cristina-ravela Cristina Ravela

Benjamin é um exímio matador de aluguel que trabalha fielmente para um cliente de gostos peculiares. Contratou Benjamin pela sua frieza, ceticismo, sarcasmo, gosto pela noite e facilidade para se fazer sorrateiro, com o objetivo de eliminar 6 desafetos. Entretanto, o cliente é do tipo que some sem deixar rastros, e só exige uma coisa: que todos os crimes sejam cometidos à meia-noite. Mas não tarda até que o matador descubra que a moradia do cliente é tão peculiar quanto seus desejos, e a sua última vontade como cliente também.


Criminalité Déconseillé aux moins de 13 ans. © Todos os direitos reservados

#horror #suspense #literatura #crime #misterio #morte #assassinato
9
3.2k VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Parte 1 - O Estranho Sonho


* PARTE 1 – O ESTRANHO SONHO *


Fôlego quase zero. Coração a mil. A única coisa que eu precisava era alcançar aquela maldita janela, correndo como se o mundo fosse acabar a qualquer momento. O problema era o barulho dos meus passos naquele chão de metal. As paredes frias, com tubulações sinistras e um estranho vácuo saía de suas entranhas. Ele estava atrás de mim. Senti o bafo da criatura horrenda no meu cangote.


Não era humano. Era um ser de dentes enormes e afiados, nuca alongada, braços que se estendiam até o chão e unhas pontudas. Nunca na vida vi algo tão assustador a me olhar com olhos grandes e vermelhos.


Saltei a janela ouvindo o grito daquele bicho de outro mundo rasgar o ambiente inóspito. Deslizei pelo chão escorregadio e me ancorei em uma portinhola de ferro no piso. Sem saída, ou eu caía na escuridão ou era devorado. Espiei um estranho relógio no alto da parede marcar meia-noite. A criatura arreganhou a boca em minha direção. Foi quando me joguei.


Caí no vazio e despertei no meu sofá.


Mais um pesadelo para esquentar minhas noites de primavera. Acordei suado e sozinho, ouvindo Shinedown com a mesma atenção que dispensava aos meus amigos.


Eu não tinha amigos, verdade. Ninguém conseguia ser amigo de quem delirava ao som de “Devil” e sonhava com invasão alien.


O cair da noite me excitava, porém, sentia que mergulhava em meu vazio interior. O pesadelo talvez fosse minha vida. O abismo era esse vazio, e a criatura horrenda o meu passado desastroso.


Eu morava sozinho em um apartamento alugado. Cômodos pequenos, do tipo que um pé pisava na sala e outro na cozinha. Era o suficiente para mim e meus pensamentos.


A lua apontava no horizonte, pelo vidro da janela. Parei a música, me levantei e fui até o banheiro. Amarrei meus cabelos pretos em um coque samurai, dei uma conferida na minha barba que escondia a má diagramação do meu rosto. Nunca entendi porque saio diferente nas fotos, se no espelho sou tão sexy que até eu me seduzo. Enfim, a noite estava apenas começando.


Visualizei a mensagem no meu celular e, sem responder, apanhei o molho de chaves e saí.


25 Août 2020 13:54:49 5 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
8
Lire le chapitre suivant Parte 2 - Ossos do Ofício

Commentez quelque chose

Publier!
Tomas Rohga Tomas Rohga
Começo já empolga.
May 28, 2021, 10:42
Isís Marchetti Isís Marchetti
Olá, Cristina! Tudo bem com você? Faço parte do Sistema de Verificação e venho lhe parabenizar pela Verificação da sua história. Mulher, eu ainda estou passada com o baita carro que essa história é, estou igual o bêbado do segundo capítulo, haha. Pior, que é impossível eu conseguir te dizer qual foi a cena que eu gostei mais, teve todo aquele lance com o pesadelo e o carro e tal, tudo muito bem trabalhado e detalhado, nossa, eu sinto que estou no paraíso com essa história, você não faz ideia. Outra coisa que eu amei demais, demais mesmo, é ver as coisas pelo ponto de vista dele, que é o assassino, porque é uma premissa diferente e de alguma forma a gente que lê começa a ver as coisas por um ângulo que não iria ver se o personagem fosse outro, entende? Bom, vamos ao que realmente interessa. A coesão e a estrutura do seu texto estão maravilhosas. A narrativa está simplesmente surpreendente e eu achei a sua técnica de escrita sensacional. A sinopse deixa no ar sobre o que se esperar da história sem dar muitos spoilers ou linha de imaginação, mas ao contrario do que eu pensei primeiramente, isso não é ruim, e só deixa o leitor com muitas expectativas, ainda mais depois que ele lê esse primeiro capítulo sensacional. Quanto aos personagens, já estou super mega hiper power curiosa sobre quem está por detrás daquele volante e seus segredos, quais são seus motivos e o porque faz questão de ser quem faz o ultimo movimento. Já Benjamin, o que faz com que ele seja tão importante e o porquê ele foi o escolhido. São tantas as perguntas, mas tantas, que eu vou por essa história logo na minha biblioteca, que eu quero muito ler assim que tiver um tempo. Quanto à gramática, seu texto está muito bem escrito e é realmente uma obra maravilhosa. No geral, um ótimo projeto que eu quero, e vou, compartilhar com o pessoal no grupo do Inks do Facebook. Abraços.
April 17, 2021, 22:30

  • Cristina Ravela Cristina Ravela
    Ah, eu to me sentindo adorável kkkkkkkkk Muito obg por esse comentário tão valoroso. Espero de verdade que você possa continuar a leitura e saber se valeu a pena. Agora, só posso dizer que tudo termina do jeito que começou: na base do horror hehehe. Obrigadão! <3 April 18, 2021, 00:48
Juju Flor Juju Flor
Caraca!!!!!! <3 Angustiante
September 04, 2020, 16:52

  • Cristina Ravela Cristina Ravela
    Sonho perturbador, né amg? Até para um matador hehehe September 04, 2020, 23:21
~

Comment se passe votre lecture?

Il reste encore 4 chapitres restants de cette histoire.
Pour continuer votre lecture, veuillez vous connecter ou créer un compte. Gratuit!

Histoires en lien