lanthys Lanthys LionHeart

A vida por vezes pode ser ruim... Ou pior que isso em muitas situações, mas... E quando uma simples sala até então oculta, em uma mansão bastante estranha, te prova que sua vida por mais detestável que fosse, era melhor que a opção oferecida pela sala?


Histoire courte Tout public.

#asalasecreta
Histoire courte
9
5.6mille VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Capítulo único

Me chamo Gabriel e o “bom” na minha vida, resume-se a esse nome angelical... A chuva é forte, fria, assustadora, a noite já beirava 20 h... Perdi a mãe aos cinco, convivi com meu pai até os oitos me culpando por isso, ano em que ele morreu... Daí vieram fome, frio, maus-tratos entre outras coisas na instituição onde vivi até a adolescência, esta, envolta em bullyings diários... Passei a acreditar ser a pior pessoa do mundo, um ser humano que deu errado…


Aos vinte não conhecia festas e aos trinta, sequer havia tido um relacionamento amoroso, nem um vizinho a perguntar se estava vivo... Não havia lugar neste mundo para mim, partir o quanto antes era o que me restava e, eis que tudo aconteceu...

Eu passava pela mansão do velho Gerhard e, insistente e gentil, a voz do idoso me chamava, desde a porta gigante: “- Ei… Amigo… Vai se resfriar nessa chuva… Venha, entre, espere a chuva passar!”

Ponderei por segundos: “- Diante da minha vida, que mal em ser convidado para entrar naquela mansão pelo próprio proprietário às 20 horas? Nada poderia ser pior do que minha vida!” Aceitei com um leve sorriso, nada mais tinha a perder...

Avancei, o idoso senhor gesticulava para que me apressasse, e enquanto seguia, eu ouvia... Vozes de crianças, brincando, rindo, se divertindo…

Adentrei a casa, o senhor me recebera com cordialidade, e sua senhora logo chegou, pegou me casaco, me levaram para perto da lareira, quentinha e gostosa... “- Sente-se...” Dizia a anfitriã... “- Em breve serviremos o jantar, ficamos felizes em tê-lo aqui!” Eu os olhava, uma família, talvez avós com seus netos, as crianças em idades variadas corriam, riam felizes, todos pareciam se amar…

“- Minha velha, como está o jantar, falta alguma coisa?” Dizia o marido à esposa e a senhora sorridente completa: “- Sim, apenas detalhes! O senhor fique à vontade, vamos apenas completar o jantar!” Os dois se afastam sorridentes, eu fico em pé para não ser descortês e assim que eles e as crianças desaparecem, começo a andar pela sala, olhando a decoração, o ambiente...

Passando a mão por sobre uma das estantes, tocando livros ali perfilados, noto que ao toque um deles desliza para dentro e a estante inteira desloca-se para a esquerda... Luzes acendem-se e mostram uma escadaria em espiral com grandes gravuras pelos dois lados... A primeira, algo abstrato com imagens distorcidas de animais devorando pessoas... O seguinte exibia dois seres quase sem expressão, segurando um homem minúsculo por uma corrente colocando-o em uma cela junto de outros... O terceiro apresentava uma cabeça gigante que usava sua língua como passarela e diversas pessoas adentravam sua bocarra garganta a dentro...

Sem dúvida aquelas imagens começaram a causar terrível mal estar, imediatamente pensei em recuar, porém, um grito terrível, um pancada violenta na nuca e tudo apagou... Não sei dizer quanto tempo se passara, não deveria ser muito, minha roupa ainda estava molhada, mas ao meu redor era assustador...

Uma sala escura ao extremo, iluminada por tochas e velas vermelhas... Diversos símbolos estranhos, imagens demoníacas assim como quadros iguais ao do corredor da escada... Eu podia inclusive enxerga-la, mesmo deitado e amarrado era possível vê-la... Somente então, estar naquela situação, me fez perceber que estava realmente em perigo...

Tentei me soltar, as chamas pareciam crepitar mais alto conforme eu tentava! O teto era como se fosse um céu, com estrelas vermelhas e escurecidas, as chamas recobriam o que no nosso céu víamos como noite... A lua parecia uma esfera vulcânica com pontos de expulsão de lava... Gritei, a mordaça impedia... Tentei me soltar, as amarras não deixavam...

Eis que escuto de novo o som das crianças, o idoso e sua esposa conversando, percebo que estão se aproximando, felizes, enquanto eu estava nu amarrado sobre algo que parecia uma mesa de jantar! Finalmente tudo silencia, cada um escolheu seu lugar na mesa e então era a idosa anfitriã quem falava agora:

“- Façamos nossas preces agradecendo ao alimento e por favor, podem remover a mordaça da refeição pois, desespero deixa a carne mais macia e suculenta!”

Meus gritos não poderiam ser ouvidos, na verdade, nada do que disse uma vida inteira foi, mas naquele momento, naquele instante em que sentia minha vida esvair-se, e tinha diversas partes do meu corpo dilaceradas por garras e presas, seja lá que forma de vida eram meus anfitriões, antes de deixar o mundo de vez como quis horas antes, arrependia-me amargamente enquanto bombardeava meus pensamentos:

“- Ter uma vida... Mesmo a minha vida... Era bem melhor...”

11 Avril 2023 16:23 12 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
8
La fin

A propos de l’auteur

Lanthys LionHeart Um cara que, apesar de notar o quanto as pessoas hoje estão abandonando o hábito saudável de ler, ainda insiste em tentar escrever e incentivar a leitura, usando como "armas", mídias inesquecíveis como animes, games, RPG, filmes, tokusatsu e demais séries.

Commentez quelque chose

Publier!
Tom Jaqen Tom Jaqen
Muito bom. Macabro! Essas famílias canibais... Não tomam jeito. 😄 Parabéns!
May 01, 2023, 00:10

  • Lanthys LionHeart Lanthys LionHeart
    kkkkkkkk, adorei a resposta! Muito obrigado pelo comentário e leitura Tom, fico feliz que tenha curtido, e sim, famílias de canibais não toma jeito, achei muito legal essa consideração kkkk! Na verdade, esse conto é bem mais macabro e mais pesado, mas dada a limitação de palavras, precisou ser adaptado, se um dia quiser ler o original, te passo ele! Muito obrigado pelo retorno e pela consideração, grande abraço! May 01, 2023, 12:00
DENIS ALFREDO ROEDER DENIS ALFREDO ROEDER
Bacana!! 🙂
April 16, 2023, 17:27

JIRAYRIDER DECADE JIRAYRIDER DECADE
Grande Lanthys! Em poucas palavras , conseguiu me assustar e muito. A lição aqui é um soco no estômago. Cuidado com o que pedimos ! Não há nada que esteja ruim, que não possa piorar. Parabéns ! Grande conto!
April 15, 2023, 00:22

  • Lanthys LionHeart Lanthys LionHeart
    Gratidão meu amigo, pela amizade e apoio de sempre! Sim, eu quis passar essa mensagem, que reclamamos demais, e muitas vezes de problemas que realmente temos, mas, precisamos olhar os prós que por mais complicados de se ver que sejam, existem e devemos nos ater a eles... O título veio justamente de uma tentativa de resumo desse pensamento, nossa vida pode ter problemas, mas pelo menos temos uma vida e a chance de tentar ser feliz em algum momento, por isso, ela vale e muito ser vivida! Muito obrigado pela leitura e apoio de sempre meu velho, grande abraço! April 15, 2023, 14:59
Carlos  Castilho Carlos Castilho
Uoww! Sinistroo! Narrativa arrepiante. Eu no lugar do Gabriel tinha voltado só de ver as gravuras bizarras na escada rss. Parabéns irmão, muito massa o desfecho do banquete macabro.
April 13, 2023, 19:59

  • Lanthys LionHeart Lanthys LionHeart
    Grande Carlos, muito obrigado pela leitura, pelas belas palavras de incentivo e pelo apoio que um comentário sempre nos traz! Sim, o troço foi tenso, eu sequer teria entrado na mansão, mas nosso amigo estava a caminho de tirar a própria vida, talvez isso o tenha feito cogitar que nada poderia ser pior... Infelizmente, tarde demais, ele percebeu que mesmo com todos os problemas, ele poderia ter sido feliz vivo... Fico muito feliz que tenha curtido e mais uma vez obrigado pelo apoio com sua participação, grande abraço! April 15, 2023, 14:57
Amanda Kraft Amanda Kraft
Assustador! Qdo pensei que ele deveria sair correndo, veio o golpe na nuca. Mto bom. Parabéns.
April 12, 2023, 18:47

  • Lanthys LionHeart Lanthys LionHeart
    Muito obrigado Amanda, realmente ele tentou fugir, mas devido talvez a sua carência avassaladora, ele demorou tempo demais pra perceber que continuava não sendo amado, não pelo menos como pessoa... Obrigado pela leitura e comentário! April 15, 2023, 14:55
Norberto Silva Norberto Silva
Eita! Conto de terror perfeito cara! Incrível como, com a limitação de palavras, você encontrou meios para descrever muito bem o que havia nessa mansão! Parabéns cara!
April 11, 2023, 16:34

  • Lanthys LionHeart Lanthys LionHeart
    Fala Norb, muito obrigado pelo retorno e parceria de sempre! Realmente como comentamos, esse foi um verdadeiro desafio, diminuir o número de palavras tanto e ainda assim contar uma história, é realmente desafiador para mim, muito obrigado cara! April 15, 2023, 14:54
~