amandapurkote Amanda Purkote

Conheça a história de Hannah Hernandes , uma estudante de 25 anos que em seu estágio de verão na cidade de Nova York conhece o poderoso e misterioso Noah Ryan a onde viverá uma grande aventura.


Romance Érotique Interdit aux moins de 18 ans. © Autoral

#historiaoriginal #romance #Hanna #Noah
0
2.3mille VUES
En cours - Nouveau chapitre Toutes les semaines
temps de lecture
AA Partager

UM NOVO COMEÇO

Quem diria eu Hanna Hernandez estou morando em Nova York , nem em meus maiores sonhos imaginei que estaria aqui, claro que isso se deve a meu "benfeitor generoso" como diz meu pai que sempre me bancou desde que ganhei a bolsa na Columbia ele vem sempre me incentivando a fazer o melhor para minha carreira. Bom o que eu posso falar uma filha de um Pai brasileiro com uma mãe nova iorquina que nos deixou quando eu tinha 5 anos e nunca mais deu as caras, não posso reclamar minha vida em Miami era muito boa com minha família latina e meus amigos mais loucos que eu na qual eu sinto muita falta, mas eu sempre soube que queria e sempre estudei muito para melhorar minha vida e de minha família não é atoa que vou começar a estagiar na empresa de editora mais bem renomada do País, meu deus. Olha não posso reclamar do nosso apartamento é aconchegante é do jeito que eu sempre achei que me encaixaria e minha colega de quarto é a mais legal Chloe Becker, a qual eu conheço desde que tinha 10 anos e nunca mais nos separamos , seu pai é famoso jornalista da TV local de Miami e meu pai é o produtor dele a anos e como eles sempre trabalham juntos as filhas também ficaram mais unidas do que nunca.Apesar de todo estresses da faculdade disso meu verão iria ser o melhor afinal estagiar na Docile editora é o sonho de qualquer estudante de literatura e se tudo desse certo iria começar ajudar Chloe com as contas afinal.

Acordo cedo afinal quero estar apresentável no meu primeiro dia de emprego, tenho que agradecer o tio Phil por conseguir esse estágio para mim, vou até o banheiro arrumar meu cabelo em cachos e começo me maquiar algo nada pesado e nem tão branca também, coloco uma saia preta até o joelho com uma camisa social por dentro e pego um scarpin preto, quando saio do quarto vejo a Chloe me olhando ainda de pijamas e diz:

- Olha nada mal para o primeiro dia Hernandez -Num tom de risada enquanto me passa uma xícara de café .

- Obrigada Chloe, não comece com suas palhaçadas já estou nervosa o suficiente ainda bem que meu chefe vai ser seu irmão - Olho para ele e dou um suspiro de alívio.

- Vai dar tudo certo, não se preocupe, você tem as melhores médias do seu curso e todos os professores escreveram cartas de recomendação para você.

Obrigada amiga e vai dar tudo certo também no seu estágio - Abraço ela com força.

Dou um beijo nela e saio a caminho do trabalho são sete horas e tenho que estar às oito conforme o Nick pediu para estar, pego um taxi para não perder o horário até para na frente do prédio onde irei passar meu verão ali, pago o taxi e saio com meu estômago embrulhado afinal é meu primeiro dia e estou muito nervosa e o primeiro pensamento é desistir e volta , mas balanço a cabeça e penso “ hoje é um novo dia, uma nova oportunidade você consegue”. Entro no prédio e vou para o elevador enquanto espero um homem alto musculoso, com a barba por fazer, cabelos castanhos para ao meu lado, noto que deve ser um de muitos executivos que deve andar nesse prédio, eu estou tão nervosa que nem reparo que ele tenta falar comigo, depois de alguns segundos meu cérebro processa e volto a olhar para ele.

- Desculpe, estou um pouco distraída com o que disse? - Olho para aqueles olhos castanhos meio envergonha e um pouco hipnotizados por ele .

- Eu havia perguntado se é seu primeiro dia ou está indo a uma entrevista? - Nessa hora ele abre um meio sorriso

- É meu primeiro dia, por isso devo estar parecendo um pouco nervosa. - Dou um sorriso meio nervoso.

Nesse momento o elevador se abre e entramos aperto o meu andar e ele aperta para o último andar, até chegarmos meu andar ele não diz mais nada, quando o elevador chega no meu andar ele olha e diz:

- Então boa sorte - Nesse momento ele sorri e a porta se fecha.

Balanço a cabeça para clarear minha mente e focar no que realmente eu vim fazer passo pela recepcionista e informo que sou a nova assistente do Nick Becker ela me dá um sorriso e me leva até a sala dele, quando abro a porta sou recepcionada por um abraço caloroso do Nick:

- Oi Hernandez que bom que você aceitou vir trabalhar comigo quando meu pai me contou que conseguiu convencer você fiquei muito empolgado por estarmos trabalhando junto. - Nick dá o seu sorriso que sempre parece que você ganhou o mundo.

- Pois a proposta era irrecusável e estou ansiosa para começarmos a trabalhar juntos.

- Sente Hanninha e vou te contar como funcionam as coisas aqui, como vai ser e logo depois já podemos começar a pôr as mãos na massa.

Amanhã passa corrida afinal estou revendo os contratos com os escritores, conferindo os prazos para entrega de dos livros para o Nick rever se precisa de mais algum ajuste antes de começar a fazer os preparativos para publicação, quando vejo meu relógio é quase horário do almoço nossa preciso comer algo mas decidi trabalhar mais um pouco, alguns minutos depois percebo que Nick está parado na minha frente e diz:

- Hanna precisamos comer se não o meu pai me mata se não tiver cuidando de você adequadamente - rindo da minha cara de quem não estava entendendo nada .

- Que tal um hambúrguer com fritas e refri, sei que você não é fresca que nem minha irmã

- Nick você leu os meu pensamentos estou morrendo de fome e sim só faço dieta porque sua irmã me obrigada a acompanhar ela.

Pego minha bolsa e saímos para comer entrou no elevador com ele conversando com ele, como sempre fazemos a anos conto sobre a faculdade, sobre meu pai estar longe , conto que ajudou no projeto de dança que ele me apresentou e ele e conta as novidades , até o momento que sinto que alguém está me observando lá estava ele envolta de um monte de executivos , porém prestando atenção em mim, tento disfarçar até que Nick fala:

- Olha, Chloe acabou de mandar mensagem dizendo que nós dois não temos desculpa, hoje vamos sair para comemorars que vocês duas estão empregadas. Ou seja, não vamos escapar da minha irmã hoje.

- È fugir dela vai ser inútil, avisa que vou passar em casa pra trocar de roupa antes de a gente ir, e nem vou tentar mudar o lugar que ela vai querer que a gente vá porque ela já deve ter montado o roteiro para hoje.

Olho para ele e começamos a rir, apesar dos dramas de Chloe a gente não consegue ficar bravo ou imparcial com ela nunca. O elevador para no térreo saiamos em direção ao restaurante , porém antes de sair do prédio ainda sinto aquele olhar em direção a mim. Vamos para um restaurante que tem um deck lindo, sentamos, fazemos nossos pedidos e continuamos conversando sobre trabalho, família e vida.

- Nick quero agradecer a oportunidade, você não sabe como me salvou nesse verão. - Olho para ele com um olhar de gratidão

- Magina Hanna, como já falei várias vezes você é família e por isso sempre vamos ajudar um ao outro. - Nessa hora meu coração aperta ter Nick como espécie de irmão sempre foi bom, crescemos juntos e mesmo quando ele foi para faculdade sempre dava um jeito de saber como eu e Chloe estávamos. Nisso aperto sua mão como forma de demonstrar gratidão, o resto do almoço foi gostoso e tranquilo. Saímos do restaurante e vamos direto pro escritório tínhamos muito trabalho, entramos em seu escritório e começamos a arrumar sua agenda, logo toca o telefone e atendo:

- Escritório do Sr. Nicolas Becker, boa tarde você fala com Hanna Hernandez em que posso ajudar?

- Aqui é Parker, assistente do Sr. Noah Ryan, ele está pedindo para o Sr. Becker e a senhorita se encontrarem agora na sala de reunião para discutir alguns assuntos.

- Claro, sem problemas vou informar e já estamos a caminho. - No momento que desligo Nick me olha querendo saber o que aconteceu, olho para ele meio tensa e digo.

- O Sr. Ryan quer nos encontrar para discutir alguns assuntos. - Digo um pouco nervosa.

- Calma Hanna, isso é normal Noah gosta de saber como estão as coisas, isso é rotineiro por aqui fica tranquila. Pega sua agenda, seu caderno de anotações e vamos. Relaxa montamos um bom cronograma e vai ocorrer tudo bem , vai ser mais eu falando do que você. - Nisso ele lança um sorriso encorajador e faz um aceno para eu pegar as minhas coisas para irmos a reunião.

Entramos no elevador para o último andar, nesse tempo Nick vai me acalmando explicando como a reunião vai ocorrer e como será cada passa, com isso começo ficando mais calma e entrando no modo trabalho e foco, afinal não quero decepcionar Nick. Chegamos no último andar e o Park vem até nós e diz para encaminharmos para sala de reunião que logo o senhor Ryan irá nos encontrar, entramos nos sentamos e repassamos mais algumas anotações antes da reunião começar. Logo quando o senhor Ryan entra levantamos para cumprimentar é quando percebo que o Senhor Ryan é o cara do elevador . Ele aperta a mão de Nick fala algumas coisas dão risadas logo olha para mim aperta minha mão quando digo:

- Prazer Sr. Ryan me chamo Hannah Hernandez, assistente do Sr. Becker.

- É um prazer te conhecer Senhora Hernandez. - Ele olha para mim e abre um grande sorriso.

12 Février 2021 17:39:36 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
Lire le chapitre suivant Caixinha de Surpresa

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~

Comment se passe votre lecture?

Il reste encore 1 chapitres restants de cette histoire.
Pour continuer votre lecture, veuillez vous connecter ou créer un compte. Gratuit!