AA Partager

Quando eu nasci

Olá eu me chamo Eduarda, tenho 11 anos farei 12 dia 04/07/2019, eu nasci em Macapá Amapá Brasil.


Antes de eu nascer todos pensaram que eu ia ser um menino, meu nome ia ser Arthur, no dia quando eu nasci todos esperavam um menino até eu aparecer, quando eu nasci, os médicos perceberam que eu era muito fraca, então tive que ficar internada no hospital por 2 meses.


Depois de 2 meses, eu saí da maternidade. Quando eu ainda era uma bebê que mamava fui pra Castanhal,Pará,Brasil. Fui morar com minha mãe na casa dos meus bisá-vós, lá era uma casa muito bonitinha cheia de plantas, atualmente a casa não mudou nada. A minha bisá vó se chamava Maria Barbosa mas todo mundo chamavam ela de Basinha, o meu bisa vô se chama Edíp. A minha vó Basinha queria ficar comigo mas ela já estava um pouco idosa. Ela me deixava no quintal dela de baixo de uma arvore de panpolas no meu carrinho e ia fazer seus deveres que era arrumar a casa, e eu ficava lá, foi quando eu comecei a arrancar as flores e colocar na boca, quando minha mãe foi trocar minha fralda ela viu as pétalas de flores, e isso começou a acontecer constantemente, minha mãe passava com o carrinho perto das flores eu comia, me deixava lá eu comia, quando minha bisá vó percebeu ela falou que era milagre, foi quando minha vó Regina (mãe da minha mãe) percebeu.


Depois de um bom tempo lá eu voltei para o Amapá, foi quando minha mãe conheceu meu padrasto, nos mudamos para uma casa alta e baixa, completei 1 ano,2,3, eu comecei a andar descia e subia a escada, teve uma vez, que eu coloquei uma bota grande da minha irmã, e fui descer a escada foi quando eu caí e cheguei no hospital desmaiada, essas coisas aconteciam constantemente, minha vó Regina me levou de volta para Castanhal, passei um bom tempo lá. Fiz 4 anos lá.


Quando eu voltei para o Amapá, comecei a frequentar creche. Eu fiz 5 anos,6 anos,fiz 7, lá pelo começo de 2015 eu viajei de volta para Castanhal,7 anos eu já estava ciente de tudo sabia ler e escrever. Eu viajei meia-noite com minha mãe, não dormi nem um pouco durante a viajem, quando pegamos o avião, foi tudo de bom porque com 7 anos já conseguimos nos lembrar de como foi, não me lembro que horas chegamos no aeroporto de Castanhal, me lembro que eu me deitei naqueles bancos que tem em aeroportos, e dormi quando eu acordei vi meus tios a tia Nasa e o tio Benedito a tia Nasa é irmã da mãe da minha mãe e o tio Benedito é seu esposo, eles tem dois filhos o Jerfeson e o Anderson são bem legais são todos jovens adultos, meus tios me levaram pro carro do Anderson ele estava lá, ele estava dirigindo, tivemos uma longa demora pra chegar em Castanhal, quando chegamos na cidade em que meus familiares moram, eu acho que já era umas 04:30 da manhã paramos num lugar lindo, para tomar o primeiro café da manhã do dia.














27 Juin 2019 18:18:27 1 Rapport Incorporer 2

Commentez quelque chose

Publier!
Eduarda Cunha Eduarda Cunha
Obrigada Sofia Landia85
August 20, 2019, 19:05
~