liralov Lira Pavlova

Coletânea de pequenos textos sobre momentos peculiares, reflexões sobre a vida e muito mais.


#1 in Non-fiction Interdit aux moins de 18 ans.

#coisasdavida #Aventuras
6
2.4mille VUES
En cours - Nouveau chapitre Toutes les semaines
temps de lecture
AA Partager

Madrugada

São quatro horas da madrugada. Cachorros e gatos dormem. Famílias, em suas casas pelos arredores, também dormem. Insone sou eu. Mais o motorista de caminhão que acabou de passar na estrada aqui perto.

Não quero saber se o céu está estrelado ou nublado. Não me interessa a iminência dos primeiros raios do Sol para anunciarem o novo dia. Contento-me com o silêncio acolhedor.

Atravesso a madrugada às voltas com as palavras, observando-lhes o que denotam e o que podem conotar. E escrevo, prestando atenção à ortografia, à gramática, ao capricho de compor bem a frase. Busco elegância e precisão.

O Português é o fundamento do meu pensar e do meu sentir. Existo na minha Língua.

Fosse o meu repertório limitado, a minha vida seria pobre. Um nada a declarar. Os meus afetos seriam indigentes. Um nada a oferecer a quem amo.

Um vasto vocabulário é obrigatório para quem precisa expressar-se com clareza e objetividade. É indispensável para quem deseja argumentar com entendimento. É imprescindível para a sedução e a conquista da criatura que não se verá mero objeto de desejo, mas pessoa amada. É útil, inclusive, para o chiste inteligente ou para a ironia sutil, dispensando grosseria e vulgaridade.

Frases, mensagens...

A poesia, então! O poeta escolhe a dedo as palavras, arma os versos com exatidão, elabora o poema com tino -- arte de navegador experimentado que tira o rumo, risca a rota e, sem erro, aponta o porto (seja logo ali, numa esquina do mar, seja alhures, num cais além do horizonte).

Imenso, o oceano que a madrugada contém. E o singro a escrever para ir longe, para chegar... De preferência, ao coração de quem me lê.

4 Juillet 2022 22:12:00 3 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
8
Lire le chapitre suivant Seríamos humanos, se...

Commentez quelque chose

Publier!
Johnathan Silva Oliveira Johnathan Silva Oliveira
Bem coeso e coerente, sem, evidentemente, deixar de ser delicada e poética. O texto me fez lembrar da poesia de Olavo Bilac: 'o poeta torce, lima, e sofre e sua, sem transparecer o esforço e os andaimes do edifício'.
Lyne Gomes Lyne Gomes
Escreves maravilhosamente bem. Carrega bela gramática e bela subjetividade 🌻
July 29, 2022, 18:10

  • Lira Pavlova Lira Pavlova
    Fico feliz que esteja gostando. Muito obrigada 🥰⚘ July 29, 2022, 19:09
~

Comment se passe votre lecture?

Il reste encore 26 chapitres restants de cette histoire.
Pour continuer votre lecture, veuillez vous connecter ou créer un compte. Gratuit!