Short tale
0
4.1k VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Vazio


Você chegou de repente na minha vida

E trouxe brilho a escuridão

Você preencheu o meu vazio

Se tornando o meu tudo

Só para me deixar sozinha no final

Agora sinto como se minha cabeça fosse explodir

De tanto pensar no que poderia ter sido

No futuro que poderíamos ter tido

Esse sentimento continua a me incomodar

A dor e o sofrimento fluem pelas minhas veias

Se tornando o meu combustível

As palavras começam a parecer apenas um borrão

Que aos poucos vai perdendo o significado

E desaparecendo.

Quem olha pela janela da alma?

Talvez seja o vazio olhando para a imensa escuridão

Nada mais parece fazer sentido

Tudo parece a mesma coisa

E tudo parece nada.

Ou será o contrário?

Eu não sei mais a resposta.




March 16, 2020, 10:13 p.m. 0 Report Embed Follow story
1
The End

Meet the author

Mag W "Como gastamos os nossos dias é, certamente, como gastamos a nossa vida". Annie Dillard.

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~

More stories

Poetry: Rhymes of Evil Poetry: Rhymes of Evil
Covid -19, We can overcome. Covid -19, We can ov...