Três horas da manhã Seguir historia

morangochan Saah AG

Quando despertar por volta das três da manhã, lembre-se de agradecer ao anjo da guarda por te acordar e te salvar do demônio que estava tentando levar a sua alma.


Cuento Todo público.

#oguardiãoeomenino #oneshot #shortchapter #anjo #demônio #insônia #original
Cuento corto
4
4.5mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Passe amanhã

Dedico esse conto ao professor engraçadinho que me fez cagar de medo toda vez que minha ansiedade resolvia me acordar às três da manhã.

PS: Esta one foi postada pela "Morangochan" no Wattpad e Nyah!, ambas são contas minhas.

❅❅

Três horas; abriam-se os portões do inferno. O quarto inteiro cheirava a incenso de cravo. O guardião, que outrora costumava passar madrugadas inteiras roendo as unhas e olhando para o teto, permanecia atento, apenas aguardando a chegada do “dito cujo” que aparecera nos últimos dias. O protegido de olhos amendoados, dono de terríveis olheiras, dormia calmo, ainda na esperança de ter uma noite tranquila de sono. Se aquela madrugada fosse como as outras, porém, as olheiras do rapaz tendiam a aumentar.

O guardião arrepiou-se, olhou por cima do ombro com a testa franzida. Lá estava ele, afinal: as mãos saindo da nuvem negra, prestes a tomar a alma do mortal. Todavia, o toque infernal não acompanhou a velocidade do toque angelical, que esmurrou forte o peito do adormecido. Arregalando os olhos forte e rapidamente, entre arfadas, a respiração do humano voltava ao normal. Ele, nesse meio tempo, conferiu o relógio a fim de saber se não estava atrasado para a aula.

— Por que eu só acordo nessa hora de merda do caralho?! – praguejou o mortal cobrindo a cabeça com o travesseiro.

A mente demoníaca ainda tentava processar o ocorrido; mais uma vez perdera aquela alma por conta do anjo idiota. Com o dedo na boca, o anjo roía a unha despreocupado. Um sorriso brotou nos lábios do bondoso à medida que a fúria desabrochava nos olhos malignos.

— Ah, que pena! Acho que consegui de novo. – o anjo deu de ombros, debochado. – Passe amanhã.

Adotando uma prática humana, o demônio mostrou o dedo do meio. Em seguida recolheu-se na fumaça preta e sumiu. Nada restou além do silêncio e o cheiro persistente de cravo mesclado a enxofre.

— Espero que não passe amanhã. – o anjo confessou, passando da unha do dedo médio para a unha do dedo anelar. – Ei, você! Pode ir acordando! Imagina se ele muda de ideia e resolve passar daqui a pouco?!


7 de Diciembre de 2018 a las 00:43 4 Reporte Insertar 8
Fin

Conoce al autor

Saah AG Nasci em Fortaleza, sou aquariana e adoro inovar. Entrei em contato com o universo fanfiction aos nove anos e passei a ser leitora e autora desse meio. Adoro tramas bem construídas, reviravoltas são incríveis, mas alguns clichês também chegam a me emocionar.

Comenta algo

Publica!
Kimberly Evans Kimberly Evans
Parabéns pelo seu conto. Ameiiii 👏👏👏
14 de Diciembre de 2018 a las 08:31

  • Saah AG Saah AG
    Obrigada por ler <3 14 de Diciembre de 2018 a las 08:35
Karimy Lubarino Karimy Lubarino
Olá! Tudo bem? Gostei bastante do seu conto. Caramba, agora está tudo explicado! rsrsrsrs Gostei bastante de como os personagens foram apresentados. Enquanto lia, conseguia imaginá-los com muita facilidade, isso porque os gestos e as falas foram introduzidos de forma muito natural, sabe? É uma delícia ler histórias assim, que conseguem nos fazer emergir nelas e enxergar toda a situação como se estivesse lá, vivenciando tudo. Isso também ajuda muito o leitor se identificar com a narrativa, o que também é maravilhoso. E ainda tem um bônus: a sua escrita é uma delícia, sem vícios e com pontuação e grafia corretas. Só gostaria de apontar algo com relação à pontuação dos diálogos, que está incorreta. Nada que atrapalhe a leitura; inclusive é algo que se vê muito, mas resolvi falar para caso você tenha vontade de procurar sobre o assunto. Bom, mas a sua história está uma delicia e com certeza a recomendarei para meus amigos. :) Bjnn!
8 de Diciembre de 2018 a las 08:22

  • Saah AG Saah AG
    Oie, tudo bem,sim! E com você? Espero que já tenha ciência que você é uma pessoa-bolinho; aquele tipo de pessoa fofa que escreve comentários que me deixam no chão de tanta fofura <3 A propósito: muitíssimo obrigada pela dica com os diálogos. Desde que você falou eu andei dando uma estudadinha e estou trabalhando nisso. Muito obrigada por ler, comentar e por recomendar! <3 11 de Diciembre de 2018 a las 13:41
~