samoliveer SAMANTA Oliver

Lalisa e Rosé são da mesma turma a dois anos, porém Chaeyoung começou a ter uma incrível necessidade de contato com a garota, será que há motivo? elas se atraírem como fogos de artifícios quando se encontram no céu.


Fanfiction Bandas/Cantores Para maiores de 18 apenas.

#blackpink-rose-jennie-jisoo-lisa-suzy-kpop
1
492 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

1

Pov Lisa

Maldita hora que o professor de educação física colocou Chaeyoung como minha parceira de trabalho, que seria um tipo dança, adivinha a nossa foi lap dance, teria que me controlar para não descobrir meu segredo, sempre tive uma queda por ela, mas não vai ser hoje que ela descobrirá, saio de casa em direção da garota dos cabelos claros que não era muito longe da minha , poucos minutos já chegaria, estou nervosa, ao chegar bato em sua porta a esperando-me recebeu com um sorriso, me dando espaço para entrar, o ambiente era extremamente fofo.

— Lisa, quer beber algo? — a olho nos olhos, aceno a cabeça em gesto negativo.

— Então vamos ao ponto, quero terminar com isso de uma vez — ela revira os olhos, pedindo que eu sentasse na cadeira atrás de mim, engulo em seco a obedecendo.

— Me fala um pouco sobre você, na sala foi a única que nunca tive tanto contato, tem algo contra mim? — sento a olhando ligar a caixinha de som no volume baixo começando uns passos.

— Como vou ter algo contra você se não te conheço garota, apesar de ser estranha, mas não julgo — ela se aproxima aos poucos o que me deixa desconfortável.

— agora vai poder me conhecer, deve ser por isso que o professor nos colocou de dupla — sinto depositar sua mão sobre meu ombro sentando em meu colo, sinto seu quadril em minhas pernas fazendo movimentos lentos. É difícil manter uma postura, mais é preciso.

— Cala a boca lisa, presta atenção nos meus passos para identifica-los e tiramos uma boa nota — mordisco meus lábios sem que ela veja quando fica sentada de costa rebolando em meu colo ao toque da música, lalisa pensa qualquer coisa aleatória ajude a si mesma, penso, mas já era tarde estava excitada, então Rose levanta assusta de meu colo me olhando.

– Desculpa não queria ter... — antes mesmo de termina a frase ela arregala os olhos olhando o volume que se formou dentro de minha peça.

— Caralho… você tem um pau…como assim? — ela fala constrangida tentando reparar o que tinha acabado de dizer.

— Nossa essa foi a reação, mas engraçada que alguém poderia ter — rio, já passei por essa situação várias vezes, vou ter que explicar que sou intersexuais.

– me desculpa! você deve me achar uma idiota por falar dessa forma, foi minha reação ao sentir esse negócio duro em mim — ela arruma o cabelo caído em seus olhos atrás de sua orelha.

— Não fala assim do meu pênis — rio alto se aproximando dela ajeitando seu cabelo.

— não vou falar para ninguém na escola ok? Lisa — ela sorrir amarelo.

— a escola já sabe Chaeyoung, no começo foi difícil aceitarem, mas agora estão, mas compreensivos digamos, como não percebeu? — volto ao meu local de início.

— eu não sou de prestar atenção nas pessoas, e você ficou de pau duro por causa de mim — ela rir mordendo sua boca.

— você deveria parar de falar e fazer mais — a provoco piscando em sua direção, logo tendo ela sobre meu colo rebolando.

— deve comer muita mina — sinto os cabelos de minha nuca se arrepiar ao ouvir seu sussurro em meu ouvido.

— a única que quero comer agora é você — levo minhas mãos a sua cintura ajudando no ritmo — Mais devagar se não quiser levar um zero como nota — sussurro de volta, sentindo sua intimidade passar sobre meu jeans, essa garota está de parabéns me deixou excitada rápido, rio com meu pensamento.

— está rindo do quê?me fala quero rir também — ela bufa me olhando parando seus movimentos.

—Não foi nada chae, vamos acabar com essa tortura logo — faço contato visual dando um sorriso.

— me obriga! vou trocar de dupla — rio vendo sua provocação, muito ousado da parte dela,acha que pode me controlar, acabou de me conhecer, levo minhas mãos até suas coxas que estão expostas pelo fato de estar de saia, passo as pontas de meus dedos sobre sua pele.

— tem certeza que quer trocar, eu mesmo falo com o professor — rio sacana apertando suas coxas subindo, mas as mãos.

— quero… — ouço soltar um gemido ao puxar sua calcinha, aproximo meus lábios dos seus.

— Lalisa para com isso — Chaeyoung diz baixo antes de iniciar um beijo intenso.

14 de Maio de 2021 às 21:24 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo 2

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 30 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas