Feliz aniversário Seguir historia

inial_lekim Inial Lekim

Ele era o que ela mais desejava naquele dia.


Fanfiction Anime/Manga Todo público. © Personagens pertencem ao Kishimoto

#naruto #fns #fluffy #konohana #aniversário
Cuento corto
3
5015 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

O que se deseja...

Hey people!

Embora seja poucos minutos depois da meia noite, essa fic surgiu como um presente pra uma das nenéns mais arrombadinha que existe nesse mundo, meu amorzinho do descontrole <3 Te amo, Ju. E espero que você goste. É pequeno, mas é com amor <3 


*


Olhando-se no grande espelho que enfeitava um dos corredores de sua casa, Hanabi não se reconhecia. Desde a maquiagem excessivamente elaborada em seu rosto ao longo vestido que usava, estava apenas... errado.

Ainda sim, ela mantinha um sorriso em seu rosto. Cumprimentava cada um dos convidados como lhe mandava a etiqueta, agradecia cada ‘parabéns’ e os presentes extravagantes que os acompanhava. Era exatamente o que esperavam de si, o epítome da graça e elegância da futura líder de um clã tão conceituado quanto os Hyuuga.

Aquela era ela, mas ao mesmo tempo não era.

Desde criança ela soube que tomaria o lugar de sua irmã como líder, ano após ano lhe era ensinado como se portar, a honra de sua posição e a força de sangue.

O clã sempre viria acima de qualquer coisa. No futuro, ela deveria protegê-los, ela deveria guia-los nos anos vindouros, manter suas tradições, manter a pureza. E, no início, ela se sentiu honrada.

Agora, ao olhar para trás, ela percebia o quanto havia sido inocente. Um dia ela havia imaginado que as coisas seriam simples, que não seria difícil dedicar sua vida ao clã da mesma forma que seu pai havia feito. Ela realmente acreditou. Até que ele surgiu, com seus brilhantes olhos castanhos e um modo completamente diferente de se ver o mundo. Um mundo que ia além das paredes que cercavam seu clã. Um mundo que era imperfeito, mas ao mesmo tempo belo em sua impureza.

E ele se certificou de mostrá-lo o máximo possível a ela. Fosse em uma semana ou uma hora, acompanhados de uma garrada de saquê ou uma xícara de chá, ele lhe mostrava algo novo.

E agora, pensando sobre isso, sentia seu desconforto aumentar... ela queria que ele estivesse aqui. E o tempo passou mais lentamente sem sua presença.

Assim, perfeita em seu papel de anfitriã, deixou-se ser envolvida nas conversas ao seu redor e, apesar de qualquer coisa, uma parte de si não pode deixar de se sentir feliz com o olhar orgulhoso de seu pai.

E nas horas que se seguiram, ela o manteve assim.

No momento em que o último convido foi embora, um silêncio tranquilo se fez presente. O som da noite era pacífico. Houve um último abraço de seu pai e uma prece de felicidade. E então, na segurança de seu quarto, ela pode deixar surgir sua expressão de cansaço. E ela tirou o estranho de seu corpo, voltando a sentir-se totalmente ela.

O relógio em sua mesa de cabeceira anunciava que o final do dia estava próximo e isso a fazia se sentir triste.

Então um estranho som se fez ouvido e, em um reflexo automático, sua mão fechou-se em volta da kunai sob seu travesseiro. Escutou o ranger suave de sua janela e os passos quase inaudíveis que se dirigiam à sua cama... e a kunai em sua mão foi arremessada em direção ao invasor, que se esquivou com maestria. E ela virou-se para encará-lo, pronta para lutar tanto quanto fosse necessário.

E sua postura caiu ao vê-lo.

“Feliz aniversário”, Konohamaru sorria, com a luz de uma única vela em um cupcakes iluminava seu rosto, os olhos focaram por um segundo em um ponto atrás de si. “Fico feliz que cheguei a tempo. Vai, faz seu pedido”.

E Hanabi sorriu, assoprando a vela a sua frente, desejando que esse momento se repetisse a cada aniversário que tivesse... especialmente aquele breve momento em que sentia os lábios de Konohamaru movendo-se contra os seus.

E naqueles últimos minutos para a meia noite, ela teve aquilo que mais havia desejado durante todo o dia.

17 de Agosto de 2018 a las 03:30 1 Reporte Insertar 2
Fin

Conoce al autor

Inial Lekim 22 anos. Pisciana. Escritora. Sonhadora. Fotógrafa e Desenhista quando surge inspiração. Vocês já ouviram a palavra de KakaGai hoje?

Comenta algo

Publica!
Tatu Albuquerque Tatu Albuquerque
OWN BAEZINHA, QUE COISINHA MAIS NENÉM E LINDA ESSE CANON TOTAL AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA EU TÔ MUITO APAIXONADA NESSA ONE. TÃO LEVINHA E TAO LINDINHA QUE AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA EU NÃO MEREÇO UM PRESENTE TÃO NENÉM MAS AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA EU TE AMO PARA CARALHO POR ISSO É POR TUDO, PATRÍCIA
16 de Agosto de 2018 a las 22:35
~