pri_inacia Pri Inácia

Um pequeno conto sobre imaginação e sonhos. Feito com carinho para auxiliar na alfabetização dos pequenos do primeiro ano do ensino fundamental.


Infância Todo o público.

#Primeiro-Ano #Alfabetização #infância
Conto
0
737 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

A Cidade Flutuante

Todos os dias, ao pôr do Sol,

Surgia entre as nuvens

Uma cidade reluzente.


Era feita de metal.

E seus habitantes eram robôs,

Simpáticos e gentis.


À noite, quando todos os papais e mamães,

Titios e titias, vovôs e vovós e padrinhos e madrinhas estavam adormecidos,

Algo mágico acontecia.


As crianças eram levadas para a cidade flutuante.

Muito felizes, os pequenos robôs brincavam

E brincavam sem se cansar.


Era corda, pião, bambolê, bola,

Tambor, amarelinha e ciranda

Cirandinha.


Mas tinha algumas coisas

Que os robôs não sabiam fazer.

Era abraço, beijinho e colinho.


E por isso, todos os dias ao nascer do Sol,

As crianças despertavam em suas camas,

Ansiosas por sentir aquilo que os robôs ainda não tinham aprendido:


AMAR.

4 de Março de 2021 às 21:11 2 Denunciar Insira Seguir história
1
Fim

Conheça o autor

Pri Inácia Sou mamãe de três princesas, adoro escrever e compartilhar meus sonhos. Amo os romances de Barbara Cartland e Agatha Christie.

Comente algo

Publique!
Arnaldo Zampieri Arnaldo Zampieri
Que lindo Priscilla!
March 05, 2021, 12:57

~