battgoratte Batt Goratte

A vida, de fato é uma bela tragédia ao qual as criaturas desse mundo atuam em sua curta e medíocre passagem. Paradise, curiosamente abriga uma tragédia sem fim. Diz a lenda que na noite mais fria de inverno, onde o céu e o mar se tornaram um, só em pura escuridão e desespero. A Morte amaldiçoou um homem e esse homem foi condenado a viver para sempre, sendo este castigado com a mais profunda solidão. Este livro narra suas histórias, ao menos aquelas que não foram esquecidas com o passar do tempo e que merecem se contadas, como lembranças desta maldição. •Em aviso, essa história pode conter alguns gatilhos emocionais.


Romance Suspense romântico Para maiores de 18 apenas. © Batt Goratte

#terror #poesia #morte #tragedia #vampiros #medo #295 #378 #239 #258 #227 #dor #paraiso #literaturavampiresca
3
633 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 30 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

O infortúnio inicial



"Je suis désolé, je ne sais pas si je veux rester en vie.".


Não costumo fazer um capítulo aberto, mas vou fazer e quebrar meus próprio hábitos e tabus.


Inicialmente, perdoe-me se um dia desaparecer. Ainda não estou seguro sobre estar aqui, mas eu preciso perder esse medo.


Essa história é baseada em alguns poemas que escrevi e todo caos interno encontrado em mim, tudo aqui me pertence e sua tristeza no momento em que começar a ler irá pertencer a mim.


Eu espero que tenha uma boa leitura e obrigado.



B. Goratte

13 de Agosto de 2020 às 19:59 0 Denunciar Insira Seguir história
2
Leia o próximo capítulo O velho casarão e o paraíso

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 2 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!