bitterndsweet Lilac L.

Ela era uma Bela Dama. Até que perdeu seu juízo e cometeu atos horrendos. Trancafiada até sua morte, no pós vida ela dança e ri durante as noites. No mesmo castelo que foi sua prisão, ela revive os crimes sempre que curiosos e desavisados resolvem passear por lá.


Horror Para maiores de 18 apenas.

#tw--violência #tw--gore #tw--suicídio #gore #conteúdo-sensível #violência #morte-de-personagem-principal #assassinato #arrepiainks #suicídio
Conto
4
885 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

A Bela

Os pés descalços a faziam rodopiar pelo piso frio do castelo, o sangue que havia espalhado-se pelo chão das vísceras escancaradas do corpo pálido e gelado de Antônio a fazia deslizar com facilidade. Elisa e Maria estavam encolhidas no canto, ainda em choque e com lágrimas silenciosas. Incrédulas com o que viam.

— Do que têm medo, meninas? — a voz a aguda cantarolou com um tom de puro divertimento.

Maria, Elisa, Bianca e Antônio estavam ali mesmo que os locais tivessem dito que o Castelo era mal assombrado. Haviam ido contra todas as indicações dos locais para manterem-se longe de onde repousava Bela Dama. Uma mulher da era vitoriana que havia matado seu marido com a espada que pertencia ao homem. E quem em um ato de loucura, caminhara pelo castelo com a arma enquanto cantava uma melodia de ninar.

O escândalo havia sido soterrado e a nobre mulher passara seus dias nas masmorras. Rodopiando e cantando, dançando e rindo. Como se tudo ali fosse o mais interessante que poderia obter do mundo.

— Vamos, mamãe não irá machucá-las. Pique-esconde! Eu vou cobrir meus olhos e contar até dez, então, vou atrás de vocês!

Mamãe. Então era verdade que ela enlouquecera depois de perder as filhas. O corpo de Bianca parecia ainda mais magro e esquelético naquele vestido preto e, enquanto ela mantinha a espada presa entre o polegar e a palma de sua mão, o cabelo louro escuro brilhava em vermelho com a luz da lua por causa do sangue que jorrara de Antônio.

Seus olhos estavam cobertos por suas mãos enquanto ela contava até dez em um idioma que Maria e Elisa não reconheciam.

As garotas correram com a respiração acelerada, o pulso acelerado e o desespero evidente em suas expressões faciais. Ambas queriam estar em segurança e sair do castelo sem saber que aquilo irritaria Bianca.

— Onde pensam que vão?

O questionamento da "amiga" as fez saltar antes de correrem cada uma para um lado. Maria pôde ouvir o barulho de metal de arrastando pelo piso de pedra, mas quando chegou ao fim do corredor onde entrara, percebeu que não havia saída. Aproximou-se então de uma das janelas, ignorando a queda de mais de cinco metros e as árvores que se aglomeravam no ambiente ao redor do palácio.

Jogou-se em uma vã tentativa de sobreviver, mas Bianca apenas colocou o corpo para fora da janela, apoiando-se no beiral, e observou a massa distorcida que era Maria àquela altura.

Passou a caminhar pelo palácio, ouvindo o som de socos e gritos de socorro vindo em um ponto não muito distante dali. Sorria e cantarolava a mesma canção de ninar, percebendo os cabelos loiros e brilhosos de Elisa enquanto a garota se escondia em um canto que pensara ser seguro no grande quarto antigo e empoeirado.

— Sh, não chore, meu amor. Mamãe chegou. — Bela Dama soltou a espada e abraçou "sua menina", fazendo um carinho delicado em seus cabelos cacheados. Foi quando sentiu o metal frio perfurar sua carne e urrou de modo estridente, causando a sensação de gelo descendo pela coluna de Elisa. — Por quê? Por quê?! O que você tem na cabeça? Garotinha idiota! Estúpida!

Elisa levantou-se e começou a correr, mas a porta pesada de madeira maciça fechou com violência. As mãos sujas de sangue de Bianca enrolaram-se no cabelo daquela que havia sido sua melhor amiga e começou a bater o crânio da caçula contra o chão de pedra.

Um.

Dois.

Três.

O cérebro vazava pela abertura no crânio de Elisa. Que mantinha os olhos abertos em estado de choque. A última expressão que passara por seu rosto ao encarar os olhos de sua amiga.

Quatro.

Cinco.

Seis.

Bianca se colocou de pé e pegou a espada. Abriu a porta, seguindo pelo corredor com a ponta do metal roçando contra a pedra outra vez. Até que, por fim, estava no salão principal. Observou a corrente que mantinha o lustre suspenso e pegou a ponta solta, envolvendo seu pescoço comprido e magro com os elos gelados e pesados.

Ainda cantarolava a canção de ninar quando soltou a corrente do suporte e sentiu seu corpo ser puxado para cima. Houve três milésimos de segundos de consciência da própria Bianca sobre o que estava prestes a fazer antes de acabar pendurada. Enforcada.

23 de Outubro de 2020 às 22:48 27 Denunciar Insira Seguir história
14
Fim

Conheça o autor

Lilac L. # ιntp-ɑ ♡ fɑrmɑcιɑ 🐍 90's b*tch w. sun ιn cɑncer : sɑιlor moon @ corvιnɑl & reιd♡jɑejoong · ♡ wattpad: bitterndsweet · ♡ nyah!: u/764075/ · ♡ ao3: /users/bitterndsweet · ♡ ss: bitterndsweet ·

Comentar algo

Publique!
Inkspired Brasil Inkspired Brasil
Olá, Lilac! Gostaríamos, antes de mais nada, de te agradecer por abraçar desafio #arrepiainks e compartilhar sua história conosco. ♥ Bela Dama nos deixou impactados com a violência e a tensão das cenas, os elementos de uma boa narrativa gore, onde cada sentença subtraía uma parcela da sanidade dos personagens (ao menos os que ainda viviam) e nos fazia encolher contra a cadeira enquanto líamos. Nada como um fantasma vitoriano macabro possuindo o corpo de uma jovem corajosa e assassinando seus companheiros de aventura para atiçar os medos dos leitores, não? Os contrastes entre o presente dos amigos e o passado de Bela Dama tecem um conto de arrepiar, e não recomendamos a leitura durante a madrugada! O ponto alto fica no último parágrafo, nos poucos segundos de sanidade de Bianca, a escolhida para receptáculo da Bela Dama: a última morte, que deixa clara a impiedade. Sendo assim, não há ninguém vivo para contar a história, e a imponente e temível Bela Dama ainda vive para punir aqueles que questionem o seu poderio. Ui! Vai me dizer que isso não te dá um calafrio? Parabéns pela narrativa! É uma pena que com a limitação de palavras não possamos conhecer melhor os personagens e o pano de fundo, mas você fez um ótimo trabalho em seu conto mesmo tendo escassez desse recurso. No mais, reiteramos que os vencedores do desafio serão anunciados em 29/10 — hoje — através do Facebook. Fique de olho! Seu nome pode estar na lista. (; Um abraço, Equipe de Comunidade da Embaixada Brasileira do Inkspired.
Litalea Draach Litalea Draach
Calma, a Bela Dama se enforcou no final???? CAMASSIM GENTE Essa atmosfera me lembrou um pouco os primeiros episódios de Supernatural, onde até o visual era mais cinzento e tudo se puxava mais ao terror. Consegui imaginar cada cena em tons mórbidos de preto e branco (ou talvez apenas preto e cinza) tendo apenas o sangue como única cor viva. Caramba, que experiência boa! Parabéns, ficou muito bom!!!
October 28, 2020, 16:00
Ruan Gabriel Ruan Gabriel
Sendo sincero, demorei um pouquinho para entender o que estava acontecendo, mas me senti surpreendido quando as coisas me fizeram sentido. Me lembrou um pouco Truth or Dare com esse ar de chamado para aventura adolescente, o qual acabe se tornando violentamente sangrento. Inclusive, eu acho que merece muito mais a ser explorado nesse universo, hein! Quem sabe algo maior futuramente com esse enredo? Um bom conto! Parabéns e boa sorte no concurso!
October 28, 2020, 03:08

  • Lilac L. Lilac L.
    Adolescente ficando curioso e morrendo por isso é quase uma tendência kkkkkk Talvez eu acabe fazendo algo um pouquinho maior depois, mas acho que vou necessitar de algumas pesquisas mais profundas. Obrigada pelo comentário! 😊 October 28, 2020, 11:06
Gabriel Amaro Gabriel Amaro
Parabéns por conseguir tornar a Bela Dama um personagem tão interessante. Por mais que seja aterrorizante construir suposições sobre ela, não dá pra evitar de sempre querer descobrir um pouco mais.
October 27, 2020, 19:14

  • Lilac L. Lilac L.
    Em algum momento eu devo explicar ao menos como ela surgiu. Obrigada pelo comentário! 😊 October 28, 2020, 11:04
Junio Salles Junio Salles
Nossa, que intenso. A riqueza de detalhes me deixou imerso no clima da história e me causou algumas agonias ao ler mais pro final. Parabéns.
October 27, 2020, 14:11

  • Lilac L. Lilac L.
    Agradeço! Particularmente, acho terror bem complicado de escrever, fico contente quando consigo atingir o objetivo. 😊 October 28, 2020, 11:03
amy ♡ amy ♡
Não estou com meu exemplar de Lady Killers por perto, mas logo na sinopse me recordei de uma das mulheres retratadas no livro e fiquei doidinha para ler. As descrições foram me deixando de olhos arregalados, violentas e impiedosas, regadas pelo gostinho de uma possessão: na medida certa para causar arrepios. Muito obrigada por participar do #arrepiainks! Em breve estará recebendo um comentário oficial da embaixada, mas já deixo aqui minhas impressões porque estou como? #chocada.
October 27, 2020, 03:29

  • Lilac L. Lilac L.
    A honra de ler esse comentário aaaaaaaaaaaaaaa muito obrigada! Eu fico contente que tenha gostado, contente de verdade! 😊 October 28, 2020, 11:01
DC David Cassab
Bela Dama é uma bela história afinal.
October 26, 2020, 22:22

  • Lilac L. Lilac L.
    Muito obrigada! ^^ October 26, 2020, 22:30
  • D C David Cassab
    Bom, bela no sentido de bem escrita e desenvolvida, um elogio aos atributos narrativos, mas em suma não há " beleza" kkkk October 27, 2020, 00:58
Daniela Machado Daniela Machado
Uau, que conto, senhoras e senhores, eu estou impactada! Você tem uma escrita super gostosa de ler, apesar do teor do conto. A Bela Dama realmente dá medo e o final é cruel, do jeito que uma história de terror deve ser. Me identifico com a ideia de crianças entrando onde não devem também, afinal, quem nunca foi essa criança? E, caramba, isso torna o conto ainda melhor! Parabéns pelo seu trabalho, ele ficou incrível. ps: tiremos um tempo pra admirar essa capa, que perfeição ♥
October 26, 2020, 21:07

  • Lilac L. Lilac L.
    Esse conto veio de uma frase que um dos meus professores me disse "aluno é curioso, mas tudo bem, é normal da idade de vocês", só que ele estava falando dos alunos dele que fizeram explosivos kkkkk particularmente, acho que entrar num lugar assombrado e misturar produtos químicos perigosos é tão saudável quanto kkkkk obrigada pelo comentário, fico contente ♡ October 26, 2020, 21:39
Isís Marchetti Isís Marchetti
Que conto, minha gente! Que conto! Apesar de demorar um pouco para entender o que havia acontecido com Bianca, eu fiquei surpreendida quando meu cérebro entendeu tudo, haha. Tem suspense do começo ao fim e é bem gore mesmo, eu adorei tudo.
October 25, 2020, 19:51

  • Lilac L. Lilac L.
    Muito obrigada! Senti um pouco de insegurança de escrever um conto de terror com tão poucas palavras, mas aqui estamos! October 26, 2020, 21:37
Karimy Lubarino Karimy Lubarino
Meu pai, que história! A tensão está desde o comecinho até o final e isso me encantou demais! Eu tive um pouco de dificuldade para compreender o que tinha dado na Bianca, mas depois que percebi fiquei ainda mais em choque com relação a todos os acontecimentos. E eu gostei muito da sua sinopse também, introduz muito bem a história. E o final... bom, eu acho que o mais assustador foi a Bianca ter conseguido recuperar a consciência pouco antes da morte. Imagina só estar na pele dela e perceber tudo o que tinha acontecido e que estava acontecendo! Apavorante. Parabéns pela história!
October 25, 2020, 17:22

  • Lilac L. Lilac L.
    Eu acho que no lugar dela eu entraria em pânico completo! Pensa que nervoso acordar com uma corrente no pescoço e cheia de sangue? Obrigada por comentar! ♡ October 26, 2020, 21:37
Antónia Noronha Antónia Noronha
Adorei todas as tuas descrições! Conto muito bem elaborado e arrepiante! parabéns!
October 25, 2020, 16:18

  • Lilac L. Lilac L.
    Olá! Muito obrigada por ler e comentar, fico contente que tenha gostado! ^^ October 26, 2020, 22:07
Tomas Rohga Tomas Rohga
Eita gore kk. Conto interessante
October 25, 2020, 02:29

autumn night autumn night
wow, adorei! parabéns!
October 24, 2020, 23:09

  • Lilac L. Lilac L.
    Muito obrigada! :) October 25, 2020, 14:49
CC C Clark Carbonera
Narrativa bem descritiva. Demorei um pouco pra entender que (alerta de spoilers!) Bianca estava possuída pelo espírito da Bela Dama, mas logo depois vi como isso estava claro na história. Ela até bem que daria pra ser um filme de terror! Sei que o desafio era pra histórias curtas (até aprecio isso hahaha), mas quem sabe depois do término dele você não desenvolve mais essa história? Seria bem legal ver como esses amigos chegam na tal cidade pra ver o castelo mal assombrado; como eles são recebidos pelos moradores locais quando comentam o interesse deles; como eles acabam despertando a Bela Dama...enfim! Nossa, seria bem legal ler isso! Parabéns pelo conto e boa sorte no desafio :) P.S.: a capa tá demais!
October 24, 2020, 15:05

  • Lilac L. Lilac L.
    Muito obrigada! Fico feliz que tenha gostado da capa, me deu bastante trabalho pra fazer! :) October 25, 2020, 14:50
~