Fúria de uma paixão! Seguir historia

botanybriefs Dara Luny

Um envolvimento amoroso passageiro com Trunks, mudará a vida de Pan para sempre. Será que o amor pode renascer, após uma grande decepção? (PanXTrunks).


Fanfiction Anime/Manga Sólo para mayores de 18.

#Universo alternativo #Videl #Gohan #Dragon Ball Z #Conflitos #Drama #Romance #Trunks #Pan
15
7.1k VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Cada 30 días
tiempo de lectura
AA Compartir

A dura realidade!

-


Trunks dirigia rapidamente pelas ruas da capital do oeste, a raiva se apoderava dele naquele momento, sentia-se um pouco culpado pela aquela situação que se encontrava. Namorava Mai fazia três anos e quando eles estavam prestes a marcar a data de casamento, Pan revelou para Bra, que ela teve um rápido caso com Trunks e que estava grávida. Quando Mai soube do que aconteceu parou de atender as ligações de seu noivo, deixando um recado que precisava pensar em toda aquela informação.


Ao estacionar seu carro em frente à casa de Pan, o homem de cabelos arroxeados desembarcou rápido e em passos largos aproximou-se da campainha e a tocou, seu semblante era sério, somente seus olhos transmitiam a fúria que este estava sentindo no momento.


Gohan foi atender a porta, já imaginava o teor da conversa, mandou sua filha ir para o quarto e esperar lá, que ele resolveria tudo, o filho de Goku sentiu que o ki de Trunks ocilava, pelo jeito ele estava muito nervoso.


- Entre Trunks – Falou friamente o moreno, contendo sua fúria, seu pai lhe aconselhou a manter a calma, pelo bem de Pan.


- Quero falar com sua filha – Exigiu autoritário o filho de Vegeta.


- Ela não vai falar com você! – Replicou Gohan um pouco irritado, já perdendo a sua aparente tranquilidade.


- Então, é com você que tenho que falar, já que ela é tão covarde que não quer me encarar – Retrucou ríspido, ganhando um olhar mortal do professor universitário.


- Minha filha está grávida e não fez aquele filho sozinha, ela tem apenas dezoito anos, é uma jovem inexperiente.... Quem era comprometido com alguém, que dizia amar era você – Silvio Gohan se aproximando do rapaz de olhos azuis.


- Sua filha não é nenhuma santa... Gohan, ela me seduziu – Vociferou irritado o filho de Bulma.


- Se fosse apenas por uma noite, podia até concordar com você, porém vocês tiveram esse caso por dois meses. Você só parou porque sua noiva estava desconfiada – Gesticulou nervoso o pai de Pan.


- Você está certo talvez a culpa também seja minha, por ter prolongado esse caso – Murmurou cruzando os braços.


- O que você tem na cabeça Trunks? Não estava contente com a Mai? Ela não era a mulher de sua vida? – Inquiriu indignado o irmão de Goten.


- Apesar de tudo que aconteceu.... eu ainda gosto da Mai, porém não consigo falar com ela...


- O que veio fazer aqui? – Perguntou o moreno impaciente, se segurando para não dar um murro na cara do rapaz.


- Queria pedir para Pan falar para Mai, que o filho que ela espera não é meu e que nunca tivemos um caso – Revelou nervoso, e foi nessa hora que Gohan perdeu toda a compostura e socou Trunks no rosto, o fazendo cair no chão.


Pan que estava em seu quarto sentiu que o Ki de seu pai estava se elevando. Contrariando a ordem dele, correu até o corredor e desceu as escadas. Quando chegou à sala enxergou o homem que amava caído no chão, colocando a mão no rosto.


- O que está acontecendo aqui? – Pediu preocupada.


- Esse canalha Pan, veio aqui tentar lhe convencer a mentir por ele – Falou Gohan irritado.


- Como assim? – Perguntou receosa encarando o homem que até outro dia dividia a cama.


- Pan, ele quer que você minta que ele não é o pai da criança que você espera – O moreno relatou cruzando os braços.


- É verdade Trunks? Você mentiu para mim todo o tempo que estivemos juntos? Você não iria deixar a Mai não é? – Sussurrou magoada.


- Pan, veja bem, tudo o que lhe disse era só para lhe levar para cama, foi somente sexo para mim. Eu amo a Mai, fui um cafajeste com ela – Confessou envergonhado o irmão de Bra.


- Seu desgraçado, mentiroso, como fui burra em acreditar em sua lábia, nas suas falsas palavras carinhosas. Eu sempre te amei Trunks e você se aproveitou de mim. Não quero nunca mais lhe ver, a partir de hoje eu faço questão que essa criança nunca saiba que você é o pai dela – Choramingou entre soluços, sendo amparada pelo pai.


- Fora Trunks e não volte nunca mais, fique longe do meu neto e da minha filha, diga o que quiser para Mai, não me importo mais. Se você ousar algum dia se aproximar de Pan e da criança se considere morto – Ameaçou o filho de Goku se desvencilhando da filha e pegando o empresário pelo braço e o jogando pra fora da casa.


O coração de Trunks por poucos minutos se apertou ao ouvir aquelas palavras, porém de forma passageira, pois um sentimento de alivio o invadiu, por poder ter sua Mai de volta, sem nenhum empecilho. Entrou em seu carro e foi em direção ao apartamento em que sua noiva morava, iria tentar conquistá-la novamente, mesmo que mentindo e renegando seu próprio filho. Sabia que seu pai não iria gostar do que ele fez, porém não se importava, sua mãe era outra que iria ficar indignada. Dava graças a deus que não morava junto com eles, senão a pressão iria ser grande.


-

Continua

-

11 de Marzo de 2018 a las 20:00 0 Reporte Insertar 5
Leer el siguiente capítulo Consequências!

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 8 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión