ageha_sakura Ageha Sakura

Para SeHun o loiro sempre seria um enigma, alguém difícil de decifrar e que por trás de todas as máscaras esconde a sua verdadeira face, vivendo em um abismo tão profundo que foi capaz de levar o baixista junto a si, afundando-o no oceano escuro onde esconde todas as respostas que o Oh tanto procura.


Fanfiction Bandas/Cantores Para maiores de 18 apenas.

#baekoh #sebaek #baekhyun #sehun #exo
1
2.4mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Único; caindo nas profundezas de BaekHyun

Bom dia / Boa tarde / Boa noite


Sejam todos bem vindos a "Aporia"!


De início seria uma fanfic fantasia, mas acabou fugindo um pouco do próprio significado da palavra então resolvi mudar e acabou saindo essa bebê aqui, espero que gostem.


Boa leitura 💞


__________________


Aporia. É a dificuldade ou a dúvida racional decorrente da impossibilidade objetiva de obter resposta ou conclusão para uma determinada indagação filosófica.


Situação insolúvel, sem saída.


Em muitos momentos da vida jamais imaginei que uma simples palavra poderia definir com toda certeza como venho me sentindo a um bom tempo.


Muitas vezes sinto que estou perdendo o foco, sempre ficando distraído com pensamentos confusos e complicados demais para se obter uma resposta imediata; meus pés parecem me levar em direção a um gigantesco labirinto onde a minha voz ressoa sem parar, uma linha complicada de dúvidas perturbam meus ouvidos e carrego o sentimento de dúvida a todo instante.


Talvez esteja lidando com um monstro maior do que possa dá conta.


O monstro que assombra e atordoa os meus pobres pensamentos está a minha frente, para ser mais exato do outro lado da casa de shows, sentado com pernas cruzadas e os cabelos loiros caindo como cachos em seus olhos um pouco felinos, sedentos por algo que foge por completo do meu conhecimento, assim como tudo existente nele.


Seu nome? Byun BaekHyun, conhecido pelos nossos fãs como "A rosa espinhenta", mas que apesar do codinome um tanto estranho ainda é capaz de seduzir milhares de corações, até mesmo o meu.


Sua beleza se assemelha a de uma linda rosa, tão viva e vibrante, capaz de despertar inveja nos demais que lhe rodeiam, enquanto os seus "espinhos" formam uma enorme muralha protegendo-o de todo mal, lança finas agulhas capazes de perfurar almas como forma de proteção.


BaekHyun é um rapaz de aparência distante, mesmo que esteja do nosso lado é como se não existisse, sua voz raramente ecoa e quando isso ocorre conhecemos apenas o que ele quer nos mostrar: sorrisos ladinos e um olhar profundo demais para se descrever.


Todos se acostumaram com os enigmas presentes no Byun, apenas ignorando tudo e seguindo o ritmo de cada melodia cantada por ele, o nosso belo vocalista.


O palco é um dos lugares ao qual ele também utiliza uma máscara diferente, algo mais sensual e envolvente, muitas vezes deixando escapar sorrisos doces como se expressassem gratidão e muito mais do que o jovem Byun teria coragem de contar pessoalmente.


Seus olhos não possuem brilho durante a maior parte do tempo, mas quando encontram o público eles ganham uma cor profunda, a luz resplandece neles com ainda mais intensidade e o brilho volta a surgir em meio a cor exuberante do castanho.


Ele é como um deus em toda a sua glória e poder.


Posso passar diversos momentos da minha vida apenas apreciando e admirando cada um dos seus dons, assim como continuo a afundar nesse oceano de dúvidas e curiosidades relacionadas somente a BaekHyun, algo ao qual preciso descobrir, mas que não consigo encontrar a resposta, uma solução eficaz.


Talvez Byun BaekHyun seja indecifrável demais para um mero leigo como eu.


Hunnie! – Uma voz de aparência um tanto irritada consegue me afastar da confusão interna e costumeira de pensamentos, todos relacionados a apenas uma pessoa.


Pisco atordoado em busca do dono da misteriosa voz até fitar a silhueta parada a minha frente, um corpo menor e mais afeiçoado que o meu, os cabelos vermelhos na altura do ombro enquanto os seus olhos felinos parecem devorar a minha alma. Minseok.


— Hm? – Deixo o meu tom de voz soar audível o suficiente para o ser irritado a minha frente, este que solta um alto suspiro e aperta os olhos com força, talvez esteja se segurando para não "voar" no meu pescoço.


— Estou te chamando a quase meia hora! – Exclama o ruivo irritadiço, bufando logo em seguida — Vamos entrar em cinco minutos, mas o senhor Oh SeHun está perdendo tempo no Planeta dos Macacos!


— Não use um filme incrível nessa discussão sem sentido! – Rebateu Chanyeol, o baterista da nossa banda e meu melhor amigo.


— Se você falar mais uma coisa eu juro que vou afundar o seu rosto naquela bateria. – Ameaçou Minseok, seu olhar fulminante direcionado ao mais alto, os cabelos ruivos ardendo como chamas — Hunnie eu vou te perdoar por agora, mas da próxima vez não tem desculpa. Estamos entendidos?


— Estamos – murmuro baixo, soltando um longo suspiro logo em que percebo o loiro se aproximar de nós, jogando os cabelos para trás com tanto charme que poderia enlouquecer.


— Essa sua paixão por ele é tão perceptível que até um cego consegue perceber, só ele que não. – diz o ruivo, andando em direção a Chanyeol que está próximo ao palco.


— Demorei muito? – Pergunta o Byun com um sorriso fino em seus lábios, algo tão típico de sua personalidade que me faz duvidar da verdadeira intenção dos seus sentimentos.


— Não se preocupe com isso, Baekie. – Respondeu Minseok com um largo sorriso em seus lábios avermelhados — O show está prestes a começar.


Os quatro sorriem em concordância, um ato que deixa claro que a nossa hora chegou, o momento ao qual todos valorizam que é se apresentar ao público.


— Então vamos enlouquecer alguns corações. – diz o Byun com um largo sorriso em seus lábios, sua personalidade mudando da água para o vinho dentro de poucos segundos.


Você já enlouquece o meu e nem percebe isso, murmuro em pensamento enquanto sinto meus pés se forçando a subir os poucos degraus que levam ao palco.


Bagunço os meus fios pretos em frustração, tentando reprimir o meu pensamento, pegando o baixo e posicionando em meu corpo enquanto testo a sua afinação.


Assim como eu cada um dos membros se posiciona: Chanyeol na bateria, Minseok na guitarra e BaekHyun segurando o microfone. Aquele era o momento ao qual eu sabia que iria me permitir cair na profundeza de minhas dúvidas, embarcando em uma viagem sem fim em direção a uma vala profunda e escura.


O som das baquetas do Park era o sinal ao qual conheço a bons anos ao lado dele, assim como o pequeno solo de guitarra do Kim que se conecta automaticamente com os meus acordes no baixo.


Criamos uma sintonia perfeita e capaz de levantar o público antes mesmo da voz de anjo de BaekHyun fazer presença, sorrindo como bobos todas as vezes que os olhares se encontram. Éramos como um só naquele momento, mas muitas vezes sentia que acabava me afastando daquela conexão, mesmo sem quebrar de fato o clima entre todos.


Continuamos a tocar até enfim a voz do Byun penetrar meus ouvidos, entonando com delicadeza pelas caixas de som e recebendo em troca apenas altos suspiros e gritos ensurdecedores de amor. Todos o amam, afinal.


Provavelmente eram momentos como aquele que o loiro aparentava não utilizar nenhuma máscara, já que os seus sorrisos pareciam ser espontâneas e o brilho claramente radiante emanava dos seus olhos castanhos.


Uma aura boa aparentava rodeá-lo enquanto apertava o microfone rente aos lábios, deixando que sua voz contasse em hieróglifos todas as verdades escondidas dentro do enigma que ele é.


Acredito que por isso todos o amam tanto, já que suas palavras parecem carregar verdade enquanto os seus olhos se abrem para o mundo, revelando uma essência que nem mesmo ele conhece de si.


E olhando para BaekHyun sempre me dou conta de que ele é como um gigantesco abismo, cheio de segredos e mistérios que apenas me causam questionamentos incessantes e inacessíveis.


Você está longe de mais, muito alto ou muito baixo, em uma posição ao qual não posso simplesmente pular para te alcançar.


Pensando nisso eu sorrio também, juntando-me aos meus colegas e me permitindo cair ainda mais no abismo que é Byun BaekHyun.


Talvez eu seja masoquista, escolhendo permanecer em constante aporia sem encontrar uma solução para esse questionamento profundo que me persegue por anos: quem é BaekHyun?


Mas apesar de tudo escolhi está aqui também, caindo nas profundezas dos teus enigmas e me deixando afundar ainda mais no mar denso e escuro que tenta esconder a resposta ao qual procuro. Tornei-me servo dos teus segredos, buscando cegamente por uma resposta enquanto você permanece a se esconder em máscaras.


E dentro desse grande dilema apenas deixo que os acordes do meu baixo acompanhem a sua música, mesmo sabendo que o caminho ao qual ela e você percorrem estão além do meu alcance, da minha imaginação, pois você é e sempre será um indecifrável enigma para mim, BaekHyun.



*Notas Finais:*


Primeiramente gostaria de agradecer a_stormx do sunivers13 por essa belíssima capa, eu realmente amei o seu trabalho e o do projeto, vocês são incríveis demais aaa 💖💞💖💞


Agradeço a @Vluzz por sempre me ajudar e me apoiar, sem ela eu teria desistido de todas as histórias que ainda tenho que escrever 🥺.


Espero que tenham gostado e desfrutado de uma boa leitura 💞


Twitter: @stephy_lilian

CuriousCat:
https://curiouscat.me/stephy_lilian


Nos vemos em uma próxima história 💕

9 de Setembro de 2020 às 01:37 0 Denunciar Insira Seguir história
2
Fim

Conheça o autor

Ageha Sakura >> why do you still wishing to fly? >> taekook is a cute world sope ; bwoo ; kaisoo ; markson ; hyudawn twitter: @stephy_lilian [Ficwriter]

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~