kelly-tavares1539942006 Kelly Tavares

Nunca me cansava de beijá-lo! Seu sabor era simplesmente viciante! Para mim, seu doce sabor, era algo que meu corpo necessitava, como o ar ou a água. Não importava quantas vezes fossem, sempre parecia a primeira a vez. Eu registrava cada movimento: seu rosto se aproximando, seus lábios macios que tocavam nos meus, o pedido silencioso de permissão que antecedia a doce invasão da sua língua na minha, a dança sensual produzida por elas e o som único de prazer, o mesmo ao provar do vinho mais doce!

#romance #themicrostoryller #theauthorscup
  21 de Maio de 2019 às 04:12
AA Compartilhar

Comentar algo

3 Comentários
Publique!
Raül Gay Pau Raül Gay Pau
Bien.
21 de Maio de 2019 às 06:46

Mais microficções