crazygirl Crazy Girl

Uva não aceitaria dividir a atenção de sua humana com uma estranha sem uma batalha. Shipp: CamIce.


Fanfiction Tout public.

#Camy #alice #romance #uva #fuffly #camice
Histoire courte
1
5.1k VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Batalha perdida

Uva estava em um de seus momentos de descanso quando ouviu um barulho vindo da porta. Era sua humana voltando.

Se espreguiçou alongando as costas e enfiando as garras na almofada do sofá, iria recebê-la, ultimamente ela vinha agindo estranho, andando de um lado para o outro, falando com alguém por aquele aparelho estranho, mas parecia feliz.

Logo a mulher estava dentro de seu lar e Uva caminhou em sua direção para se enroscar entre suas pernas e deixar seu cheiro nela. Mas foi quando parou, havia outra humana ao lado da sua, nunca a tinha visto ou sentido seu cheiro, olhou desconfiada para a pessoa que tocava a sua humana.

-Oi Uva – Sua humana a cumprimentou fazendo carinho em sua orelha – Essa é Alice, alguém muito especial para mim – Ela indicou a pessoa sorridente que a encarava e logo se abaixou para tentar tocá-la, Uva se esquivou do toque, mas que audácia. – Acho que você ainda vai ter que conquistar a Uva.

- É, acho que sim – A dita Alice sorriu e Uva a encarou com tédio e saiu rebolando do recinto, ela não era obrigada a isso, só esperava que essa humana fosse embora logo.

Mas ela não foi, e logo Uva se viu tendo que marcar território sempre que possível. Por que aquela humana tinha que tocar tanto a sua? Qual a necessidade de ficar abraçada a ela na cama? Porque sua humana deixava a boca da outra encostar na sua? Fazia um barulho estranho. Mas se fosse a Uva tentar lamber ali, para fazer carinho, era “Não Uva, não pode Uva.”. Muito injusto, por isso fazia questão de miar alto sempre que as via se tocando mais do que deveria, sob seu ponto de vista, subia nas pernas de sua humana e olhava para a outra como se dissesse “Ouse me tirar daqui”, deitava entre as duas quando as via na cama conversando, dormia lá também. Ora, ela chegou primeiro, tinha todo direito.

Mas aquela humana não era fácil de vencer, ela não recuava e a tratava bem, enchia suas vasilhas de comida e água, e fazia sua humana sorrir, Uva gostava de Vê-la sorrir. E também tentava fazer carinho nela, essa era a parte mais difícil para Uva resistir, ela amava carinho, uma carícia nas orelhas e estaria perdida.

E foi em uma tarde em que sua humana precisou sair apressada para resolver algo, que Uva perdeu a batalha, não que alguém precisasse saber disso. Uva baixou a guarda, estava cansada e resolveu tirar um cochilo. Acordou com uma sensação gostosa e reconfortante, alguém acariciava suas costas, antes que percebesse já estava ronronando e se voltando para o carinho, e qual não foi sua surpresa ao abrir os olhos e se deparar com Alice, a humana de sua humana.

-Só assim pra me deixar tocar em você – Estreitou os olhos em fendas para ela, pronta para miar em protesto, mas ela acariciou a base de sua calda. Uva ronronou. Estava derrotada.

Mais tarde, quando sua humana retornou, Uva estava deitada sobre a barriga de Alice, recebendo carinho e parecendo bastante satisfeita.

Uva ainda era ciumenta, ainda miava e fazia escândalo quando as humanas se tocavam demais, principalmente aquele gesto estranho com as bocas, ainda deitava sobre sua humana, mostrando a “intrusa” quem chegou primeiro. Mas não negava os carinhos, não mais, afinal ela poderia se acostumar em ter duas mãos a acariciando segundo suas vontades.

Porque no fim das contas, Uva era uma gata muito mimada. 

.

.

.

NOTAS: Eu amo a Uva.

24 Mai 2018 20:19:11 1 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
2
La fin

A propos de l’auteur

Crazy Girl Não perguntem, tô louca.

Commentez quelque chose

Publier!
Alice Alamo Alice Alamo
Menina! Eu fui visitar a Camy, né? E, com a sua fic, eu tinha montado uma imagem da Uva na minha cabeça super errada hahahahaha. Quando eu cheguei no apê da Camy, a Uva se mostrou a gata mais dada do mundo! Ela é um amorzinho e super me aceitou bem. Aliás, ela dormiu comigo por duas noites até! Adorei essa gata <3 E você fez de novo uma fic extremamente fofa! Não sei lidar com tanta fofura!! Muito obrigada pela fic, beijoss <3
June 08, 2018, 23:34
~

Histoires en lien