kudza Kedson Cabral

Não… entrem em pânico, porque isso foi tudo planeado, ter uma vida já não é ser abençoado Vivemos numa ilha plástica rodeada de ignorância, onde a tecnologia social transpõe a distancia Onde mentiras banais dramatizam o genético, onde manifestações são hemorragias mentais do nosso sujeito poético


Poesia épico Todo o público.

#covid19 #100Anos #colapso-orgânico
Conto
0
2.4mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Sorrateira Pestilência

Não… entrem em pânico, porque isso foi tudo planeado, ter uma vida já não é ser abençoado

Vivemos numa ilha plástica rodeada de ignorância, onde a tecnologia social transpõe a distancia

Onde mentiras banais dramatizam o genético, onde manifestações são hemorragias mentais do nosso sujeito poético.

Todo o organismo vivo expressa-se através dos seus movimentos não através dos seus testemunhos, escrituras completamente desvinculadas surgem do insurgimento de uma luta de punhos, onde todo o medo é incapaz de alcançar a realidade porque o nosso ser vive em tréguas com o colapso orgânico que governa as regras, ouve-me… se A tua maturidade requer a incapacidade de bater cara a cara com a incerteza, eu prometo voltar daqui a 100 para terminar com o resto da limpeza,

já é hora de parar de ouvir para responder mas sim ouvir para compreender, dominados por uma dominação de uma falsidade inconivente, pessoas equilibradas e inteligentes permanecem desequilibradas entre a Verdade local e verdade transcendente, esse atual pensamento da idade da pedra é um componente desvinculado de autoengano, uma pálida incompetência suspensa a arvore do insano, onde o problema é apresentado e depois evitado, Assim como os ambientes mudam, nenhum ideal humano permanece seguro,

Deste iceberg emerge pelo menos uma ponta do seu impuro, mentiras são como o vento fechamos os olhos e invertemos o ar puro, vencer só é uma improbabilidade porque somos imparciais a nossa própria diferenciabilidade,

Os gráficos são bons mas… não te deixes enganar pela ilusão, esses ciclos viciosos viciam as tuas virtudes enquanto bloqueiam a afeição, o resultado é um produto paralelo de cérebros ulcerados pela frustração, que comparecem em seminários para achar o seu ego, é como resuscitar mortos atacando-lhes pelo ponto cego,

só o verdadeiro mago sabe que as estantes do oculto abundam de relíquias, instáveis para alarmar mentes e corpos estéreis de foto tropias que ainda procuram alcançar as ratistas fasquias, jornais do metafisico cegam o plano com inúteis livros que impregnam o misticismo oriental, eu quero ceifar a cabeça da hidra arrancar a crosta e sarrar a ferida com um golpe head shoot neste governo animal,

Há muito tempo que a mão mortal tem permitido a esterilização do pensamento vital, tudo o que é alegado verdade é provado por resultados de mentes vazias que governam o teu estado mental, Há muito tempo que certo e errado, bem e mal têm sido invertidos por falsos profetas, condicionados a acreditar em histórias incorretas, Visto e revisto, não passam de um monte de fraudes regulamentadas por tretas, sempre que aceitas acreditar em um falso principio das inicio a um novo capitulo na tua intolerância, hoje a humanidade escolheu em desistir do seu mundo numa questão de dias trocamos a liberdade pela hipervigilancia,

Muitos de nós não aceita a verdade porque o medo faz parte da nossa natureza android, por isso manufaturamos duvidas desejamos e projetamos emoções sem vida para dentro do intervoid, somos todos consumidos por tudo o que consumimos, é como se a nossa salvação dependesse da nossa própria contradição, bora desencadear os cadeados enferrujados e as correntes dos hábitos mortais que sempre impediram a nossa expressão, porque a segurança ela rouba-nos a ambição,

Se a mulher e o homem são a ação e reação do universo, porque que eu ei de rezar para um deus com quem eu nem me pareço, muitos acreditam que essa cor esta interligada as masmorras do inferno, mas eu sei que essa melanina é apenas um casolo que guardo o deus interno, a sua real existência e perpetuada por definições vagas, é como aqui fazer aqui pagas, não bro.. aqui fazer depois lá naufragas,

Eu sou kudza, quando pressionam a minha pressão, eu apenas quebro as barreiras e fortaleço as forças, sou uma horda em ornamentação, só eu posso reforçar as minhas tropas porque estou na minha própria divisão, já tenho 9 das 36 identidades isso não são máscaras são produtos das minhas difíceis dificuldades,

nunca mais nunca interrompas o inimigo enquanto ele está a cometer um erro, pois os fantasmas têm o poder de caçar os vivos que não usaram a sua cara de enterro, essas transições nem requerem emoções humanas, é como se estivesse tudo a tentar por um smile na minha face se fores apanhado vais direto para o céu esquece ir de cana, olha para esse place isso esta minado de raças desumanas de mentes planas, andamos todos divorciados com o desenvolvimento a evolução pos os cornos ao conhecimento e agora anda a fuder com a destruição, diz-me se paramos de depedar uns aos outros poderemos continuar a exirtir?

5 de Outubro de 2020 às 00:15 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Fim

Conheça o autor

Kedson Cabral O Teu Conhecimento É Uma Densa E Infinita Dimensão De Mistérios Que Fazem-te Perceber E Existir

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~