bearcute eve m.

Kim Minseok, um príncipe ômega que todos julgavam ser alfa pelo jeito de se portar. Firme e sempre centrado em tudo que envolvia o reino, mas tirando essa pose de durão, ele era um ômega que queria carinho e atenção. Kim Jongdae, um empregado novo no castelo da família real, todos o julgavam ômega pelo seu jeito brincalhão e fofo de ser, mas na verdade era um alfa. O alfa é completamente apaixonado pelo Príncipe de Gelo e faria de tudo um pouco para conquistar aquele príncipe ômega com pose e firmeza de alfa.


Fanfiction Bandas/Cantantes Sólo para mayores de 18.

#mpreg #menção-outros-couples #príncipe #jongdae #minseok #beta #ômega #alfa #abo #chenmin #xiuchen
19
5.2mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Capítulo Um

"Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.
Clarice Lispector."

.




— Não me importa! Eu quero que seja entregue aos moradores do reino ainda hoje. — Minseok disse a um dos empregados que assentiu, mesmo sendo um alfa teve que abaixar a cabeça para o príncipe ômega. — Dispensado.


Minseok foi para o escritório que era quase seu do que de seu pai, sentou na cadeira acolchoada atrás da mesa e começou a ler vários do papéis sobre o dinheiro que tem entrado e saído do castelo para as obras do reino, bufou jogando os papéis de volta na mesa, levantou o olhar para frente e viu seu irmão Kibum encostado na porta.



— O que foi, Bummie? — Minseok perguntou ao irmão que apenas negou com a cabeça. — O que eu fiz dessa vez?


— Aprenda a tratar os alfas com respeito, mesmo eles sendo nossos empregados. — Kibum entrou no escritório e se sentou na cadeira em frente a mesa. — Minnie, não queira ser o que não é.


— Kibum, você pode ser mais velho, mas eu sei como me comportar.


— Um dia esses alfas ainda vão lhe mostrar a não os tratar desse jeito, você os trata com mais ignorância do que eles se tratam. — Kibum olhou para o irmão e suspirou — Nosso pai Onew disse que você precisa parar com isso, você tem sim suas responsabilidades, mas tratar os outros desse jeito? Minseok!


— Eu já sei, mas se eu não for o mais centrado dos filhos, quem vai ser? Você? O Baek? — Minseok indagou e Kibum suspirou. — Somos três ômegas, eu só estou agindo um pouco mais firme do que ômegas agem.


— Tratar alfas do jeito que você trata e falar com as pessoas do jeito que fala? Por favor. — Kibum bufou — Eu só estou dizendo que como você é amoroso com as pessoas do reino, seja pelo menos um pouco mais com os empregados, você quase não agradece ninguém aqui.


— 'Tá Kibum, eu estou ocupado, quando o nosso pai Yifan chegar peça para ele vir aqui, temos que resolver algumas coisas.


Kibum olhou pela última vez seu irmão e bufou se levantando e saindo do escritório, encontrou com BaekHyun na sala do castelo e acenou para o irmão.


A Familia Real Wu Kim era formada por Yifan e Onew casados com Zitao e tiveram três filhos, os três príncipes ômegas.


Kibum o mais velho.

Minseok o do meio.

BaekHyun o caçula.


A família era conhecida por serem amáveis e conhecida pelos reinos de fora como a família real mais bem apresentada e que não tinha nenhum caso de normas desfeitas, era a família típica para se seguir. Mas como todos não podiam ver, alguns deles tinham defeitos, Minseok era o ômega que seus pais sempre tiveram problemas, problemas que não saíram do castelo, mas quem mora e trabalha lá conhece bem.


Minseok era metido a alfa enquanto só era apenas um ômega.



[...]




— CONSEGUI! — Jongdae chegou em casa gritando fazendo Junmyeon e Yixing se assustarem por um instante, mas logo olharam para o filho. — Consegui pai!



— O quê? — Junmyeon perguntou e Yixing voltou para o que fazia antes do filho atrapalhar.


— Consegui um trabalho no castelo, eu sei que não é grande coisa por enquanto, mas trabalhar lá como cozinheiro pode me abrir portas para algo bem maior. — JongDae sorriu e Yixing se virou para o olhar. — O que acha, pai??


— Você vai conquistar todos naquele castelo com a sua comida. — O alfa disse.


— JongHyun e Sehun não estão em casa? — O rapaz perguntou e Yixing negou.


— Seus irmãos inventaram de ir andar a cavalo por aí, as vezes me pergunto para quem eles puxaram — Junmyeon olhou para Yixing que apenas deu de ombros. — E ainda se faz de besta.


— Quando eu era mais novo gostava de andar a cavalo e você nunca reclamou porque ia comigo. — Yixing disse rindo e Junmyeon o mostrou a língua fazendo Jongdae rir.


— Vou arrumar minhas coisas, o Rei Yifan disse que eu preciso levar minhas roupas pois só volto para casa nos fim de semana — Jongdae disse e os pais assentiram.



Trabalhar para o rei era uma das melhores coisas que JongDae poderia conseguir por enquanto, conseguiu ganhar a atenção de Yifan ao preparar um prato no restaurante e o rei gostar da comida. Como está em falta cozinheiro no castelo ele perguntou se o jovem alfa não queria trabalhar para ele, JongDae como não é nenhum pouco bobo aceitou, pois isso ajudaria bastante ele e sua família, já que Sehun ainda tem 18 anos e não trabalha.


O alfa correu para o quarto e começou a arrumar suas coisas, não eram muitas, pois seus pais não eram um casal que tinha muitas mordomias, mas eram um casal com um amor tão grande que chegava a ser engraçado, JongDae sempre ria do quanto seus pais são diferentes, Junmyeon mais racional mesmo sendo um ômega e Yixing mais emocional mesmo sendo um alfa, as vezes o ômega mandava dentro de casa e Yixing só assentia, mas eram um casal com muitas historias para contar.


A família Kim era uma família que mesmo com o pouco que tinha sorria e não deixava faltar nenhuma palavra de agradecimento por mais um dia, eram educados o bastante, Yixing e Junmyeon tiveram três filhos, três alfas meninos.


JongHyun.

Jongdae.

Sehun.


Era uma família com poucos caprichos, mas parecia ser a família mais animada daquele reino, e nenhum deles aparentava ter defeitos. Yixing e Junmyeon se orgulhavam de Jongdae, o filho do meio que fazia de tudo para conseguir sustentar os pais junto com JongHyun.



Jongdae mais parecia um ômega em sua ações, ao agradecer e sempre estar rindo e não falar grosso com ninguém, mas o rapaz era apenas um alfa, um alfa que sabe que não precisa levantar a voz para ninguém.


Enquanto Minseok que era príncipe e agia às vezes como o dono do mundo, não gostava de agradecer e nem ser repreendido. Jongdae era apenas um rapaz que corria atrás do seu sonho, mas que sabia que nem tudo na vida se ganha com ignorância, e ele espera chegar no castelo e ser bem tratado. 

1 de Julio de 2018 a las 17:15 1 Reporte Insertar 2
Leer el siguiente capítulo Capítulo Dois

Comenta algo

Publica!
Raquel Terezani Raquel Terezani
Olá! Escrevo-lhe por causa do Sistema de Verificação do Inkspired. Caso ainda não conheça, o Sistema de Verificação existe para verificar o cumprimento das Regras comunitárias e ajudar os leitores a encontrarem boas histórias no quesito ortografia e gramática; verificar sua história significa colocá-la entre as melhores com relação a isso. A verificação não é necessária caso não tenha interesse em obtê-la, então, se você não quiser verificar sua história, pode ignorar esta mensagem. E se tiver interesse em verificar outra história sua, pode contratar o serviço através de Serviços de Autopublicação. Sua história foi colocada "Em revisão" pelos seguintes apontamentos retirados dela: 1)Pontuação: No trecho “Eu preciso levar minhas roupas pois só volto para casa nos fim de semana.”, o correto é haver uma vírgula antes da palavra “pois”. / No trecho “Enquanto Minseok que era príncipe”, o correto seria haver uma vírgula antes de “que”. 2)Acentuação: No trecho “Eram um casal com muitas historias para contar”, o correto é “histórias”. 3)Outros: No trecho “Começou a ler vários do papéis”, a concordância correta seria “dos” / No trecho “Eu preciso levar minhas roupas pois só volto para casa nos fim de semana.”, a concordância correta é “nos finais”./ No trecho “Seus pais não eram um casal que tinha muitas mordomias”, a concordância correta é “tinham”. Observação: os apontamentos acima são apenas exemplos retirados de sua obra, há mais o que ser revisado. Aconselho que procure um revisor; é sempre bom ter alguém para ler nosso trabalho e apontar o que acertamos e o que podemos melhorar, e os revisores do Inkspired, quando contratados, fazem uma correção aprofundada e profissional, realizada por revisores capacitados e experientes. Caso se interesse, o serviço de Correção editorial e de estilo também é disponibilizado pelo Inkspired através do Serviços de Autopublicação. Também disponibilizamos o serviço de beta readers, que fazem uma análise detalhada de pontos específicos da história (como enredo e construção de personagens) e a enviam através de um comentário privado. Além disso, também temos o blog Tecendo Histórias, que dá dicas sobre construção narrativa e poética, e o blog Esquadrão da Revisão, que dá dicas de português. Confira! Bom... Basta responder esta mensagem quando tiver revisado a história, então farei uma nova verificação.
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 28 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión