de sala. Mal sabe ela que um dia, tudo o que ela pensou vai virar realidade. Mas em um dia algo terrível acontece, que a leva em pensamentos profundos sobre viver ou morrer.


Romance Romance adulto jovem Para maiores de 18 apenas.
0
424 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 30 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

Amor à primeira vista..

2010 um ano em que justamente Daiana vai á escola na sua nova cidadeSunnydale , participando do seu primeiro dia no nono ano, muito empolgada eu diria.

— Bom dia pássaros! Hoje é meu primeiro dia no nono ano da escola nova, me desejem boa sorte. —diz ela bem contente.

— Bom dia filha, não vai tomar seu café da manhã? — diz a mãe.

— Não posso mãe, estou ansiosa e atrasada, vou comprar um café no caminho, Tchau! — Diz ela já saindo de casa.

Ela sentou e lá esperou pelo ônibus para ir a escola, mas ele não apareceu e ela teve que ir correndo para lá.

...

Chegando a escola East High School, estava muito ansiosa para fazer novas amigas.

Passando pelo corredor vai direto a uma sala, na qual ela iria estudar. Ela entra na sala, e imagina que nada do que ela sonhou seria isso,um monte de gente descolada. Mas ela ainda conseguia ver algumas meninas tímidas no canto da sala, então ela decidiu se aproximar.

— Oi gente! Sou nova aqui, e acredito que podemos ser grandes amigas. — diz ela toda entusiasmada.

— Ah, desculpa mas somos péssimas para fazer amigas. — diz uma que parece ser a líder das meninas.

— Tudo bem, ao longo do tempo vamos nos conhecendo, posso me sentar aqui? — Pergunta Daiana.

— Sem problemas! — diz a menina feliz.

— Aliás qual o nome de vocês? —Pergunta Daiana.

— Meu nome é Clara, a que está ao meu lado é Bruna, e aquela do canto é Lorraine. E qual seu nome? — Pergunta Clara.

— Meu nome é Daiana, muito prazer em conhecer vocês. — Diz ela cumprimentando.

— Muito prazer Daiana. — fala a menina.

....

O professor entra na sala e manda todos ficarem de pé.

— Bom dia turma! Como vocês sabem como toda vez que temos um colega novo ou uma colega nova, se levantamos e esperamos ele ou ela se apresentar à frente da turma. — diz ele meio rígido — Por favor, Daiana pode se apresentar? — pergunta ele.

— Ah, é claro. Olá gente, meu nome é Daiana como o professor já disse, tenho 15 anos, sou de outra cidade chamada Everwood, e espero me dar muito bem com vocês.— diz ela se apresentando

— Espero que não tenhamos sentimentalismos esperados por você Daiana. — Diz o professor debochando

E todos começam a rir, mas Daiana fica quieta

....

Após várias explicações de matérias, toca o alarme da escola lecionando que está na hora do lanche. Daiana vai caminhando por corredores e encontra as meninas com quem conheceu pela manhã.

— Nossa meninas, vocês são acostumadas com essa beleza magnífica da escola? — Diz ela admirada.

— Estudamos aqui desde o nosso primeiro ano, já nos acostumamos com isso. — Responde Clara.

— O que significa "magnífica"? Parece ser uma palavra difícil.— Pergunta Lorraine.

— Bom é que... — Daiana para de falar quando avista um garoto.

O garoto passa à frente delas e logo cumprimenta Clara.

— Bom dia Clara, devo dizer que está muito feia como sempre. — Diz ele rindo.

— Marcos! Devo te dizer o mesmo. — diz ela debochando.

Parecia que eles se conheciam de vários anos, pareciam mais familiares pois eles eram iguais, só que de sexo oposto.

— Você conhece ele? — Pergunta Daiana.

— É claro, somos irmãos, ele adora me zoar as vezes — diz Clara

— A, percebi a semelhança. — Diz Daiana que logo começa a rir com as suas novas colegas.

...

O sinal toca para o recreio, então Daiana foi até a sala para pegar seu livro, já que adorava ler sobre romances trágicos. Ela avista Marcos que está sentado na sua mesa.

— Com licença, Marcos não é? — Pergunta ela

— Exatamente, precisa de algo? — Questiona ele

— É que você está sentado na minha mesa, será que não pode me dar licença? — Pergunta Daiana

— A, é claro, desculpa meus modos. — diz ele todo educado.

Então Daiana pega seu livro e vai em direção a porta, quando o garoto a chama.

— Será que a moça linda não poderia me dizer seu nome? — Pergunta ele.

Nesse instante Daiana decide se deve falar ou não, pois ela não gostava que alguém desconhecido falasse isso à ela. Daiana o ignora e sai correndo.

....

A aula chega ao fim, e Daiana junta seus materiais e diz tchau à suas amigas.

....

Marcos chega em casa com três amigos com ele.

— Então, qual é a da aluna nova? — Pergunta Marcos

— Não sei, só sei que o nome dela é Daiana, sei disso por que ela é minha colega, mas por que a pergunta? — Diz um de seus amigos.

— Uhu, parece que o garanhão da escola se apaixonou na aluna nova. — debocha um de seus amigos.

— A Billy, não enche, agora vão embora, preciso estudar para amanhã. — Diz Marcos

— Uiui, Okay senhor garanhão. Te vejo na aula amanhã. — diz Billy.

...

Chegando a noite, Daiana se prepara para dormir pensando o quanto Marcos é encantador.







23 de Junho de 2021 às 22:02 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo Meu primeiro beijo

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 2 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas