7
3.6mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Curiosidades:

Os períodos de calor (cio):

  • Alfas:

Vivenciam o período fértil uma vez ao ano – sempre próximo a data do seu aniversário. O calor de um alfa dura de 2 (dois) à 3 (três) dias e é caracterizado por ser mais intenso do que o calor vivenciado por ômegas.

No período de pré-aquecimento dos alfas é comum que demonstrem um comportamento mais arisco, marcado por explosões de raiva e/ou agressividade. Podem também apresentar um pico em sua líbido. O lado alfa começa pouco a pouco a dominá-los até que tenham de isolarem-se.

No cio, os alfas tornam-se extremamente agressivos e territoriais, propensos a atacarem outros lycans – principalmente betas e alfas – a fim de impor a sua dominância e defender o seu território.

Além disso, experimentarem uma excitação constante, instigada pela necessidade de copular, acasalar e procriar com um ômega.

Alfas apresentam uma maior fecundidade durante o cio por dois fatores: o nó permanece inchado por um intervalo menor e a quantidade de sêmen ejetada a cada ejaculação é maior. A soma desses fatores permite que alfas copulem mais vezes em um espaço de tempo mais curto.

  • Ômegas:

Vivenciam o ciclo fértil duas vezes ao ano, o qual é desencadeado pela lua-cheia do inverno e do verão.

O calor do inverno é marcado por um eclipse lunar. A lua-cheia de coloração vermelha permanece brilhando por 7 (sete) dias e 7 (sete) noites inteiras. Durante uma semana, não há dia. O mundo é engolido por uma noite sem estrelas. Ao passo que os ômegas reagem ao magnetismo da lua-cheia invernal, a qual instiga os seus corpos febris a entrarem no calor com o propósito de aquecerem os seus alfas durante as noites mais frias do inverno.

Já o ciclo fértil do verão é desencadeado pela alta-temperatura, a qual aqueceria os seus corpos desencadeando o cio. A lua-cheia brilha no céu durante 3 (três) noites regendo o calor dos ômegas.

Ao contrário da noite interminável do cio invernal, o dia se faz presente durante o período de calor de verão. Entretanto, os ômegas tendem a sentir sono durante o dia e aquecerem durante a noite, quando a lua-cheia aparece, mantendo-os acordados até o nascer do sol.


A concepção e a gestação de ômegas e alfas:


Fêmeas, tanto ômegas quanto alfas, experimentam um curto período fértil todos os meses, que não os atingem com a mesma intensidade dos cios e aquecimentos. Esse ciclo fértil mensal costuma ser sucedido por um sangramento (menstruação) que indica que não há uma gestação em andamento.

Ômegas machos também são capazes de engravidar fora do cio devido ao nó do alfa, porém, as chances são menores. Em compensação, durante o calor, a probabilidade de fecundidade é de 100%. Eles podem apresentar um pequeno sangramento após o cio caso não concebam um filhote.

Um beta só é capaz de engravidar um ômega macho durante o período fértil, no qual não é necessário o nó do alfa para que os ômegas concebam filhotes.

As chances de uma gravidez também são bem maiores durante o cio dos alfas – mesmo que o próprio ômega não esteja no cio.

A gestação de filhotes ômegas e alfas dura exatos 6 (seis) meses de modo que, caso a concepção ocorra durante o calor do inverno, o filhote nascerá no verão e vice-versa.

Quanto aos betas, no universo de "O preço do amor", são tratados como humanos comuns de modo que os ciclos férteis e a reprodução ocorrem exatamente como no mundo real. Mulheres vivenciam um período fértil mensal seguido por sangramento caso não haja concepção. A gestação de um filhote beta tem duração de 9 (nove) meses.


A marca de acasalamento


No universo de "O preço do amor" a marca de acasalamento é feita na nuca do ômega. Ou seja, mordidas em outras regiões do pescoço não resultam em um vínculo de acasalamento entre um alfa e um ômega.

Ao marcar um ômega como o seu companheiro para a vida, o alfa doa uma parte de sua vitalidade para o seu companheiro. É como se um pequeno – mas muito significativo – fragmento de seu alfa interior passasse a habitar o ômega, estabelecendo um vínculo entre as duas almas. Como consequência da ligação entre almas, os indivíduos vinculados passam a sentir as emoções e os sentimentos de seu parceiro, ouvir determinados pensamentos e adquirem a capacidade de se comunicarem por telepatia.

A rejeição ou a traição entre parceiros acasalados pode ocasionar em sofrimento físico.

A marca de acasalamento costuma ser profundamente significativa para um alfa, pois torna-se a sua "fraqueza". Eles passam a ser extremamente sensíveis a tudo relacionado aos seus parceiros – podendo experimentar suas dores emocionais e até físicas – e são dominados por seus instintos protetor, que os impulsiona a preservar a saúde e a integridade dos seus ômegas.

Quando um alfa perde o seu companheiro ômega é como se uma parte de si mesmo sucumbisse junto com o ômega – literal e figurativamente falando. Por isso, um alfa só pode ter um único companheiro durante toda a vida tendo em vista que, para marcar mais de um ômega, faz-se necessário que a sua alma fragmente-se novamente a fim de criar o vínculo.

Em decorrência do acasalamento, ômegas passam a gozar de uma maior vitalidade de modo que a sua resistência a doenças bem como a sua capacidade de regeneração são potencializadas. A parte alfa que habita neles interfere em suas personalidades de modo que podem, ou não, apresentar um comportamento mais dominante se comparado a ômegas não-acasalados. Tornam-se, também, insensíveis ao encantamento existente na voz de outros alfas na mesma medida em que mostram-se incapazes de desobedecer uma ordem dada por seu companheiro. Além disso, tornam-se incapazes de manter contato sexual com outros alfas.

Apesar de pouco frequente, ômegas também podem marcar os seus companheiros. A mordida de um ômega pode transformar-se em uma marca de acasalamento somente se já existir um vínculo estabelecido entre o casal. Ou seja, é necessário que o alfa o marque como companheiro primeiro. Ao marcar o alfa, o ômega também doa parte de sua vitalidade para o seu companheiro, tornando o vínculo estabelecido mais profundo, harmonioso e forte.

Para que a marca de acasalamento se complete e atinja uma cicatrização completa é necessário que ambos desejem e aceitem o vínculo entre as suas almas. Caso haja rejeição de qualquer uma das partes, a marca não irá cicatrizar, permanecendo como uma ferida aberta ou inflamada, causando dor ao casal.

Todavia, é importante esclarecer que a marca de acasalamento nada mais é do que a manifestação material e física do vínculo estabelecido entre um casal, portanto, só pode ser experimentada com plenitude caso ambas as partes estejam em completa harmonia. Sendo assim, o vínculo é diretamente afetado pelos sentimentos e pela relação construída a dois. O vínculo pode fortificar-se e aprofundar-se, pode debilitar-se e fraquejar, mas nunca quebrará.


Considerações finais...

Essas foram algumas das curiosidades aka explicações sobre o universo ABO em "O preço do amor" que eu gostaria de compartilhar com vocês. Logicamente, cada um desses aspectos será mencionado e apresentado em algum momento da fanfic – porém de forma menos "explicativa".

Tenho certeza que estou esquecendo de algo e por isso talvez, num futuro não tão distante, eu resolva publicar mais algumas curiosidades sobre essa história com vocês.

Por ora, é isso.


26 de Marzo de 2020 a las 02:17 3 Reporte Insertar Seguir historia
11
Fin

Conoce al autor

Ari Lima Alguém que encontrou na escrita uma paixão e sonha em tornar-se uma escritora publicada, mas, enquanto esse sonho não se torna realidade, faço da escrita um hobby. Todas as minhas histórias são do gênero #yaoi e do shipp #kookv. Também conhecida como autora de "Karma" e, agora, de "O preço do do amor".

Comenta algo

Publica!
Nora Grey Nora Grey
No caso de um casal de uma alfa fêmea com um omega macho ( como a rainha Hyuna e o príncipe Yang) quem fica gestante? Ps: amo demais a sua história, tudo nela é perfeito: os personagens, o enredo, os cenários, as descrições, Tudo! Amo demais 🥰🥰
April 04, 2020, 02:43
Aryelle Brito Aryelle Brito
No caso dos betas só mulheres pode engravidar né? Já que eles são praticamente humanos?
March 26, 2020, 06:51
HV Hayfa Veronês
Pq não o ocorreu a marca na fic ainda? Tipo, faz parte da estória ou eu perdi algo que foi explicado?
March 26, 2020, 06:20
~