O guardião Seguir historia

l
lucinara nascimento


(CONFIRA O BOOKTRAILLER) https://www.youtube.com/watch?v=Wp8v2T16EvQ Um vilarejo, uma família e uma floresta talvez encantada, ou amaldiçoada? Dizem os antigos que aqueles que entram nesta floresta nunca mais encontram o caminho de volta, Contam da existências de demônios, e dos infinitos labirintos Alguns ainda contam sobre a arvore da maldição. mas o que realmente existe na floresta ? Adentre nesta floresta e descubra junto com o pequeno Marxis.


Cuento Todo público.

#conto #fantasia
0
4.4mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

PARTE I CURTA DESPEDIDA


O Sol do meio dia estava intenso naquele dia, Marxis brincava com algumas bolas no amplo campo que ficava frente a enorme floresta do vilarejo. Não demora e escuta a sua mãe lhe chamar.

Já estou indo mãe! - Grita do meio do terreiro olhando para aquela mulher encostada na porta com um vestido de alça florido e seus cabelos ruivos que brilhavam quando o sol refletia sobre eles. Aquela rotina se repetia desde que seu pai havia misteriosamente sumido. Alguns diziam que ele tinha sido devorado na floresta, outros que ele havia sido possuído por demônios, por longos anos o esperou e nunca voltou.

Não se sabia ao certo o que tinha acontecido com aquele pobre lenhador, e ninguém se arriscava a adentrar naquela floresta, desde então sua mãe, que apesar do enorme sorriso no rosto, se endividava para se manterem.

Sempre pedia para não perder as esperanças, sonhava com o dia que seu marido voltaria...

Mas nem tudo era como previa, Maxis estava terminando o seu almoço, quando sua mãe o chamou e disse - Filho, escuta o que a mamãe tem pra dizer agora, alguns amigos da mamãe virão, e...você ficará aqui....quietinho... - Ela fala com o choro entalado em sua garganta - Lembra da brincadeira que fazíamos com o papai? Quando a mamãe fala coelhinho, você tem que entrar na toca... quando a mamãe falar cotia, você tem que correr o mais rápido que puder,ok? Do outro lado da floresta Você encontrará ajuda.

Ok mãe! - Ele fala na simplicidade enquanto sua mãe o esconde e sai,

o tempo passa e uns minutos depois se ouvem passos... ele correu para porta na esperança de enfim ver seu pai... Mas tudo que viu foram três homens enormes, era tão grandes quanto a porta estreita da sua casa, tinham uma pele tão alva quanto a da sua mãe, uma enorme barba e ambos se pareciam.

Ainda da cozinha escutava sua mãe falar:

Mas eu já disse que assim que conseguir paga temos todas as dividas e todos os juros. Por fav.... - Antes de ser completada a frase, ele vê o rosto da sua mãe virar em sua direção e mesmo longe consegue ver as marcas em seu rosto - Eu já disse! Não temos o dinheiro agora!

Então nos dará seu filho vadia, como recompensa! - Aquele homem fala brutalmente ainda segurando-a pelo queixo.

Cotiaaaaaa!!! - Ela grita e mais uma vez recebe um tapa em seu rosto.

Desta vez fora tão forte que caiu bruscamente da cadeira em que estava.

Você enlouqueceu? - Um dos agiotas fala a levantando pelo cabelo.

Senhor!! O menino... ele fugiu! - o outro fala a fazendo respirar aliviada.

EIII!!!!!!! O que vamos fazer agora? - Fala desta vez a empurrando no chão e a chutando.

Chefe... e se....levarmos ela? - O outro capanga fala e aquele enorme homem a olha de maneira que faz querer vomitar.

Trabalhará para nós até pagar suas dívidas. - Fala e a arrasta brutalmente pelo braço, enquanto ela observa o pequeno Maxis adentrar na imensa floresta.

Olha para os céus e pede para que guardem seu menino.

1 de Noviembre de 2018 a las 12:48 0 Reporte Insertar 0
Leer el siguiente capítulo PARTE II UMA LUZ NA FLORESTA

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 6 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión