brunadonde Bruna Dondé

Quantas coisas podemos fazer em sete dias? Quanto podemos aprender apenas observando ao redor?


Conto Todo o público. © Todos os direitos reservados

#flashfiction #conto
Conto
8
3.1mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

A vida, a morte, o recomeço

E se eu te disser que estou morta há três dias, você acreditaria? Tive uma vida curta, porém, feliz. Aproveitei sete dias lindos, voando pelo jardim florido de uma senhorinha solitária, na esquina de uma rua nada movimentada. Toda manhã eu pousava na janela da cozinha enquanto ela preparava um café, um leite para os gatos e elogiava minhas cores.

A cada dia eu descobria algo novo. Cada flor possuía um cheiro diferente, único. Era sempre especial. Brinquei com os gatos daquele lugar, eles não me machucavam, eram cuidadosos. Peguei carona em alguns focinhos caninos para ir um pouco mais longe do jardim, no fim da tarde eu voltava pra casa.

Quinta-feira foi meu último dia de vida. Eu não esperava que esse momento chegasse tão rápido. Estava na janela, como de costume, quando um pássaro me atacou e acabou com minha felicidade. Tenho certeza de que ele invejava o azul brilhante de minhas asas, acho que ele já acompanhava minha rotina e esperou o instante exato para agir. Após morrer, recebo uns dias de folga para absorver minhas vivências e entender um pouco mais do mundo. Mas nunca me preocupo com o fim, porque sempre volto em outro corpo, amanhã posso estar do seu lado.

29 de Abril de 2021 às 13:48 4 Denunciar Insira Seguir história
12
Fim

Conheça o autor

Bruna Dondé Bebedora de café, escritora de histórias incompletas, fotógrafa, gateira, leitora (aceito livros de presente, sempre).

Comente algo

Publique!
JS JK Sousa
Muito bom e reflexivo, adorei! Escrita linda também.
May 08, 2021, 18:18

Ruana Aretha Ruana Aretha
Meu coração se enobrece com a tua escrita , a gente percebe a pureza do teu pensar e isso me deixou muito feliz. Você repassou uma sensação de emoção a tua maneira, fiquei sim , triste com a ida do pássaro , mas ele sabia que poderia voltar independente do ocorrido e sem qualquer problema com o que havia acontecido, que alma! Além disso, por algum motivo ele sabia que sua missão é trazer paz e os seus amigos de luz estariam o esperando. Os animais são demais. Obrigada pela leitura.
May 03, 2021, 10:41

  • Bruna Dondé Bruna Dondé
    Eu fico muito feliz com comentários assim, de verdade. Obrigada! 💚 May 03, 2021, 21:53
~