kszoliver KSZ Oliver

Paradoxos, um complexo e instigante tema que sempre despertou nossa curiosidade e promete dar nó no nosso cérebro... Na sequência de O Paradoxo 99', continue acompanhando a trajetória do jovem Denny e seu Alter ego em busca da verdade esquecida, logo após se dar conta que não era o único que parecia lembrar-se de como as coisas supostamente foram — ou o único a achar que se recordava de como de fato eram. Enquanto ele e sua insuspeita Contraparte procuram respostas para as incógnitas que repentinamente invadiram sua bucólica e previsível rotina, se vêm em face de inesperadas revelações que colocam à prova sua sanidade e percepção da realidade — estabelecidas na sua, até então, confiável memória. Ademais, muitas revelações ainda aguardam o Denison em busca da alegada realidade perdida — e Emmanuelle. Além de enfrentar mais uma reveladora descoberta, que conectará sua realidade ao passado que ele reluta em reconhecer... E para descobrir a respostas à essas e muitas outras intrigantes situações, é só continuar acompanhando a série: 'O Paradoxo 99”. K.S.Z OLIVER


Suspense/Mistério Para maiores de 18 apenas. © Copyright © 2021 K.S.Z Oliver All Rights Reserved

#sobrenatural #misterio #drama #adolescente #hot #virus #distopia #policial #ficção #relacionamento #258 #investigação #mundos-paralelos #viagem-no-tempo #ficção-cientifica #realidade-alternativa #jovem-adulto #coronavirus #paradoxos #metafisico #seial-killer #c-19
0
3.2mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

PRÓLOGO

Com a mente mais leve e fluida, sentou-se num dos bancos de cimento do colégio. Voltou a raciocinar sobre o que era mais provável estar acontecendo naquele lugar — ou com ele...


— Muito bem: eu não uso drogas, então aquilo não era uma alucinação — começou ele. — Eu não bebo. Por isso, obviamente, não estou bêbado...

Denny prosseguiu citando as variantes para ver se chegava à uma conclusão por eliminação. Ou então à um denominador comum que confirmasse, ou não, a tese do seu Alter ego — ou de delírio da sua cabeça...

— Também não pareço estar dormindo — nem muito menos estou no DP... "Bem, podia ser a falta dos tais 'remédios', citados pela Mary e pelo Minhoca... Afinal, ele havia encontrado vestígios deles em casa!...", pensou mais uma vez naquela tese.

Entretanto, mesmo que ele os tivesse encontrado em seu banheiro, Denny ainda não aceitava a ideia de tomá-lo porque não conseguia se lembrar.

— …De igual modo, não acho que estou em coma ou morri... Não que me lembre... Não me recordo de ter sofrido qualquer acidente no porão...

— “Talvez tenha tido um infarto...” — sugeriu sua Contraparte sua teoria quase, em tom irônico.

“Será que ele teve um ‘treco’ e morreu naquele subsolo?...” — suspeitou então o Denison, temeroso, considerando aquela tese.

—“Bem, se você está morto e aquilo ali é a antessala do pós-vida — ou do pós-morte: de que parte do Além seria? Do Céu ou do Inferno?...” — sua Contraparte imaginária indagou, parecendo brincar com o estranho evento.

No entanto, após olhar mais atentamente tudo, em redor e derredor, começou a cair-lhe a ficha: "As pessoas ali, assim como o ambiente, eram tão reais quanto ele mesmo”, ele precisou admitir.

Olhando pra cima, percebeu que haviam estrelas brilhando, nuvens no céu, a lua... O clima estava quente e abafado, típicos daquela época na região. Todavia, uma leve brisa noturna amenizava a sensação de calor:

“Aquelas coisas não podiam ser virtuais ou espirituais — pensou consigo próprio. — Ele respirava, sentia cheiros e escutava sons... E parecia estar consciente e no seu próprio corpo — não numa projeção astral, ou num ambiente digital...”

Mesmo após constatar a aparente materialidade daquele ambiente onde subitamente se achou, Denny só não conseguia afirmar se ele encontrava-se em outra dimensão, Realidade Paralela; dentro daquele vídeo; ou realmente no passado dela... (...)


15 de Janeiro de 2021 às 00:25 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo Anteriormente, em "O Paradoxo 99"

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 19 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!