Anything you want Seguir historia

bucetinhadobyun 𝕤𝕞𝕚𝕝𝕖 𝕠𝕟 𝕞𝕪 𝕗𝕒𝕔𝕖 ⁹⁹

Baekhyun decide brincar de realizar desejos com Minseok, até que seu namorado lhe faz um pedido que o deixa sem reação.


Fanfiction Sólo para mayores de 21 (adultos).

#drama #yaoi #suicidio #amizade #angst #depressão #homossexualidade #exo #baekhyun #xiumin #minseok #xiubaek #alucinação
Cuento corto
2
2867 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

.don't let go

Estavam brincando fazia alguns minutos de realizarem os desejos um do outro, mesmo que fosse de forma interpretativa, e se divertiram muito enquanto o fizeram, até que o Minseok ficou sério de repente e se sentou no chão.


— Volte a tomar os remédios Baekhyun. — o mais novo engoliu em seco, não sabia o que dizer, não esperava tal atitude dele. — Você precisa sair daqui, viver a sua vida...


— Mas se eu tomar pararei de vê-lo. — o mais velho sorriu fraco e levantou-se segurando no rosto dele, acariciando aquelas bochechas macias que tanto amava.


— Eu morri faz dois anos Baekhyun, não sou eu... Sou fruto da sua mente e você sabe disso, precisa encarar a realidade e superar. — o mais novo sentiu um nó na garganta e os olhos encherem d’água, ele não queria perder o único que o amou. — Se eu estivesse vivo tudo seria diferente, eu sei, mas não estou e... Com certeza onde quer que eu esteja estou desejando que você siga a sua vida.


— Por favor... — implorou e puxou o mais velho contra si, já estava chorando incontrolavelmente, mas então ele ergueu o olhar com um sorriso forçado. — Quer eu tome os remédios, certo? Ok então. — soltou o mais velho e correu até o banheiro, pegou todo os frascos que encontrou e os ingeriu de uma vez.


Minseok o olhava sem expressão, enquanto o Baekhyun começava a perder a consciência caindo no chão, seu braço esticado tentando alcançar o amado e as lágrimas ainda desciam quentes e dolorosas. Lembranças vieram a sua mente, desde o momento em que conheceu o Kim, até o dia em que o perdeu em um trágico acidente de avião. Desde que o Kim partiu, ele se excluiu do mundo, abandonou o emprego e ficou trancado no apartamento. Sehun preocupado com o estado do amigo e vizinho, o convenceu a fazer acompanhamento psicológico e psiquiátrico, e foi assim que conseguiu remédios para ajudá-lo a melhorar. O problema é que durante o período em que esteve sozinho, ele passou a alucinar imaginando que o espírito do amado estava com ele, e quando começou a tomar a medicação notou que ele desapareceu. Ele não aguentou ficar muito tempo sem ver o amado, mesmo com as visitas frequentes do Sehun que tentava lhe distrair, então ele abandonou o tratamento e se afundou na loucura.


Sehun acabou não chegando a tempo, ficou preso no trânsito e no trabalho, Junmyeon era um chefe exigente e perfeccionista, por esse motivo vivia se estressando no serviço. A porta se abriu calmamente, mas o que preocupou o moreno foi a falta de resposta ao chamar o amigo, seu coração apertou imaginando o pior e piorou quando o viu desacordado no chão. Até chamou a ambulância, estava esperançoso mas algo dentro de si já o avisava que era tarde.


O enterro aconteceu e apenas Sehun apareceu, Baekhyun era muito tímido, discreto e só se aproximou de Sehun por conta do namorado que os aproximou. Mas o que surpreendeu o moreno, foi que nenhum familiar dele apareceu em momento algum para saber o seu estado, ou quando o mesmo faleceu, pensou então que eles eram contra a sua orientação sexual. Agachou ao lado do caixão e deixou ali uma rosa amarela, a cor favorita de Baekhyun e a flor favorita de Minseok.


— Espero que agora encontre o verdadeiro Minseok, hyung. — sorriu fraco e levantou-se saindo dali.

15 de Marzo de 2019 a las 00:00 0 Reporte Insertar 0
Fin

Conoce al autor

𝕤𝕞𝕚𝕝𝕖 𝕠𝕟 𝕞𝕪 𝕗𝕒𝕔𝕖 ⁹⁹ Gosto de escrever, ouvir música e apreciar fanarts. ♥

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~