daeropur Runa Tenebraz

• One de vmins para comemorar o dia dos namorados! Sempre fora Jimin que fazia as surpresas de dia dos namorados e agora, era a vez de Taehyung e ele iria superar o namorado. Faria algo do fundo do seu coração e não saberia se seria suficiente.


LGBT+ Todo o público.

#park-jimin #kim-taehyung #bts #vmin
Conto
0
503 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

One

Finalmente terminara de limpar o apartamento, estava jogado no sofá cansado. Não sabia que o apartamento que dividia com Jimin fosse tão grande, será por isso que eles pediam uma faxineira uma vez por semana? Agora entendia o lado de Jimin em falar para morarem em um apartamento menor. Ah Jimin, seu melhor amigo, seu rival, seu namorado e o amor da sua vida. Sorriu apaixonado. Nunca pensou que aquele baixinho fosse se tornar o homem da sua vida. Ou melhor, nunca pensou que aquele ladrão de bolinhos fosse se torna a metade de sua laranja.

Não tinha só arrumado a casa, também preparou algo romântico para seu amado, era Dia dos Namorados, teria que fazer algo especial. Jamais fora fácil fazer algo diferente, foi bem difícil, na verdade. Agora entendia o lado de seu hyung sobre como era difícil fazer uma surpresa ou Yoongi era preguiçoso demais.

Mas era engraçado como o Jimin conseguia fazer uma surpresa para si com tanta facilidade e com tanto carinho. Esse ano sabia que ele não teria tempo devido ao trabalho e bem, contou com esse pequeno imprevisto. Com a ajuda de Hoseok, a parte romântica dos Sope, decidiu fazer algo simples, mas romântico e quem sabe, um amorzinho no final.

O plano de Hoseok para comemorar esse dia tão especial era levar o Yoongi em uma competição de 'rap'. Cada um com os seus planos para o Dia dos Namorados, mas não iria julgar, longe disso, mas fez uma aposta com o Jimin pelo celular de que no final do dia, eles não aguentariam chegar em casa e transariam na parte de trás do carro em alguma rua.

Levantou do sofá e foi tomar banho, tinha tempo até Jimin chegar do trabalho e poderia ajustar as últimas coisas do plano. Tinha que dar tudo certo.

Quando Jimin chegou estava fazendo o jantar, baixou o fogo e foi até o amado o abraçando por trás e beijou os cabelos rosados. Jimin virou e abraçou o corpo maior que o seu.

Taehyung deu um pequeno selar nos lábios cheiinhos dele e fez carinho em sua com os polegares, adorava a pele macia do namorado.

— Vá tomar banho, eu fiz a sua comida favorita e comprei seus doces. Eu levo sua roupa para o banho. — Jimin concordou com a cabeça e deixou um pequeno beijo na mandíbula de Taehyung e foi para o banho.

O dia foi longo e estava triste, pois, não conseguiu preparar nada para seu tigrinho, será que ele ficaria triste? Enquanto tirava a roupa pensava no que poderia fazer de última hora, mas estava tão cansado que só desejava a sua cama e o corpo do namorado para poder abraçar bem apertado e receber o carinho em seu cabelo enquanto caia em um sonho profundo.

Todo ano fazia algo para Taehyung gostava, gostava dos beijinhos dele em agradecimento, dos abraços apertados e do sorriso quadrado. Amava cada partezinha de Taehyung, as pintinhas, a pele morena, os olhos que demonstravam sempre todo o amor que sentia. Amava tudo, tudo que envolvesse Taehyung.

Antes de Tae entrar no banheiro com a roupa, bateu na porta e assim que teve a permissão de Jimin para entrar, abriu a porta. Entrou e deixou a roupa dele pendurado em um pino.

— Obrigado.

— De nada — saiu do banheiro fechando a porta.

Após terem comido com Jimin pedindo desculpas por não ter preparado nada. Estavam na sala vendo Frozen 2 enquanto o rosado comia seus doces com Taehyung fazendo massagem em seus pés. Park cantava a música com o personagem Olaf.

Em algum momento, Taehyung foi para algum cômodo do apartamento, Jimin não percebeu, pois, sua concentração toda estava na televisão e na canção do boneco de neve.

— Feche os olhos — fez o que foi lhe pedido assim que a voz grossa de Taehyung chegou em seu ouvido. Sentiu algo peludo ser posto em suas mãos gorduchas, sentia o pequeno bola de pelos respirar calmamente. — Pode abrir.

Abriu os olhos e olhou para o pequeno filhote de Spitz-alemão-anão da cor marrom. Ele era tão pequeno e extremamente fofo. Fez um beijinho de esquimó com o pequeno focinho do filhote.

— Você sempre me disse querer ter um filho e bem, acho que um filhote seria melhor. Eu não comprei ele, adotei, sei que você não gosta que comprem animais.

— Tae... — Sorriu largo e sentou no colo do namorado e o abraçou de lado, sem deixar o pequeno filhote cair. Encheu o namorado de beijinhos pelo rosto.

— Amor, esse ano é o meu ano de montar essa surpresa e ela não acabou. — Fez carinho nas coxas alheias olhando-o nos olhos. — Vivemos tantas coisas juntos, brigamos sobre coisas fúteis, choramos de tanto rir, defendemos um ao outro. Éramos estranhos, viramos amigos e hoje estamos namorando. Só começamos a morar juntos depois de alguns anos de namoro e para várias pessoas foi estranho, mas funcionamos bem juntos, incrivelmente bem. No começo foi complicado, mas depois fizemos dar certo do nosso jeitinho. Eu não sou bom em preparar presentes, mas tenho três para você.

Jimin concordou com a cabeça e saiu do colo de Taehyung para ele poder ir buscar. Ficou fazendo carinho no filhote marrom, ele era tão fofo! Estava apaixonado, seu filhinho com Taehyung. Se o cachorrinho fosse somente o presente, já estaria de bom tamanho.

Taehyung voltou com três caixas de diferentes tamanhos e se sentou ao lado de Jimin observando como ele interagia com o pequeno cachorro. Apaixonante a cena.

— Aqui. — Deu a maior caixa para Jimin e segurou o filhote para ele poder abrir.

Jimin abriu a caixa, por fora estava calmo, mas por dentro estava muito ansioso. Era um pequeno bolo com vários doces em volta com um "Te amo". Tinha quase a certeza de que Taehyung queria vê-lo gordinho. Beijou a bochecha do namorado e pegou a segunda caixa.

Nela tinha um álbum de fotos, era preto com um J+T em dourado, passou a mão pela escritura na capa sentindo um relevo, sorriu e abriu, vendo as fotos deles em diferentes momentos da vida. No final estava em branco, olhou confuso para Taehyung.

— Deixei esse espaço para quando eu fotografar a nossa família e colocá-la aí.

É, parece dá sim para se apaixonar mais por Taehyung, seu amor por ele crescia a cada dia.

O terceiro e último presente, a caixa era enfeitada, com pequenos detalhes em linhas. Abriu com todo cuidado do mundo, tinha vários papéis e procurou com cuidado até achar uma pequena caixinha de veludo. Não era burro, conhecia aquele tipo em específico de caixa, por isso corou, suas bochechas estavam quentes e vermelhas. Abriu a caixinha vendo as alianças. Taehyung estava o pedindo em namoro no Dia dos Namorados? Céus, acreditou que iria morrer.

— Tae — olhou para o namorado com os olhos cheios de lágrimas.

— O meu amor por você é enorme demais, o meu amor por você não é fraco, nunca foi. Então estou lhe pedindo outra vez para ficar comigo, mas com outro termo, como meu marido. Você sabe ser o amor da minha vida, o motivo do meu coração bater rápido, o motivo da minha vida ter infinitas cores. Estou aqui, na sua frente, com o nosso filho peludo nos braços perguntando, você quer casar comigo?

Taehyung sempre foi seu porto seguro, a pessoa para quem contava seus maiores medos. Seus pais lhe ensinaram que o respeito e a compreensão era a base do amor e Taehyung sempre teve tanto respeito por si. Tinha certeza de que nunca iria conseguir superar a surpresa de Taehyung no Dia dos Namorados, mas não se importava, porque iria fazer diariamente da vida deles serem o Dia dos Namorados.

Colocou cuidadosamente as coisas no chão e abraçou o namorado sussurrando vários "sim". A história deles acabara de ganhar um novo capítulo e para o Park, sempre será o capítulo favorito dele.

12 de Junho de 2021 às 13:39 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Fim

Conheça o autor

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~